Viajar entre Viagens | 10 anos e 1000 artigos a inspirar a viajar mais e melhor

Viajar entre Viagens

O Viajar entre Viagens é um projecto a quatro mãos, as da Carla e do Rui. Quatro mãos que escrevem e clicam na máquina fotográfica, juntas, há mais de 10 anos. A nossa vida uniu-se quando trabalhávamos numa escola secundária em Celorico de Basto. Muita coisa mudou desde a nossa primeira viagem, que não foi a sós, mas sim uma visita de estudo aos Açores, na companhia de um grupo magnífico de alunas. Seguiram-se diferentes caminhos por Portugal e um Interrail pela Europa. Era o início de uma paixão, entre nós, e pelas viagens, que nos manteve juntos e a viajar há 12 anos.

Viajar exige sacrifícios, a maioria de ordem económica, já que todos os dias fazemos escolhas, abandonamos países, lugares e aventuras (em detrimento de outros), abdicámos de programas para poupar. Mas não há ressentimentos. São escolhas conscientes.

Das nossas inúmeras viagens pelo mundo destacam-se:

2006: Açores, Interrail (Espanha, França, Reino Unido, Holanda, Polónia, Hungria, Eslováquia, Roménia, Itália).

2007: Índia Rail (Índia e Nepal), Irlanda

2008: América do Sul (Chile, Peru, Bolívia, Equador) e  Andorra, Escócia, Suécia

2009: Transmongol (Rússia, Mongólia, China) e Grécia

2010: Médio Oriente (Egipto, Jordânia, Israel, Síria, Palestina) e Estónia, Letónia, Lituânia, Finlândia, Marrocos, Espanha, Itália, Vaticano, Reino Unido

2011: Sudeste Asiático (Tailândia, Cambodja, Laos, Malásia, Vietname, Singapura) e Expresso do Oriente (Sérvia, Hungria, Bulgária e Turquia) e Argentina, Chile, Uruguai, Paraguai

2012: Rota dos Maias (México, Belize, Guatemala, Honduras) e Irão, Argentina

2013: Rota da Seda (Turquia, Irão, Turquemenistão, Uzbequistão, Quirguistão, China) e Senegal, Argentina

2014: Exploração do Árctico (Gronelândia, Islândia) e Dinamarca, Quénia, Tanzânia, EUA, Açores

2015: África Austral (África do Sul, Namíbia, Botswana, Zimbábue) e Japão, Itália, Svalbard

2016: África Oriental (Zimbábue, Zâmbia, Malawi, Tanzânia) e Tunísia, França, Alemanha, Cabo Verde

2017: Bélgica, Noruega, Suiça, Maldivas, Omã, Índia, Espanha

De todas estas viagens pelo mundo, muito ficou por contar, tanto que nem sabemos por onde começar. Mas todos estes anos temos também viajado por Portugal, nunca descurando a divulgação e o que de melhor existe no nosso país. O tempo não dá para escrever sobre tudo porque o nosso blogue é um projecto pessoal, e ambos temos uma vida profissional que tentamos conciliar com esta aventura. A nossa prioridade é viajar e, só depois, escrever sobre as viagens. Gostamos que seja assim e queremos que assim continue. Temos conseguido manter este equilíbrio, nem sempre fácil, mas que muito nos orgulha. Porque hoje atingimos o nosso post número 1000 (sim, mil artigos no nosso blogue), achamos que era hora de fazer um balanço e perceber o que é isto do Viajar entre Viagens, um blogue que cresceu mais do que alguma vez podíamos ter sonhado e ambicionado.

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida, culminando num doutoramento nos Andes, investigando ambientes glaciares. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

8 Comentários

  1. Fàtima Pereira diz: Responder

    Obrigada por nos permitires “viajar” um pouquinho contigo e mostrares locais maravilhosos!

    1. Rui Pinto diz: Responder

      Obrigado nós. 😀

  2. Já sigo o vosso blog há uns anos, e gosto imenso do que escrevem por aqui. Por isso não queria deixar de dar os parabéns pelos 1000 artigos! Sei que li a maior parte deles, e lerei os próximos com muito gosto 😀

    1. Carla Mota diz: Responder

      Que coisa tão boa de ler. <3 Obrigada, Catarina. De coração. 😀

  3. Parabéns! =D

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Filipa. 😀

  4. Parabéns! Venham mais 1000 ! :)

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Paulo. 😀

Deixe uma resposta