VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo e no Grande Lago do Alqueva

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo e no Grande Lago do Alqueva

Visitar Monsaraz é conhecer um lugar mágico, uma pequena vila de casas caiadas de branco guardada por um castelo e muralhas medievais, e situada numa imponente crista rochosa de onde se têm vistas para a imensa planície alentejana e para o grande lago de Alqueva.

Procura ideias de lugares para visitar em Portugal? Consulte o nosso artigo com mais de 50 lugares a visitar em Portugal.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

O património histórico e arquitectónico da vila medieval de Monsaraz granjeou-lhe o título de “Museu Aberto” e o reconhecimento geral surgiu quando foi votada, em 2017, como uma das “7 Maravilhas de Portugal – Aldeias”, na categoria de Aldeias Monumento.

Se gosta de aldeias, não deixe de consultar o nosso artigo sobre visitar a Serra da Lousã e conhecer as aldeias de xisto.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo
Ver esta publicação no Instagram

VIAGEM PELA GEOGRAFIA DE PORTUGAL – DIA 67 – MONSARAZ . . 🇵🇹 Monsaraz é um lugar especial no Alentejo, nós sentimo-lo. Local de mitos e lendas, de história milenar. Um lugar para se parar. Sentir. Observar. Respirar a sua Geografia. Que outros lugares em Portugal consideram assim especiais? . . 🇬🇧 Monsaraz is a special place in the Alentejo, we feel it. Place of myths and legends, of ancient history. A place to stop. To feel. Observe. Breathe your Geography. What other places in Portugal do you consider special? . . . . . #portugalcomefeitos #portugal #portugal_a_gramas #portugal_em_fotos #portugalovers #portugaligers #portugalemclicks #portugaldenorteasul #visitportugal #Alentejo #turismodeportugal #turismodoalentejo #monsaraz #viajarentreviagens #video #travelinstagran #travelvideo #djiportugal #euficoemportugal #divulgarportugal #explorarportugal #visitarportugal #fugasporportugal

Uma publicação partilhada por Carla Mota & Rui Pinto (@viajar_entre_viagens) a


Visitar Monsaraz medieval

Tal como toda a Península Ibérica, Monsaraz cai sob domínio islâmico no século VIII, passando a designar-se Sarish e a pertencer ao reino de Badajoz. Esta ocupação iria durar séculos e marcar profundamente a identidade da vila. A Reconquista Cristã chegaria em 1167, pelas mãos do mítico Geraldo Sem Pavor (aquele que tomou Évora), mas por poucos anos, voltando a cair sob o domínio muçulmano. Só em 1232 os cristãos conquistariam definitivamente Monsaraz, liderados pelo rei D. Sancho II, tendo a vila sido doada à Ordem dos Cavaleiros Templários, que participaram activamente na campanha militar. O foral de Monsaraz seria concedido por D. Afonso III em 1276 e são edificadas estruturas de defesa da vila como o castelo e a fortificação medieval.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Na crise da independência de 1383-85, Monsaraz seria tomada pelos castelhanos, mas seria recuperada por D. Nuno Álvares Pereira, que doaria a vila ao seu neto, passando Monsaraz a fazer parte da Casa de Bragança. Após a Restauração da Independência (1640), a fortificação de Monsaraz seria reformulada, assumindo o aspecto que hoje podemos testemunhar. Na guerra civil de 1828-1834, Monsaraz toma o partido dos miguelistas, o que lhe poderá ter custado o facto de ter perdido o título de sede de concelho para a nova vila de Reguengos de Monsaraz em 1838. Hoje, a pequena vila medieval continua a exercer um fascínio sobre todos aqueles que a vislumbram pela primeira vez, tal como há séculos o tem vindo a fazer.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Visitar Monsaraz, destino de praia (de albufeira)

