VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Visitar Lamego é conhecer uma cidade com uma história milenar, uma importância militar e religiosa que atravessa séculos, e uma localização privilegiada na margem sul do rio Douro. O seu património arquitectónico, os seus monumentos religiosos e o seu papel central na produção vinícola são factores de monta no recente crescimento de Lamego no panorama turístico nacional, atraindo visitantes que querem conhecer o interior do país.

Procura ideias de lugares para visitar em Portugal? Consulte o nosso artigo com mais de 50 lugares a visitar em Portugal.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Visitar Lamego, cidade antiga

A história das origens de Lamego perde-se nos tempos da ocupação castreja e romana. Após a chegada dos povos germânicos à Península Ibérica, Lamego vai crescendo e torna-se uma das principais cidades do oeste peninsular. Quando o rei dos Visigodos, Recaredo I, se converte ao Cristianismo, Lamego assume o seu papel religioso e, em 570, o Bispo de Lamego participa já no Concílio de Lugo. Esta importância religiosa iria manter-se durante séculos, até aos dias de hoje, sendo que actualmente é a única sede de diocese portuguesa fora de uma capital de distrito.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

A importância de Lamego durante a ocupação árabe, que começou no início do século VIII, cresceu ainda mais, sendo citada pelos historiadores árabes como uma das principais cidades do Garb al-Andalus. Sendo a cidade fortificada mais importante imediatamente a sul da “linha de fronteira” formada pelo rio Douro, Lamego estava na linha da frente no confronto entre os reinos muçulmanos e cristãos, mudando de mãos várias vezes durante o período de reconquista cristã, e sendo conquistada definitivamente por Fernando I, o Magno, a 29 de Novembro de 1057.

Se quiser conhecer melhor o legado islâmico em Portugal, não há destino melhor do que a vila histórica de Mértola, nas margens do Guadiana. Não deixe de consultar o nosso artigo com todas as dicas para visitar Mértola e o Parque Natural do Vale do Guadiana.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Lamego e o nascimento de Portugal

Lamego tem um papel mítico na fundação de Portugal, pois é um dos locais possíveis de nascimento de D. Afonso Henriques, e teriam ali decorrido as lendárias Cortes de Lamego, em 1143, onde D. Afonso Henriques teria sido aclamado como Rei de Portugal e se estabeleceram as regras de sucessão ao trono. Hoje, apesar de este acontecimento ser considerado pelos estudiosos como não tendo realidade histórica, a verdade é que atesta bem a importância de Lamego à época.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Durante os séculos seguintes, Lamego continuaria a desfrutar da sua posição estratégica, em particular nas rotas comerciais ligando Braga e Guimarães a Mérida e Sevilha. A conquista de Granada e o fim da ocupação islâmica da península ibérica, assim como a descoberta do caminho marítimo para a Índia, levaram a que Lamego visse o seu papel comercial diminuído.

Se quiser conhecer melhor a época da construção da nacionalidade não pode deixar de consultar o nosso artigo com todas as dicas para percorrer a Rota do Românico no norte de Portugal.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Visitar Lamego, atracção no Douro

A partir dos séculos XVII e XVIII, Lamego viveu um renascimento económico com a aposta no Vinho do Porto e na criação da Região Demarcada do Douro. Para além dos vinhos, outra marca da cidade é a gastronomia da região, com destaque para os enchidos, a carne de cabrito e coelho, os queijos, e os doces conventuais.

Hoje, Lamego é uma cidade orgulhosa da sua identidade, e uma prova viva que Portugal tem muito mais a mostrar do que o litoral e as praias. Com a sua localização central, e as suas infraestruturas, Lamego é uma excelente base para explorar a região do Douro. O Douro e o turismo a ele aliado têm contribuído para Lamego se assumir como, mais uma vez, uma das cidades do interior mais importantes do país.

Não deixe de consultar o nosso artigo sobre o Alto Douro Vinhateiro.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

DICAS PRÁTICAS PARA VISITAR LAMEGO


Quando visitar Lamego, convém ter algumas ideias básicas que o ajudarão a ganhar tempo no terreno e facilitar a sua viagem. Ficam então aqui algumas dicas práticas para quando visitar Lamego.

