Os maiores ERROS QUE OS VIAJANTES cometem (e que pode evitar)

Os maiores ERROS QUE OS VIAJANTES cometem (e que pode evitar)

Os viajantes, mais ou menos experientes, continuam a cometer vários erros em viagem. Os primeiros porque tendem a facilitar, os segundos, por falta de experiência. Assim, os erros em viagem são mais comuns do que possamos pensar e por isso resolvemos dedicar-lhes um artigo. Há erros  que se cometem em viagem que são básicos, basta um pouco de bom senso para os evitar. Mas a percepção de outros erros em viagem resultam da nossa experiência e da aprendizagem que fazemos no terreno. Resolvemos criar uma lista com os principais erros em viagem que os viajantes cometem, tentando de alguma forma minimizá-los.

1. Marcar voos sem confirmar se há tempo útil para tratar dos vistos

Parece básico mas muita vezes somos levados pelos impulsos e compramos bilhetes de última hora para aproveitar os preços. Os preços podem ser bons mas se o destino exigir visto e o tratamento do visto for moroso não é nada boa ideia. Por exemplo, uma viagem pela Ásia Central ou na Rota da Seda não pode ser decidida à última da hora já que os vistos são muito morosos. O mesmo se aplica a grande parte dos países africanos. Antes de comprar o seu voo, consulte a situação do visto.

2. Levar demasiadas coisas

Este é um dos erros em viagem mais comuns, especialmente em viagens longas. Quando fazemos a bagagem temos tendência a colocar lá dentro um conjunto de coisas que “podemos” precisar. O problema reside precisamente neste “podemos”. Na bagagem devemos levar apenas o que vamos mesmo precisar. Para além disso, o excesso de coisas na nossa bagagem torna difícil encontrarmos as coisas que pretendemos. Se precisarmos de coisas que não levamos, compraremos no local. A maioria das vezes nem as vamos comprar porque nos vamos desenrascar, tentando substitui-las por outras ou, simplesmente não eram importantes.  Levar carga em excesso torna a nossa viagem mais lenta e mais cansativa. Pode ver o que levar numa bagagem neste post.

3. Não confirmar as informações e reservas

Este é mais um clássico dos erros em viagem. Compramos viagens de avião, fizemos reservas de alojamento e passeios e tudo ficou preparado com bastante antecedência. Perfeito! É verdade, mas convém confirmar tudo antes de sair de casa. Os voos podem ser cancelados ou terem sofrido alterações. Os alojamentos podem ter sido cancelados ou a nossa reserva pura e simplesmente esquecida. Em viagem já tivemos um voo de regresso da China cancelado e vários alojamentos marcados, nos quais batemos com o nariz na porta. Confirme todas as suas reservas antes de sair de casa.

4. Não fazer cópias de segurança das fotografias

Estúpido! É isso que pensamos quando perdemos fotografias de viagem. Felizmente não acontece muitas vezes. As únicas fotografias de viagem que perdemos até hoje foi as de um mergulho com tubarões e manantins no Belize. Quando percebemos que não tinha feito cópias daquelas fotografias era tarde demais. Os cartões já tinham sido apagados e voltados a fotografar. Apesar do software disponível online para recuperar fotografias, já não houve hipótese. Agora fazemos sempre duas cópias de segurança das fotografias de viagem em dois discos externos e uma no computador portátil. Quase tão mau como não viajar, é viajar e perder as memórias visuais dessas viagens.

5. Ter o dinheiro todo junto

Este é mais um dos erros em viagem comuns nos viajantes menos experientes. Nunca se deve concentrar o dinheiro todo no mesmo local. Divida o dinheiro por vários locais, uns na mochila, outros em ti. É importante que o dinheiro esteja dividido para se for roubado, ter sempre como te desenrascar. Onde guardar o passaporte e o dinheiro? Bolsa interior (os ladrões também sabem que existem “money belts”), mochila diária, por baixo das palmilhas das botas ou sapatilhas, etc. Podes ver este nosso post sobre Segurança em Viagem.

6. Não fazer cópias dos documentos

Os viajantes tendem a viajar com os seus documentos e, só quando estes se perdem ou foram roubados é que surge a ideia: deveria ter feito uma cópia dos documentos! Pois é, faça cópias do passaporte, cartão de cidadão, cartão multibanco e seguro de viagem. Envie essas cópias por email para um ou dois amigos e familiares (assim como para o seu próprio email). No caso de terem vistos previamente tratados, fazer o mesmo com as páginas dos vistos.

7. Ficar sem dinheiro porque se subestimou o orçamento

Preparou uma viagem sem ter em conta o dinheiro que precisava para a fazer? Gastou mais dinheiro do que pensava no início? Perdeu o controle e gastou mais do que devia? Pois bem, isto já aconteceu a todos, acredite! Tem é que tentar programar bem o seu orçamento para que a viagem, em termos financeiros, não seja uma catástrofe. Pode ver aqui algumas dicas para poupar em viagem. Erros em viagem! Solução: pesquisa, pesquisa, pesquisa…

8. Limitar-se aos percursos turísticos

Os lugares turísticos são, na maioria das vezes, locais obrigatórios para se visitar. No entanto não fique por aqui. Visitar locais turísticos não é um erro, o erro é ficar-se apenas por aí. Veja mais e explore aquilo que lhe parece menos provável.