Apesar de Monsaraz estar localizada no Alentejo interior, a poucos quilómetros da fronteira espanhola, a vila assumiu-se nos últimos anos também como destino de praia, neste caso de albufeira. Isto porque a margem da albufeira do Alqueva, o maior lago artificial da Europa, está mesmo ao lado de Monsaraz, que possui agora uma praia fluvial que atrai cada vez mais aqueles em busca de um banho para fugir ao calor alentejano, um passeio de barco para explorar as ilhas da albufeira, ou da adrenalina das actividades aquáticas. O concelho de Reguengos de Monsaraz possui vários pontos de acesso ao lago e muitos quilómetros de margem, sendo esta uma atracção que tem vindo a contribuir para o desenvolvimento da região.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Visitar Monsaraz megalítica

Apesar de a história do período islâmico, e principalmente cristão, ter moldado a Monsaraz que conhecemos hoje, a verdade é que a ocupação humana da vila data dos tempos pré-históricos,tendo a vila sido um castro fortificado, mais tarde romanizado e depois ocupado por visigodos. Existem na região centenas de monumentos relativos ao paleolítico, neolítico e calcolítico, tais como antas, cromeleques e menires, cuja visita permite ter uma ideia das construções que os nossos antepassados edificavam, erigindo grandes blocos de granito numa paisagem predominantemente plana, provavelmente dedicados a cultos de fertilidade ou adoração dos céus e natureza. Hoje, conhecer estes monumentos é mais uma boa razão para visitar Monsaraz.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Visitar Monsaraz, Capital dos Vinhos de Portugal

Quando visitar Monsaraz, não pode perder a oportunidade de conhecer aquela que é considerada a Capital dos Vinhos de Portugal, a vila de Reguengos de Monsaraz. Quando se transformou em sede de concelho, em meados do século XIX, os autarcas apostaram na compra de terras à Casa de Bragança e à plantação de vinha, numa estratégia que deu frutos em poucos anos e que, conseguindo ultrapassar dificuldades e crises, conseguiu afirmar-se como uma das regiões vinícolas mais importante de Portugal, sendo o vinho de Reguengos classificado como de “Denominação de Origem Protegida” (DOP).

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Hoje, o interesse cresce em torno da qualidade e tradição vinícola da região, sendo o enoturismo uma das áreas em maior crescimento no concelho. Não deixe de visitar uma unidade de produção, provar os vinhos produzidos localmente, e deliciar-se com as castas Trincadeira e Aragonez (tintas) ou Antão Vaz e Arinto (brancas).

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

DICAS PRÁTICAS PARA VISITAR MONSARAZ


Quando visitar Monsaraz, é aconselhável ter algumas informações práticas que lhe facilitarão a organização da sua viagem.

Pode fazer aqui o download do mapa turístico do concelho, com mapas da vila medieval de Monsaraz, Reguengos de Monsaraz e São Pedro do Corval.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Quando visitar Monsaraz

Monsaraz tem um clima mediterrânico, com Verões quentes e secos, e Invernos moderamente frios e chuvosos. Julho e Agosto são os meses mais quentes, com temperaturas máximas médias superiores a 30 graus, por isso, se visitar Monsaraz nestes meses, deve tomar algumas precauções, nomeadamente mantendo-se hidratado e colocando protector solar. Sendo assim, a melhor altura para visitar Monsaraz é nos meses de Maio e Junho, ou Setembro e Outubro, quando o calor não é tanto.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

No segundo fim de semana de Setembro, decorrem em Monsaraz as Festas do Nosso Senhor dos Passos, uma festa religiosa com Missa, procissão, bailes, fogo preso, garraiadas (corrida de touros) e tourada. Em Julho (anos pares), decorre a Bienal Cultural Monsaraz Museu Aberto, com uma série de exposições, actividades culturais, concertos e animação de rua. Ambas são excelentes ocasiões para visitar Monsaraz com um ambiente ainda mais especial.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Como chegar e deslocar-se quando visitar Monsaraz

Monsaraz é uma aldeia portuguesa do concelho de Reguengos de Monsaraz, no extremo sudeste do distrito de Évora, no Alentejo, encostada à fronteira com Espanha. Monsaraz situa-se a cerca de 460 km do Porto (um pouco mais de 4 horas de viagem, via A1/A13/A6/IP2/N256), e 190 km de Lisboa (aproximadamente 2 horas de viagem, via A2/A6/IP2/N256).