Quando visitar Lamego

O clima de Lamego é caracterizado por Verões curtos, mas quentes, e Invernos muito rigorosos e chuvosos. A melhor altura para visitar Lamego é entre os meses de Junho e Setembro. A romaria anual ao Santuário de Nossa Senhora dos Remédios tem o seu ponto alto na grandiosa Procissão do Triunfo, a 8 de Setembro, que é também o feriado municipal.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Como chegar a Lamego

Lamego é a segunda maior cidade do distrito de Viseu (no século XIX, Lamego foi inicialmente prevista como sede de distrito mas Viseu acabou por ser a eleita devido à sua posição mais central), a cerca de 130 km do Porto (1h30min de viagem) e a350 km de Lisboa (3h30min de viagem). Pode também chegar a Lamego de autocarro, a partir de Porto, Lisboa ou Coimbra. Consulte aqui os horários de autocarro.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Como deslocar-se quando visitar Lamego

A cidade de Lamego é facilmente explorada a pé, mas se quiser conhecer melhor as redondezas, ou explorar a região do Douro, terá de ter veículo próprio.

Se não tem carro próprio, procure aqui o aluguer de carro em Portugal, aos melhores preços.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Onde dormir quando visitar Lamego

Quando visitar Lamego, tem várias opções de alojamento de qualidade à sua disposição, no centro da cidade e nas suas redondezas. Os alojamentos de turismo rural ou de melhor qualidade estão localizados fora do centro de Lamego, mas a poucos quilómetros da cidade.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

Visitar Lamego em excursão organizada

Não é, de todo, a melhor opção, mas se tiver pouco tempo, é possível visitar Lamego em excursão organizada a partir da cidade do Porto. Nesta excursão ao Vale do Douro, poderá visitar Amarante, Lamego e Régua, para além de saborear algumas das melhores iguarias da região e visitar uma quinta vinícola, com degustação de vinho do Porto.

Reserve aqui o seu lugar numa excursão organizada ao Vale do Douro, a partir do Porto.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

O QUE VER E FAZER QUANDO VISITAR LAMEGO


Historicamente, a cidade de Lamego foi crescendo à volta de dois pólos, a Sé e o Castelo, e ainda hoje são estes os dois centros turísticos de Lamego e em torno dos quais se organizam os circuitos pedonais para conhecer as principais atracções da cidade. Deixamos de seguida as nossas sugestões para o que ver e fazer quando visitar Lamego, e na ordem de um roteiro pelo centro da cidade.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

1. Visitar a Loja interactiva de Turismo (N2) de Lamego

Comece o seu percurso em Lamego pela loja interactiva de Turismo. Poderá aceder a um mapa da cidade e a informações. Pode também recolher informações sobre a Estrada Nacional 2 (EN2), a maior estrada de Portugal, que vai desde Chaves a Faro. Lamego fica no km 104 da EN2, naquela que é, provavelmente a região mais bonita atravessada pela maior estrada do país, e são muitos os que agora passam pela cidade na sua viagem de Chaves a Faro, ou vice-versa.

Não se esqueça de consultar o nosso artigo com todas dicas para percorrer a Estrada Nacional 2 (EN2).

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

2. Visitar o Museu de Lamego

O edifício do antigo Palácio Episcopal continua a dominar a baixa de Lamego, com uma fachada principal maravilhosa, com belas janelas e varandins, e o portal de entrada que sustenta o magnífico brasão do bispo, D. Manuel de Vasconcelos Pereira. Foi objecto de ampla remodelação entre 1772 e 1786, e em 1911, após a implantação da República, o palácio e o seu recheio passaram para a posse do Estado, sendo que, em 1917, foi criado o Museu de Lamego.

Hoje, o edifício que chegou a albergar a Biblioteca Municipal e a GNR, é ocupado totalmente pelo Museu de Lamego, uma das maiores instituições da cidade, e um dos melhores museus do interior do país, com um acervo onde se destacam colecções de pintura, tapeçaria, mobiliário, e ourivesaria, em particular o núcleo de tapeçaria flamenga, da primeira metade do séc. XVI e os painéis que Vasco Fernandes (Grão Vasco) pintou para a catedral de Lamego.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

3. Visitar a Sé de Lamego

De frente para um grande largo lajeado, obra do século XVIII, ergue-se a quase milenar Sé de Lamego, que data de 1129, após o restabelecimento da diocese de Lamego, finda a ocupação árabe. A sua fachada é dominada pela torre quadrada, sobrevivente da obra original, em estilo românico, e três fabulosos pórticos de arquivoltas múltiplas, em estilo gótico final, já com influência do renascimento.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro
VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

