Medidas para ser um VIAJANTE RESPONSÁVEL durante a pandemia | Um cidadão responsável é um viajante responsável

Medidas para ser um VIAJANTE RESPONSÁVEL durante a pandemia | Um cidadão responsável é um viajante responsável

Em tempos de pandemia viajar por motivos de lazer parece roçar o “crime”, como se o nosso bem estar pessoal e interior fosse menos importante do que o nosso bem estar físico. Não o é, nem deve ser. Já os gregos sabiam que corpo são e mente sã são o segredo para uma vida com saúde. Contudo, é importante ser um viajante responsável durante a pandemia. A boa notícia é que ser um viajante responsável não exige mais nada do que ser um cidadão responsável.

Veja este nosso artigo sobre a temática como será viajar depois da Pandemia? Um exercício de reflexão.

Medidas para ser um VIAJANTE RESPONSÁVEL durante a pandemia | Um cidadão responsável é um viajante responsável

Porque devemos continuar a viajar

Viajar por prazer e lazer é, e deverá que continuar a ser, uma das melhores formas que temos para aprender, respirar novos ares, conhecer lugares e culturas diferentes, valorizar os outros e a nós próprios. Há inúmeras vantagens em viajar e, se o deixarmos de fazer, será um retrocesso civilizacional e emocional.

O mundo pode não parecer tão apelativo como era, especialmente porque somos toldados pelo medo de ser contagiado, de contagiar e de colocar os nossos ente queridos em perigo. Contudo, toda a nossa vida deve ser pautada por essas mesmas preocupações não só agora mas quando andamos de carro, quando atravessamos a estrada, quando pensamos noutras doenças, quando consumimos tabaco, álcool, estupefacientes, comidas altamente calóricas ou quando não fazemos exercício físico. Precisamos de ser saudáveis e continuar saudáveis, por nós e pelos outros. Isso é válido para a Covid-19 mas também para outras tantas maleitas que matam no mundo.

O lazer não pode ser diabolizado em relação ao trabalho. É igualmente válido e faz de nós pessoas mais saudáveis. Precisamos correr, rir, brincar, dar ar puro às nossas crianças, semear alegria e esperança. As viagens, sejam onde for, servem esse propósito na perfeição.

Ser viajante responsável durante a pandemia é apenas ser um cidadão responsável

Não podemos sucumbir ao medo de viver por causa do Covid-19. Precisamos de nos saber adaptar a essa doença e a esse medo. Acredito que a maioria dos cidadãos portugueses são responsáveis. Usam máscaras quando são obrigatórias, seguem as recomendações da OMS e da DGS, cumprem o isolamento físico quando lhes é pedido, têm cuidados porque não querem ser contagiados. Muitos por medo, muitos por respeito às autoridades, a maioria porque acredita que numa sociedade de direito é assim que se “ganham as lutas”. Independentemente da razão por que o fazem, a verdade é que o importante é que sejam cidadãos conscientes, tais como a maioria tem sido. Isto é válido no nosso país, no país dos outros ou em trânsito. Isto faz das viagens uma atividade com o mesmo risco de contágio do que as migrações pendulares que todos fazem de casa para o trabalho ou os riscos que temos quando estamos no local de trabalho.

Medidas para ser um VIAJANTE RESPONSÁVEL durante a pandemia | Um cidadão responsável é um viajante responsável

Medidas para ser um viajante responsável em tempos de Pandemia


Viajar em tempos de pandemia pode acarretar esforços maiores na logística da viagem mas, no fundo, se for um cidadão consciente, será também um viajante consciente.