Pode chegar a Monsaraz de autocarro (ônibus) a partir de Porto, Lisboa ou Évora, passando por Reguengos de Monsaraz (pode consultar aqui o horário entre Reguengos e Monsaraz), mas as ligações são pouco frequentes. Para poder deslocar-se com autonomia, e poder explorar tudo aquilo que Monsaraz tem para oferecer, terá mesmo de ter veículo próprio.

Se não tem carro próprio, procure aqui o aluguer de carro em Portugal, aos melhores preços.

Depois de chegado a Monsaraz, a melhor forma de explorar a aldeia é a pé, mas vai necessitar do carro para visitar os arredores da cidade, em particular os monumentos megalíticos e a praia fluvial.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Onde ficar alojado quando visitar Monsaraz

Monsaraz tem várias opções de alojamento, sendo que dentro das muralhas os alojamentos não são muito baratos, mas compensam pelo facto de estar alojado na aldeia. Fora das muralhas, encontrará alojamentos locais um pouco mais baratos, assim como os hotéis mais caros.

Nós ficámos alojados no Dom Nuno – Turismo de Habitacao, uma casa de arquitectura tradicional, no centro de Monsaraz, com uma excelente localização (a poucos passos do Castelo), com quartos confortáveis, com casa de banho privada, TV e ar-condicionado.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Mas há outras excelentes opções de alojamento em Monsaraz.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Onde estacionar em Monsaraz

Há vários parques de estacionamento fora das muralhas, uns mais perto, outros mais longe da Porta da Vila. Se ficar alojado dentro das muralhas, pode também estacionar ali, mas tem de retirar o carro até às 11.00h do dia seguinte.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

VISITAR MONSARAZ EM EXCURSÃO A PARTIR DE LISBOA


Não será definitivamente a melhor opção, mas se tiver pouco tempo e estiver em Lisboa, pode visitar Monsaraz numa excursão de um dia. Nesse caso, pode optar por uma excursão que inclui Évora, em que visitará o Templo Romano, a Sé de Évora, e a Capela dos Ossos, na Igreja de São francisco, e depois visitará Monsaraz, com degustação de vinhos com vista para o grande lago do Alqueva.

Marque aqui o seu lugar numa excursão de dia inteiro, a partir de Lisboa, a Évora e Monsaraz, com degustação de vinhos.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

O QUE VER E FAZER QUANDO VISITAR MONSARAZ


Deve dedicar um dia completo a visitar Monsaraz e fazer um percruso dentro das muralhas. Deixamos então aqui as nossas sugestões para o que ver e fazer quando visitar Monsaraz, sendo que a ordem apresentada segue o percurso norte-sul, começando na Porta da Vila.

1. Admirar a fortificação da vila de Monsaraz

Mesmo antes de entrar em Monsaraz, ao aproximar-se da vila, irá confrontar-se com as muralhas de Monsaraz, que defendem a vila há séculos. Hoje, é bem mais fácil entrar em Monsaraz, pois a estrada sobe serpenteando até chegar à Porta da Vila.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

O sistema defensivo de Monsaraz que hoje podemos observar pertence a duas épocas distintas, sendo o castelo e as muralhas envolventes (verticais) da época medieval, e os baluartes à época seiscentista, com uma forma que defendia de armas de fogo.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

2. Entrar pela Porta da Vila

Esta porta é o principal acesso da vila de Monsaraz, com dois torreões, um dos quais encimado por uma torre sineira, com inscrição de 1692. Na porta há uma lápide com a consagração de Portugal a Nossa Senhora da Conceição, de 1646.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

