Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Nunca tinha ido à Suíça. Antes de nos conhecermos, a Carla já tinha visitado a Suíça por duas vezes em road trips pela Europa, mas eu nunca tinha posto os pés no país do chocolate e dos banqueiros. Este ano, acabámos por ter uma oportunidade inesperada de conhecer, ainda que de forma breve, a maior cidade suíça, Zurique (em alemão, Zürich). Esta oportunidade foi-nos oferecida, por assim dizer, pela Swiss Airlines, uma vez que, devido a overbooking, o nosso voo para Omã foi adiado por 24 horas. Ficámos assim em Zurique, hospedados num hotel perto do aeroporto, com voo marcado para o dia seguinte. Claro está que não podíamos deixar passar a oportunidade de conhecer uma das mais emblemáticas cidades helvéticas.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Localizada no nordeste do país, no centro da zona germanófona, Zurique possui cerca de 400.000 habitantes, sendo a mais populosa cidade suíça. Não é a capital do país (que é Berna), mas acaba por ser o centro financeiro, com todo o poder que daí advém, sendo sede dos principais bancos suíços e de uma das principais bolsas da Europa. Zurique é um paradigma da ideia que todos temos da Suíça, organização meticulosa, paisagem montanhosa, lagos cristalinos, e população com um nível de vida de topo. Este nível de desenvolvimento traduz-se nas infra-estruturas de educação, saúde, segurança e cultura e no facto de, consistentemente, Zurique ser considerada uma das melhores cidades do mundo para se viver.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Não tínhamos muito tempo, mas o que tínhamos queríamos aproveitar ao máximo. Era o início da tarde de um dia solarengo de Abril em Zurique. Por incrível que pareça, parecia Verão, já que as temperaturas rondavam os 25 0C. Depois de apanharmos o transporte entre o hotel e o aeroporto, apanhámos um dos muitos comboios que ligam o aeroporto à estação ferroviária central de Zurique, a Zürich Hauptbahnhof. Dali pode explorar-se o centro histórico da cidade a pé, já que os principais pontos de interesse estão aglomerados numa área limitada que vai desde a estação ferroviária, seguindo o curso do rio Limmat, até à embocadura com o lago Zurique.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Ficam aqui as nossas sugestões para um roteiro de um dia em Zurique, seguindo o nosso percurso circular começando, e acabando, na Zürich Hauptbahnhof.

1. Universidade de Zurique / ETH

Depois de atravessarmos a Bahnhofbrücke, subimos em direcção à universidade. Zurique conta com a Universidade de Zurique, administrada pelo Cantão de Zurique, e o Instituto Federal de Tecnologia da Suiça (Eidgenössische Technische Hochschule, conhecido como ETH). O ETH é a maior instituição científica do país e uma das mais prestigiadas da Europa, estando o seu nome associado a mais de 20 Prémios Nobel, sendo o mais notável Albert Einstein, que ali foi aluno e professor. Aliás, uma das razões que nos levou ali foi seguir alguns dos passos de Einstein em Zurique. A outra razão é que, do topo da colina onde se encontram os edifícios da universidade, se têm vistas fabulosas sobre a cidade, sobressaindo no skyline as numerosas igrejas e suas torres e agulhas.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

2. Limmatquai

Descendo a colina em direcção ao rio Limmat, atravessámos uma das zonas mais turísticas da cidade, cheia de ruelas estreitas, cafés e lojas de souvenirs. A Limmatquai é uma rua marginal ao rio, dando um passeio prazeroso enquanto apreciávamos o sol quente quase inédito naquela altura do ano. Junto à Rathausbrücke, fica o edifício da Câmara Municipal (Rathaus) da cidade.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Toda a rua está aliás decorada com uma série de pequenas casas coloridas, que pertenciam às associações comerciais (guildas) que estiveram na base do desenvolvimento económico da cidade no passado.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

3. Grossmünster

Seguindo em frente, chegámos à Münsterbrücke, e onde se encontra a imponente Wasserkirche. Dali subimos um pouco para chegar à catedral da cidade, Grossmünster, que data de 1220, mas cujas torres neogóticas são mais recentes, do século XVIII. Dali têm-se boas vistas para o outro lado do rio. Descendo novamente em direcção ao rio, chegámos a Utoquai, uma zona onde, no Verão, os habitantes da cidade se refrescam no rio.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

4. Bürkliplatz e o lago Zurique

Seguimos pela margem do rio e chegámos enfim ao lago Zurique. Seguindo em frente, fizemos um pequeno percurso pela margem do lago, até um pouco mais à frente do edifício da Ópera (Opernhaus). A marginal estava repleta de pessoas que passeavam ou, pura e simplesmente, se banhavam ao sol e comiam um gelado. O tempo solarengo e quente em Abril é pouco habitual e, para queles que vivem em Zurique, todos os raios de sol são para aproveitar ao máximo.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Voltando para trás, e cruzando o rio na Quaibrücke, chegámos à Bürkliplatz, de onde se podem apanhar os barcos turísticos e os ferries que cruzam o lago Zurique. Como não tínhamos muito tempo, e a tarde estava a chegar ao fim, decidimos deixar o passeio no lago Zurique para outra oportunidade, e deleitámo-nos «apenas» com a vista do lago e dos Alpes em pano de fundo (apesar da visibilidade não ser a melhor devido a neblina no horizonte).