No interior, dividido em três naves, correspondendo cada uma à sua porta de entrada, sobressaem no tecto as pinturas de Nicolau Nasoni, do século XVIII, representando passagens do antigo Testamento, e os altares de talha dourada. Vale a pena espreitar também o magnífico claustro, de 1557, tem quatro grupos de arcos de transição do gótico para o renascimento e duas capelas.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro
VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

4. Entrar na Muralha do Bairro do Castelo pela Porta do Sol

O acesso ao antigo burgo do Castelo faz-se através de duas portas abertas na muralha medieval, erguida a partir dos séculos XII-XIII. Se entrar pelo sul, usará a chamada “Porta do Sol”, com uma janela setecentista, e junto da qual se encontra uma casa brasonada.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

5. Visitar a Cisterna de Lamego

A Cisterna de Lamego é considerada uma das mais notáveis cisternas medievais portuguesas, datando dos séculos XII-XIV, com cerca de vinte metros de comprimento e dez de largura. No seu interior, e após obras de requalificação, existe uma exposição com imagens e sons. No terraço superior lajeado, ainda se pode observar as aberturas usadas pela população.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

6. Explorar o Castelo de Lamego

O Castelo de Lamego tem, pelo menos, origens nos tempos de ocupação islâmica, tendo sido posteriormente alterado pelos cristãos. Dessa altura, apenas subsiste a torre de menagem, do século XII, com cerca de vinte metros de altura, e de planta quadrangular. O recinto murado possui praça de armas, e a muralha tem cerca de noventa metros de perímetro, sendo coroada por um caminho de ronda. Nos restauros efectuados em meados do século XX, foram acrescentadas as ameias à torre.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

7. Visitar o Núcleo Arqueológico de Lamego “Porta dos Figos”

Antes de sair do bairro muralhado, pode visitar um núcleo arqueológico onde pode admirar a história da cidade “em camadas”, ilustrada na ocupação residencial e funerária do espaço, desde o período romano e visigodo passando pelo medieval.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

8. Sair do Bairro do Castelo de Lamego pela Porta dos Figos

Ao atravessar a muralha no seu extremo norte, passará pelo arco chamado “Porta dos Figos ou dos Fogos”, e também conhecida como “Porta da Vila”. Na parte interna e superior, existe um oratório restaurado, originalmente do século XVIII. Ao lado, o Solar da Porta dos Figos foi requalificado e transformado numa galeria de arte.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro
VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

9. Entrar na Igreja do Mosteiro das Chagas de Lamego

Localizada a norte do bairro do castelo, junto do Jardim da República e da Câmara Municipal de Lamego, a Igreja do Mosteiro das Chagas pertenceu ao convento de freiras clarissas, fundado em 1588, sendo de destacar o seu pórtico renascentista e, no seu interior, altares de talha dourada.

10. Admirar o Paço Episcopal de Lamego

Este antigo palacete do século XVIII, conhecido como Casa de Almacave, serviu como tribunal da cidade e, depois de doado à Igreja, foi transformado em Paço Episcopal.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

11. Conhecer a Igreja de Santa Maria de Almacave de Lamego

A Igreja de Santa Maria de Almacave é um monumento de origem românica, mas muito alterada ao longo dos séculos. O seu portal românico tem um conjunto de quatro arquivoltas lisas e as oito colunas são encimadas por capitéis esculpidos. Terá sido nesta igreja onde decorreram as lendárias Cortes de Lamego, em 1143.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro
VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

12. Admirar a Igreja de São Francisco de Lamego

A Igreja de São Francisco fica já junto às muralhas e é o que resta de um convento que foi construído em 1599, sofrendo alterações no século XVII (após um incêndio) e mais tarde transformado parcialmente num hospital militar. No seu exterior, pode desfrutar de um belo jardim.

13. Percorrer a Avenida Alfredo de Sousa em Lamego

Considerada a “sala de visitas” e coração da cidade, estendendo-se desde o Museu de Lamego até aos pés da escadaria do Santuário dos Remédios, a Avenida Alfredo de Sousa é ideal para um passeio relaxante.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

14. Provar os enchidos e queijos de Lamego

Na Casa Rodrigues ou na Pastelaria da Sé, não deixe de provar algumas das delicatéssen tradicionais de Lamego, cidade conhecida, entre outras iguarias, pelas carnes fumadas de porco, salpicão e chouriço.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

15. Provar Bola de Lamego e doces regionais

Tradicionalmente confeccionada com os restos da massa do pão, o seu segredo (para além da massa fofa) está no recheio, uma combinação de salpicão, presunto e carne em vinha-de-alhos. Deliciosa!