3. Provar Toucinho do Céu

A doçaria conventual é rainha em Monsaraz e ceder aos prazeres do açúcar é uma experiência a não perder quando visitar Monsaraz. Prove o toucinho do céu na “Pastelaria da Cisterna” e vai ver que não se arrependerá deste pequeno pecado.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

4. Perder-se nas ruas de Monsaraz

Metade do gozo em visitar Monsaraz é simplesmente deambular pelas ruelas e travessas da vila medieval, atentar aos pormenores arquitectónicos, deixar o olhar repousar sobre a planície alentejana, e imaginar-se nos tempos medievais.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

5. Comer Bolo Rançoso

O bolo rançoso é um doce conventual típico da região com amêndoas e ovos, e não deve deixar passar a oportunidade de o provar, por exemplo no restaurante “Lumumba”.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

6. Espreitar a Cisterna de Monsaraz

Reza a lenda que foi construída no local onde existiu uma mesquita muçulmana, e durante séculos esta cisterna foi o principal reservatório de água da vila. Quando visitámos Monsaraz, a cisterna estava fechada mas era possível espreitra pela porta e admirar o seu interior.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

7. Usar a Porta do Buraco

Esta porta é a mais antiga entrada de Monsaraz, e protegia a cisterna pública, tendo sido entaipada, mas nos anos 80 foi novamente reaberta.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

8. Provar Pão de Rala

O Pão de Rala é um doce conventual típico alentejano, feito com chila e , claro, muitos ovos e açúcar. Não deixe de provar esta doce maravilha, por exemplo, no restaurante “Taverna Os Templários”.

Provar Pão de Rala

9. Deambular pela Praça D. Nuno Álvares Pereira

É a principal praça de Monsaraz e onde se reúnem os mais importantes edifícios da vila, tais como a Igreja de Nossa Senhora da Lagoa, a Igreja da Misericórdia, a Capela de São José, o Museu do Fresco, e a Casa Monsaraz.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

10. Visitar a Capela de São José

Esta capela do século XVIII é invulgar pois foi construída por cima de uma moradia. Era dali que se liam as sentenças aos réus do tribunal (situado em frente).

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

11. Visitar o Museu do Fresco

Localizado no antigo edifício dos Paços do Concelho e Tribunal de Monsaraz, este museu é dedicado essencialmente a um fresco que foi descoberto em 1958 na sala de julgamentos dos Antigos Paços da Audiência e que foi datado do século XV. Este magnífico e belo fresco é único em Portugal, abordando a temática da justiça divina e terrena. No painel superior, Cristo é ladeado de dois anjos músicos que sopram trompas, anunciando a justiça divina e incorruptível.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

No painel inferior, são representados o Bom e o Mau Juiz, uma alegoria da justiça terrena. O Bom Juiz está coroado pelas figuras da Justiça e da Misericórdia, enquanto o Mau Juiz é representado com um rosto duplo, com um demónio a segredar-lhe ao ouvido, e rodeado de dois homens que o corrompem com oferendas.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

12. Admirar o interior da Igreja da Misericórdia

Localizada num edifício que já foi uma albergaria, que acolhia os peregrinos em viagem, a Igreja da Misericórdia pode passar despercebida, mas não deve deixar de ver o seu interior, com duas capelas e uma imagem do padroeiro de Monsaraz, Nosso Senhor dos Passos.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

13. Visitar a Igreja de Nossa Senhora da Lagoa

Quando visitámos Monsaraz, a igreja matriz da vila estava fechada para obras de remodelação, mas se puder não deixe de visitar este monumento que é um dos mais importantes da vila. Data do século XVI, no estilo renascentista, tendo a original sido destruída nos tempos da peste negra. É lá que se encontra o (ricamente trabalhado) túmulo de Gomes Martins Silvestre, cavaleiro templário e primeiro alcaide de Monsaraz.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