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

5. Fraumünster e St. Peterskirche

Seguindo novamente em direcção à estação ferroviária, seguimos até à Fraumünster, uma das igrejas mais antigas da cidade, fundada em 853 como Abadia, com o direito de taxar impostos, organizar mercados e cunhar moeda. Mais à frente, encontra-se a St. Peterskirche, a mais antiga paróquia da cidade, e cuja torre domina a margem esquerda do rio, com o maior relógio da Europa.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

6. Lindenhof

Dali subimos para a colina de Lindenhof, a parte da cidade com ocupação humana mais antiga, como os achados de ocupação romana e celta atestam.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Do cimo da colina tem-se uma vista fabulosa sobre a Limmatquai e a margem direita do rio.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

7. Bahnhofstrasse

Da colina, descemos até ao rio e depois seguimos até à principal rua de comércio da cidade, a Bahnhofstrasse. É ali que se encontram as lojas das marcas mais luxuosas, e os cafés mais bem frequentados da cidade. Como era fim-de-semana, o movimento não era muito, mas deu para ter uma ideia da qualidade do parque automóvel da cidade, repleto de carros de topo de gama, decorrente do poder de compra dos habitantes mais endinheirados.

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Era tempo de voltar ao aeroporto e ao nosso hotel. No dia seguinte, a nossa viagem ia prosseguir, em direcção a Mascate, em Omã. O acaso tinha-nos oferecido uma excelente oportunidade para conhecer Zurique e resultou num passeio deslumbrante, com um tempo maravilhoso. Ficou a vontade de voltar.

PROCURE AQUI ALOJAMENTO EM ZURIQUE

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Roteiro de um dia em Zurique | Suíça

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus

Se gostou deste artigo poderá gostar de:

Faça as suas reservas através dos parceiros do nosso blogue.

Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão.

  • Reserve seu hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.
  • Ganhe 35€ no Airbnb quando reservar com este link.
  • Faça seguro de viagem na World Nomads ao menor preço do mercado.
  • Alugue carro usando o Rent a Car, comparando o melhor preço e escolhendo com comodidade antes de viajar.
  • Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato.

24 Comentários

  1. Luana Gonçalves diz: Responder

    Oi Carla, tudo bem?
    Adorei as dicas para Zurich, viajarei com a Swiss e ficarei um dia na cidade. O hotel que vocês ficaram era próximo ao aeroporto? O vôo sai no outro dia as 07:00, gostaria de uma dica de hotel próximo!
    Obrigada!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Olá Luana. Sim, o hotel é muito bem localizado para quem tem voos cedo. Para além disso, os tranfers são grátis o que dá muito jeito com as malas.

  2. Que post lindo! E que cidade mais deliciosa, Carla! Parabéns! Adorei o passeio :)

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada. 😀

  3. Adoro esses imprevistos que nos surpreendem. Suíça é um encanto. Só acho muito cara.

    1. Carla Mota diz: Responder

      É mesmo cara. O eterno problema.

  4. Que cidade linda!! E deram sorte, né: 25 graus em abril!!! Deu pra passear numa boa!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Foi mesmo sorte, Adriana. Foi demais. 😀

  5. Quando um imprevisto vira um grande negocio! Que lugar mais gracinha! Não conheço ainda, mas tá muito na minha lista!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Foi mesmo. ehehehh 😀

  6. ahhh que ótimo, agora ja tenho o basicão pra minha visita! vou dia 29 deste mÊs!!! meu primeiro voo internacional foi com a swiss airlines, um dos melhores da vida!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Vai adorar. Não esqueça de utilizar as dicas. Boa viagem. Aproveita bem. 😀

  7. Olá pessoal, quando fomos, ficamos dois dias, e ainda fizemos o passeio de barco pelo lago Zurique, que nos levou a outros cantos apaixonantes às margens. A cada parada, tinha vontade de explorar mais e mais, mas não podíamos parar, porque já era o último horário. Parabéns pelo relato, ficou muito bom!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Um dia vamos voltar para fazer o barco. A viagem de comboio também é magnífica. Tem que experimentar. Nós já fizemos há muitos anos.

  8. Fiz um roteiro bem parecido com o seu em novembro passado. Adorei a cidade, pena que é tão cara. Gostaria de voltar a Zurique para passar mais tempo.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Sim, é mesmo uma pena ser tão cara.

  9. Overbooking mais que providencial, hein? Cidade lindaaaaa!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Verdade. ehheheheh 😀

  10. É impossível não recorrer ao lugar comum e dizer que é tudo muito lindo e preservado. Mas o difícil mesmo é pronunciar tantos nomes complicados, heim?! rs.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Verdade. eheheheh 😀

  11. Bom quando acontece essas coisas e conseguimos aproveitar eim!
    Ainda não conheço essa cidade, mas olhando as fotos e vendo o seu relato gostei muito. Que cidade linda.
    Colocarei no meu próximo roteiro.
    Obrigado por compartilhar.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Diego.

  12. Até que foi bom esse overbooking, hein? Nada mau… Eu amei Zurique. Na verdade, foi uma das cidades que mais amei na Suíça até hoje. Linda, organizada. Da próxima, vão ao Zoo. Eu adorei!! Muito bom o post, obrigada por me fazer relembrar…

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada nós, Michela.

Deixe uma resposta