1 – Faça um teste Covid-19 antes de partir

A maioria dos destinos do mundo exige que faça teste covid-19 antes da partida. Assim, se vai viajar, o mais provável é que o tenha obrigatoriamente de fazer. Contudo, ainda que o seu país de destino não o exija, pondere fazê-lo. Será mais seguro para si e para os outros. Nós decidimos ir no Natal e na Passagem de Ano para a Suécia. O país não exige teste mas, como forma de nos sentirmos mais confiantes em viajar, decidimos marcar um teste e fazer. Marcamos numa clínica privada e, como temos ADSE, pagamos 65€/pessoa. Se não tivéssemos ADSE penso que custaria 92€/pessoa. Decidimos assumir esse custo como se fizesse parte do voo. Não quer dizer que todos tenhamos que o fazer, porém nós sentimo-nos mais confortáveis assim, sabendo que não estamos a transportar o vírus para outro local.

2. Mantenha a distância física

Uma das melhores formas de nos mantermos saudáveis e cuidar dos outros é manter a distância física. E digo propositadamente física e não social. Podemos conviver com outras pessoas, conhecer outros povos e lugares. Não devemos é estar tão próximos. Podemos conviver normalmente com estranhos em espaços livres e abertos e, quando obrigatório, usar máscaras. Em lugares fechados e transportes públicos, se forem essas as recomendações, usar máscaras. Manter a distância física de segurança não implica não ter experiências sociais. Implica apenas ter cuidados para não nos colocarmos a nós e aos outros em risco.

3. Higienize as mãos

Os epidemiologistas e médicos há muito que nos “torturam” nas consultas dos viajantes com o “lavar tudo cuidadosamente, inclusive as mãos”. Confesso que facilitávamos, mais eu que o Rui (ele é mais obsessivo com essas coisas). Contudo, numa altura como estas é prudente que não facilitemos. Não é preciso ser obsessivo, caso contrário até perderemos a nossa imunidade natural, mas nesta altura, convém reforçarmos o número de vezes em que lavamos as mãos e nos higienizamos. Tudo em dose moderada e cuidada. Não é preciso cair em exageros, nem num lado, nem no outro.

4. Cumpra as regras estabelecidas

Este é o principal conselho que temos para nós e para si. É muito importante cumprir as regras emanadas pelas autoridades dos países. Se há máscaras de uso obrigatório em determinados contextos, deve-se cumprir. Se não se pode circular entre concelhos, igualmente. Se há recolher obrigatório ou dever de confinamento, devemos cumprir. Nós recomendamos que conheça o site onde estão estas recomendações para o país para onde vai viajar. É imprescindível conhecer as regras para as poder aplicar. Não facilite neste aspecto. Confie nas autoridades e instituições de saúde mundiais e dos destinos para onde vai. Se for viajar para um destino em África ou Ásia, não facilite e faça a consulta do Viajante.

5. Não use máscaras descartáveis

No caso de as autoridades de saúde recomendarem a obrigatoriedade do uso de máscaras, use-as. Contudo, não deve usar máscaras descartáveis. Use máscaras de pano e sociais. As máscaras descartáveis são um retrocesso civilizacional no que toca a desperdício de recursos. Os oceanos e mares começam a encher-se de resíduos destas máscaras. O mesmo para as ruas e para os rios. Evite a todo o custo as máscaras descartáveis. Use máscaras de tecido, quer em viagem, quer em Portugal. Isso é ser um viajante responsável durante a pandemia mas também ser um cidadão consciente.

6. Faça seguro de viagem

Não viaje sem seguro de viagem. Não facilite. Pode ser infectado noutro país. Pode ter teste positivo antes de sair. Muita coisa pode acontecer. Se quer ser um viajante responsável em tempos de pandemia faça seguro de viagem. A IATI tem um seguro que é especial para viagens dentro de Portugal e da Europa. Este novo seguro cobre actividades como cicloturismo, trilhos, roadtrips, autocaravana, campers. O cancelamento da viagem por conta do Covid-19 não está coberto por se tratar de uma pandemia, mas para qualquer lugar do mundo todos os seguros da IATI cobrem tratamento por contágio por coronavírus e essa informação consta no certificado da apólice, já que alguns países pedem um seguro obrigatório com esta cobertura. Outra novidade é que pode optar por uma cobertura de cancelamento em caso de resultado positivo para COVID-19, seja do segurado, pais ou filhos. Isso significa que ao contratar o seguro de cancelamento opcional dos packs seguro de viagem + seguro de cancelamento ou o seguro IATI  Cancelamento, caso o segurado resulte positivo terá direito a cobertura de anulação da viagem nos limites do seguro contrato. Não há melhor seguro no mercado nesta altura! Pode fazer o teu seguro IATI ESCAPADINHAS aqui com 5% de desconto!