14. Admirar o Pelourinho de Monsaraz

Construído em mármore branco de Estremoz, sobre três degraus quadrados, é do século XVIII (aproveitando partes do pelourinho original destruído no terramoto de 1755), e é o símbolo da autonomia do concelho.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

15. Apreciar a fachada da Casa Monsaraz

Esta bonita casa, do século XVII, albergou os novos Paços do Concelho e, mais tarde, o Posto de Turismo. Apresenta uma bela fachada com arcos. Hoje, é um espaço dedicado à cultura, com exposições de artistas.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

16. Usar a Porta d’Alcoba

Esta bonita porta tem uma ogiva em granito e é a abertura sul das muralhas de Monsaraz.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

17. Dar um passeio junto à muralha

Não deixe de dar um passeio junto às muralhas e apreciar a construção que resistiu durante séculos, e a magnífica paisagem que se estende aos seus pés, do lado leste a planície alentejana, do lado oeste o lago do Alqueva.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

18. Experimentar queixadas de porco

O porco alentejano é uma das espécies que pertencem à paisagem do montado e cuja carne faz parte de qualquer ementa de um bom restaurante. Para aqueles que apreciam os prazeres da carne, as queixadas de porco assadas no forno são uma iguaria a não perder.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

19. Admirar a Porta d’Évora

Esta porta, com um arco gótico de granito, ligava à localidade de Telheiro e à via romana que vinha de Moura.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

20. Aprender História na Casa da Inquisição

No edifício que, segundo a tradição, era onde os inquisidores torturavam e julgavam os prisioneiros, mas que na realidade terá servido de arquivo de processos, encontra-se hoje o Centro Interativo da História Judaica em Monsaraz, que retrata a história da presença judaica centenária em Monsaraz, cujos números tinham crescido com com a expulsão dos judeus de Espanha (1492) e as tribulações por que passaram após a criação da Inquisição, na Sé de Évora, em 1536, tendo sido instaurados 86 processos a residentes de Monsaraz entre 1553 e 1767.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

21. Deslumbrar-se com o Castelo de Monsaraz

E, por último, encontrará a maior atracção de Monsaraz, o seu belo e nigmático castelo, cujas obras tiveram início logo após a Reconquista Cristã e se prolongaram durante vários reinados. Da sua Torre de Menagem tem-se uma das mais belas vistas de Portugal, especialmente ao pôr-do-sol.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Pode também visitar as torres quadrangulares, caminhar na ronda da muralha, e descer à praça de armas e fazer de conta que voltou aos tempos da Reconquista Cristã.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

22. Assistir à Festa Brava

No século XIX, os habitantes de Monsaraz decidiram recuperar a praça de armas do castelo com vista à utilização do espaço como praça de touros. Desde então, é tradição realizar-se nessa praça a tourada e morte do touro nas Festas em honra de Nosso Senhor dos Passos. Se for aficcionado, não deixe de assistir a esta tradição que, à semelhança de Barrancos, foi reconhecida pelo Estado Português como sendo legal, e que decorre num espaço absolutamente único.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

O QUE VER E FAZER FORA DA VILA DE MONSARAZ


Para poder visitar os arredores de Monsaraz com calma, sugerimos que tenha pelo menos dois dias extra, um para relaxar na praia e explorar o lago do Alqueva, e outro para explorar os arredores, incluindo Reguengos de Monsaraz.