16. Visitar o Santuário dos Remédios de Lamego

No local onde se encontra o Santuário da Nossa Senhora dos Remédios, o monte de Santo Estêvão, existia já no século XIV uma capela em honra deste Santo. No século XVI, o bispo de Lamego mandou construir um santuário que, no entanto, ficaria incompleto. No século XVIII, a capela seiscentista seria demolida e seria construído o magnífico Santuário, cuja construção foi concluída em 1761. A escadaria monumental seria construída a partir de 1777 mas só seria concluída já no século XX. Hoje, este é um dos santuários mais impressionantes de Portugal.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

O primeiro patamar da escadaria pode admirar a Fonte do Pelicano, no segundo patamar ergue-se uma capela octogonal e, finalmente, acederá ao Pátio dos Reis, onde se eleva um obelisco. No topo da escadaria, encontra-se o santuário onde se realiza a maior romaria de Portugal, dedicada a Nossa Senhora dos Remédios, que hoje engloba eventos como exposições, concertos e feiras, atraindo milhares de visitantes e peregrinos. Nestas festas, é de destacar a Marcha Luminosa, no dia 6 de Setembro à noite, e a Batalha das Flores, no dia seguinte à tarde.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro
VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

17. Fazer um piquenique no Monte de Santo Estevão em Lamego

Aproveite a área verde do Monte de Santo Estevão, e desfrute da natureza fazendo um piquenique à sombra e descansando do calor do dia.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

18. Entrar na Igreja do Espírito Santo de Lamego

A Igreja do Espírito Santo é uma pequena capela de origem românica, mas reedificada no século XVI, destacando-se, no seu interior, os painéis de azulejos nas suas paredes.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

19. Admirar a Igreja do Convento de Santa Cruz em Lamego

A Igreja do Convento de Santa Cruz deve o seu nome ao facto de ter pertencido ao convento fundado em 1596. Tem uma fachada belíssima, com duas torres sineiras quadrangulares e um corpo central com três portais e encimada por um frontão. O Convento anexo à igreja alberga o Centro de Tropas de Operações Especiais do Exército Português, por isso não é permitida a visita.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

20. Visitar a Igreja do Desterro de Lamego

Não deixe de visitar a Igreja do Desterro, de 1640, com um interior profusamente revestido de talha dourada do século XVIII.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

21. Admirar a Capela de São Pedro de Balsemão de Lamego

Fora da cidade de Lamego, se é fã de história não deixe de visitar a Capela de São Pedro de Balsemão, o monumento mais antigo de Lamego e o segundo da Península Ibérica. A sua origem remonta ao século VII, ao tempo do rei visigótico Sisebuto (que cunhou moeda em Lamego). A capela foi, no entanto, reedificada no século XVII, incorporada no Solar dos Viscondes de Balsemão, e o seu interior revestido de talha. Ainda assim, as suas paredes integram ainda várias epígrafes funerárias romanas.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

22. Ir a banhos na praia Fluvial do Rio Balsemão em Lamego

O Rio Balsemão nasce na Serra de Montemuro e, no seu percurso, passa por Lamego, desaguando logo a seguir na margem esquerda do rio Varosa. A praia fluvial é o melhor local em Lamego para escapar ao calor do Verão.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

23. Assistir a um espectáculo no Teatro Ribeiro Conceição

Originalmente construído para ser o Hospital da Misericórdia de
Lamego, foi transformado em 1924 no Teatro Ribeiro Conceição, a sala de espectáculos que é uma referência cultural de Lamego e do interior do país.

VISITAR LAMEGO, o que ver e fazer na cidade monumental do Douro

24. Visitar a Enoteca – Casa do Douro

Se pretende conhecer um bocado melhor a região do Douro em Lamego não pode perder a Enoteca da Casa do Douro. Fica mesmo em frente ao Posto do Turismo.

Enoteca

O QUE VISITAR PERTO DE LAMEGO


A sua posição geográfica junto às margens do Douro, e a meio caminho entre o Douro Superior e o Baixo Corgo, faz com que Lamego tenha várias atracções numa área acessível a partir da cidade. Ao visitar Lamego, aproveite para conhecer um melhor esta maravilhosa região de Portugal.

1. Visitar Peso da Régua

Visitar a Régua é quase inevitável quando visitar Lamego e o Douro Vinhateiro. Com infraestruturas de apoio ao turismo, bons alojamentos, restaurantes, quintas vinícolas, e miradouros, a Régua é uma paragem obrigatória no Norte de Portugal.