9. Não ler os comentários dos alojamentos onde vai ficar

Escolher alojamentos só pelas fotografias pode não ser boa ideia. O mais fiável é ler os comentários disponíveis no site de marcação do alojamento. Porquê? Porque estes comentários são isentos e permitem ter noções sobre muitas coisas que são importantes e que normalmente as fotografias não mostram, tais como: localização, limpeza, segurança, simpatia dos funcionários, etc. Os principais instrumentos de reserva de alojamento têm reviews de outros viajantes. Leia-os com cuidado e veja se há indicações de roubos ou insegurança no alojamento ou nos bairros onde estão localizados.

10. Não verificar se tem roaming no local de destino

Erro frequente: levar telemóvel com SIM que não tem serviço de roaming no país de destino. Não vem grande mal ao mundo com isso, já que se o telemóvel estiver desbloqueado, pode comprar um SIM local e utilizar (que até vai ficar mais barato). Mas se o telemóvel não estiver desbloqueado esse pode ser um problema. Uma solução poderá ser a internet e a utilização do Skype e do Whatsapp para as comunicações.

11. Alojar-se muito longe do centro

A questão da escolha do alojamento pode levar a muitos erros em viagem. A escolha do alojamento depende muito do tempo que vai ficar no local e do que se vai fazer. Nas nossas viagens privilegiamos sempre a localização. Preferimos ficar em locais com menos comodidade e higiene, no centro da cidade, do que em lugares mais cómodos, afastados do centro ou nas periferias. A localização é para nós o principal critério para escolher um alojamento. Procuramos locais no centro ou próximo das estações de comboio e metro. Não ver a localização do alojamento no momento da reserva pode ser um erro porque por vezes os alojamentos ficam a quilómetros dos locais indicados nos sites de reservas e, sem transporte pessoal isso pode ser um problema.

12. Não pesquisar sobre o destino de viagem

Pesquise, pesquise, pesquise. Esta é uma das melhores dicas que pode receber. Não pesquisar sobre o destino de viagem deixa o viajante mais vulnerável a incumprimentos legais, susceptibilidades culturais, contratempos e a desrespeito pelas culturas e hábitos da população. A pesquisa nunca é demais.

13. Marcar voos com escalas muito curtas

Pode parecer lógico mas não é. As escalas em média nunca devem ser inferiores a duas horas, no entanto, um atraso inferior a três horas não dá direito a indemnização por perda de voo. Isso é um problema. Tente marcar voos com conexões de pelo menos três horas. Numa viagem de regresso do Vietname para Portugal perdemos o nosso voo de ligação de Madrid para o Porto devido a um atraso de cerca de três horas do voo. Tivemos que ficar uma noite a dormir no aeroporto, comprar outro voo e faltar ao primeiro dia de trabalho. Não arrisque, tente ter três horas de escala nos voos de ligação, caso contrário será um dos erros em viagem.

14. Não comprar artigos locais logo quando os vê

Há tantas coisa boas e bonitas para comprar em viagem. Obviamente não se podem comprar todas. Um dos principais erros que cometemos em viagem é não comprar artesanato logo que o vemos. Frequentemente pensamos “compramos depois” e, depois, perdemos a oportunidade. Ficamos destroçados. Compramos imenso artesanato em viagem (que frequentemente despachamos para Portugal) mas estamos sempre a dizer a nós mesmos: “Não deixes para amanhã o que podes fazer hoje!”.

15. Escolher mal a companhia de viagem

Não sabemos se será melhor viajar sozinho ou acompanhado, mas definitivamente, é preciso saber escolher a companhia. Viajar acompanhado é óptimo porque partilha-se frustrações e alegrias com alguém que nos está próximo e fortalece os laços de amizade. Mas viajar sozinho também é um desafio e deixa-nos mais disponíveis para conhecer outras pessoas. Quando viaja acompanhado tem que escolher bem a pessoa com quem o faz porque há imensos contratempos que vão surgir, gerando discussões. As viagens acompanhadas cansam e desgastam. O pior que quer que lhe aconteça em viagem é ter ao seu lado alguém que não lhe diz nada, com quem não tem interesses comuns ou com quem não se diverte.

Os maiores ERROS QUE OS VIAJANTES cometem (e que pode evitar)

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

 Este blogue contém links de programas de afiliados.

6 Comentários

  1. Ester diz: Responder

    Quanto tempo minimo de escala recomendam para voos nos EUA tendo em conta que ainda é necessário passar pela imigração?

    1. Carla Mota diz: Responder

      Ester, no mínimo duas horas.

  2. Boas dicas.
    Algumas já as faço. Em relação a fazer copias aos documentes embora o diga todos os anos que o vou fazer o que é certo é que nunca o fiz.
    Espero este ano não ficar só em vontade.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Só é preciso fazer uma vez, depois guardas no email e vai sempre contigo. 😉

  3. Excelente artigo, Parabéns

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Pedro. 🙂

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.