1. Caminhar junto à Capela de São João Batista

Mesmo junto às muralhas de Monsaraz encontra-se o seu monumento mais antigo, também conhecido como “A Cuba”, que se pensa ter sido um pequeno santuário muçulmano do século XII que foi convertido em igreja e consagrado ao padroeiro dos Templários.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

2. Apreciar as vistas da Ermida de São Bento

Junto às muralhas de Monsaraz, encontrará no topo de um promontório esta ermida datada do século XVII. De lá, terá vistas privilegiadas sobre Monsaraz, principalmente ao pôr-do-sol.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

3. Ver o Lago do Alqueva a partir do Monumento de Homenagem ao Cante Alentejano

Abaixo das muralhas de Monsaraz, encontrará este monumento de homenagem ao Cante Alentejano, classificado Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO, de onde terá vistas fabulosas sobre o Lago de Alqueva.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

4. Admirar o Convento de Nossa Senhora da Orada

No sopé do monte de Monsaraz, encontra-se o Convento de Nossa Senhora da Orada, do século XVIII, originalmente pertencente à Ordem dos Eremitas Descalços de Santo Agostinho, e no qual, conta a lenda, D. Nuno Álvares Pereira terá rezado antes das batalhas contra Castela.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

5. Conhecer o cromeleque de Xerez

Datado do início do 4º milénio a.C., foi redescoberto em 1969, exibe um formato quadrangular, com dezenas de menires mais pequenos em torno de um menir central de 4 metros de altura. Devido à construção da barragem de Alqueva, e à consequente subida das águas, este monumento foi transferido, em 2004, da sua localização original para junto do Convento da Orada.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

6. Admirar a Ermida de Santa Catarina

Esta ermida, localizada muito perto de Monsaraz, data do século XIII, e terá sido construída pelos templários, e terá servido de protecção aos peregrinos que por ali passavam, exibindo uma arquitectura semelhante a uma fortificação.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

7. Dar um mergulho no Grande Lago do Alqueva

Quando visitar Monsaraz, não pode vir embora sem passar um dia na praia fluvial de Monsaraz, onde poderá refrescar-se do calor alentejano nas águas do maior lago artificial da Europa. Mas há muitas outras coisas que poderá fazer na albufeira mais famosa do país.

Consulte o nosso artigo sobre o que ver e fazer no Alqueva.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

8. Comprar artesanato nas olarias de São Pedro de Corval

São Pedro do Corval, a poucos quilómetros da vila de Monsaraz, na estrada para Reguengos de Monsaraz, é o maior centro oleiro de Portugal, com mais de 20 olarias em funcionamento. Não deixe de levar uma lembrança de Monsaraz para casa e, se puder, visite durante a Festa Ibérica da Olaria e do Barro, que decorre na segunda quinzena de Maio (em anos ímpares).

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

9. Visitar Reguengos de Monsaraz

Quando visitar Monsaraz, não se esqueça de dar um saltinho à vila que é sede de concelho desde o século XIX, Reguengos de Monsaraz. Na curta viagem pode admirar as vinhas e lá pode provar os vinhos que são imagem de marca do concelho.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

10. Provar o vinho de talha na Adega José de Sousa em Reguengos

Em Reguengos de Monsaraz, não deixe de visitar a Adega José de Sousa, onde poderá conhecer as instalações e a cave com as enormes talhas (ânforas), aprender sobre a tradição da produção de vinho em talhas de barro (com origem no período romano) e provar o magnífico produto final.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

11. Visitar o Museu Megalítico José Maria da Fonseca

Na Adega José de Sousa, poderá também visitar um pequeno museu, onde se exibem objetos megalíticos encontrados em escavações realizadas no
Monte da Ribeira, e uma incrível estela menir com quase 5 metros de altura, datada do 4º milénio a.C., e com vários símbolos gravados.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

12. Visitar Évora

Quando visitar Monsaraz, não perca a oportunidade de conhecer esta extraordinária cidade, com um centro histórico que é património mundial da UNESCO, incluindo o famoso templo romano, a Sé Catedral e o aqueduto medieval.

Consulte o nosso artigo com todas as dicas para visitar Évora.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

13. Descobrir Espanha

Monsaraz fica a poucos quilómetros da fronteira com Espanha, por isso, quando visitar Monsaraz, não deixe escapar a oportunidade de dar um saltinho ao outro lado da fronteira e descobrir algo de novo acerca do país nosso vizinho. Em particular, Monsaraz fica a cerca de 150 km (1 hora e 45 minutos de viagem) de Mérida, capital da Lusitânia romana, uma cidade cheia de história nas margens do rio Guadiana.