7. Respeite os outros

No fundo, ser um viajante responsável durante a pandemia não é diferente de ser um cidadão responsável. Tudo isto vem com o respeito por nós, pelos nossos e pelos outros. O respeito por todos deve ser a base da nossa conduta. Um cidadão consciente em Portugal será um viajante responsável durante a pandemia em qualquer destino do globo. Tudo indica que o risco de apanhar Convid-19 em viagem é menor ou equivalente ao de apanhar a doença num local de trabalho.

Medidas para ser um VIAJANTE RESPONSÁVEL durante a pandemia | Um cidadão responsável é um viajante responsável

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

QUE EQUIPAMENTO FOTOGRÁFICO USAMOS

Esta é provavelmente uma das perguntas que mais recebemos. A resposta é simples e está aqui. Desde drone, câmaras fotográficas, computadores, etc. Tudo o que vai na nossa bagagem está aqui.

  DSLR Camera free icon Máquinas fotográficas e drones sinal de símbolo de ícone de computador - Download Vetores Gratis ...Computador e gadgets

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão TRANSFERWISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartão. . Este blogue contém links de programas de afiliados.

12 Comentários

  1. ana diz: Responder

    Você tem toda razão. E infelizmente muitas pessoas não estão seguindo as regras, vi isso em uma viagem recente.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Quando não se é um cidadão responsável também não se será enquanto viajante. Felizmente, aqui em Portugal, a maioria das pessoas são responsáveis.

  2. Marcella diz: Responder

    Ótimas recomendações! A única maneira de viajar agora é sendo muito responsável. Ou então é melhor ficar em casa mesmo!

    1. Carla Mota diz: Responder

      O turismo tem que recomeçar mas para que seja seguro e positivo para todos, temos que ser viajantes responsáveis durante a pandemia.

  3. Dhebora diz: Responder

    Aqui no Rio de Janeiro tá difícil encontrar um cidadão responsável, quem dirá um viajante responsável nessa pandemia. Mas tenho fé de que as coisas irão melhorar e que surgirão muitos viajantes responsáveis nessa retomada do turismo.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Espero que sim. Aqui na Europa a pandemia está pegando forte mas, do que vejo, a esmagadora maioria das pessoas respeita as regras e cumpre. Acredito que se fizermos isso em viagem seremos também viajantes responsáveis durante a pandemia.

  4. ANGELA MARTINS diz: Responder

    Ótimas recomendações! Procuro ser um viajante responsável durante esta pandemia!

    1. Carla Mota diz: Responder

      É importante sabermos as regras para poder ser um viajante responsável durante a pandemia.

  5. marcela diz: Responder

    Nós voltamos a viajar tem 2 semanas e estamos fazendo de maneira bastante responsável, com nosso próprio carro e em locais tranquilos. Tem sido muito bom

    1. Carla Mota diz: Responder

      Há que reaprender, mas acredito que se formos responsáveis no dia-à-dia, também o seremos em viagem.

  6. Olivia diz: Responder

    Ola Carla e Rui gostaria de vos contactar
    como obter seu email ou outro meio de comunicação
    Obrigada
    Olivia

    1. Carla Mota diz: Responder

      Olá Olívia. O nosso email é viajarentreviagens@gmail.com Obrigada

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.