Consulte o nosso artigo sobre os lugares obrigatórios a visitar em Mérida.

VISITAR MONSARAZ | O que ver e fazer na mágica vila medieval do Alentejo

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

QUE EQUIPAMENTO FOTOGRÁFICO USAMOS

Esta é provavelmente uma das perguntas que mais recebemos. A resposta é simples e está aqui. Desde drone, câmaras fotográficas, computadores, etc. Tudo o que vai na nossa bagagem está aqui.

  DSLR Camera free icon Máquinas fotográficas e drones sinal de símbolo de ícone de computador - Download Vetores Gratis ...Computador e gadgets

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão TRANSFERWISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartão. . Este blogue contém links de programas de afiliados.

12 Comentários

  1. Cleo diz: Responder

    Que bom encontrar esse teu post casal. Quero muito visitar Monsaraz, amo vilas medievais e tinha dúvidas se valia a pena ir a Monsaraz. Vou morar um tempo em Lisboa e o post salvei nas minhas notas para ler novamente antes de ir.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Cleo, não pode perder uma visita a Monsaraz. Vale mesmo a pena. É mágico.

  2. Sil Mendes diz: Responder

    Fiquei encantada e com muita vontade de visitar Monsaraz. Não sabia que tinha tanta coisa p conhecer por lá . Com certeza quando estiver planejando meu roteiro, vou seguir suas dicas e reservar no mínimo 4 dias.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Sim, quatro dias para visitar Monsaraz e o Alqueva é o tempo adequado. Há muito para descobrir e explorar neste cantinho do Alentejo.

  3. Leo Vidal diz: Responder

    Já li muito sobre Monsaraz, mas que muitos fazem bate-volta do Porto. Pelas informações que vocês colocaram, vejo que o ideal é visitar Monsaraz com um pernoite ao menos, a fim de conhecer todas as atrações e vivenciar um pouco da charmosa cidade.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Leo, Monsaraz fica muito longe do Porto. Na realidade, o mais perto será Lisboa. Porém vale mesmo a pena visitar Monsaraz e o Alqueva com pernoita na região porque o pôr-do-sol é maravilhoso.

  4. Amei saber tudo o que ver e fazer em Monsaraz. Sou apaixonada por vilas medievais, aldeias, percorrer ruelas estreitas e observar a cultura do povo. Incrível saber tanta coisa que há para fazer em Portugal fora do roteiro tradicional. Já quero provar o toucinho do céu e o bolo rançoso. Muito obrigada por compartilhar. Post super completo como todos os outros do Blog. Parabéns

    1. Carla Mota diz: Responder

      Muito obrigada pela força, Luciana. Desejosa por ver você a visitar Monsaraz e o nosso belo Portugal.

  5. Cintia Grininger diz: Responder

    Que aldeia encantadora! A cada post que leio sobre Portugal percebo como há encantos escondidos – pelo menos para nós, não-portugueses, que normalmente só procuramos os destinos mais conhecidos. Lindo post, fiquei apaixonada pela paisagens e pelo branco que domina a aldeia!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Cintia, visitar Monsaraz é maravilhoso e vale mesmo a pena. Portugal tem lugares tão bonitos para conhecer. O país não é grande mas é um autentico tesouro.

  6. Murilo Pagani diz: Responder

    Estou impressionado com quanta coisa bacana tem para fazer quando visitar Monsaraz!
    Você acha que organizando um roteiro de 4 dias dá para visitar as principais atrações da região, ou seria melhor ficar mais tempo?

    Obrigado pelas dicas!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Quatro dias é óptimo e dá para visitar Monsaraz e todo o Alqueva. Quando decidir visitar o Alentejo, me diz que te ajudo a programar.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.