Não deixe de consultar o nosso artigo com todas as dicas para visitar a Régua.

São Leonardo da Galafura

2. Admirar as vistas do Miradouro de S. Domingos, Armamar

A 20 quilómetros de Lamego, encontra-se um dos melhores miradouros da região do Douro, no concelho de Armamar. Vale a pena uma visita para ter uma bonita perspectiva do vale do Rio Douro.

Consulte o nosso artigo sobre os melhores miradouros na região do Douro.

Douro - Armamar

3. Percorrer a EN 108, entre a Régua e Baião

Se tiver tempo quando visitar Lamego e a Régua, não deixe de percorrer a Estrada Nacional 108, entre a Régua e Baião, para ter perspectivas fabulosas sobre a Régua e o vale do Rio Douro, e a possibilidade de um pôr-do-sol maravilhoso!

Se é amante do volante, não deixe de consultar o nosso artigo sobre as melhores estradas de Portugal.

Linha do Douro

4. Visitar Baião

Se percorrer a EN 108, não deixe de visitar a cidade de Baião, uma terra que foi a casa de muitos dos nobres que fundaram a nacionalidade portuguesa, num território partilhado pelas Serras da Aboboreira e Marão e pelo rio Douro, e que serviu de inspiração a escritores como Eça de Queiroz.

Consulte o nosso artigo com todas as dicas sobre visitar Baião.

Baião

5. Percorrer a EN 222, entre a Régua e o Pinhão

A Estrada Nacional 222 já foi considerada internacionalmente como uma das estradas mais bonitas do mundo, por isso quando visitar Lamego não deixe passar a oportunidade de percorrer o troço mais bonito, entre a Régua e o Pinhão.

A EN 222 segue em direcção a São João da Pesqueira e Vila Nova de Foz Côa. Se tiver mais tempo, esta é uma das viagens de carro a não perder em Portugal. Consulte o nosso artigo com um roteiro pela EN222 para visitar os miradouros do Douro Superior.

Douro

6. Visitar o Pinhão

Se percorrer a estrada entre a Régua e o Pinhão, não deixe de visitar a pequena e característica vila no coração do Alto Douro Vinhateiro, com bons hotéis, quintas produtoras de vinho e excelentes miradouros.

Não se esqueça de consultar o nosso artigo com um roteiro de 3 dias na região do Pinhão.

Pinhão

7. Percorrer um pouco da EN2 e admirar as vistas do Douro Vinhateiro

Mesmo que não vá percorrer a totalidade da Estrada Nacional 2, quando visitar Lamego, não deixe de percorrer um dos troços mais bonitos dessa estrada, para sul de Lamego (em direcção a Castro Daire). Quase logo à saída de Lamego, começará a ter vistas maravilhosas da paisagem de vinhas do Douro. Imperdível!

Douro próximo de Lamego

8. Visitar Viseu

Viseu fica a poucos quilómetros de Lamego por isso é uma belíssima cidade para uma visita combinada.

Se programar visitar Viseu não se esqueça de consultar o nosso artigocheio de dicas para explorar a cidade.

Visitar Viseo

ROTEIRO PARA VISITAR A REGIÃO DE LAMEGO EM 5 DIAS


Para visitar Lamego e a região do Douro recomendamos entre 3 a 4 dias. Sendo assim, organize a sua visita a Lamego da seguinte maneira:

  • Dia 1 – Visitar Lamego
  • Dia 2 – Desfrutar da praia fluvial (no Verão) e percorrer um pouco da EN2
  • Dia 3 – Visitar a cidade da Régua e uma quinta vinícola
  • Dia 4 – Percorrer a EN 222 e visitar o Pinhão
Senhora dos Remédios

Se procura ideias para conhecer belas cidades em Portugal estas são algumas das nossas sugestões:

  • Visitar Lamego – Um artigo cheio de dicas para conhecer esta bela cidade na região centro de Portugal.
  • Visitar a Régua – Um artigo cheio de dicas para visitar o Douro na Régua.
  • Visitar Lagos – Um artigo cheio de Dicas sobre as praias e a zona de Lagos, no Algarve.
  • Visitar Faro – Um artigo cheio de dicas para visitar a capital do Algarve.
  • Visitar Aveiro – Um artigo cheio de dicas para visitar a cidade a veneza portuguesa.
  • Visitar o Porto – O nosso artigo cheio de dicas do Rui (nascido e criado na cidade do Porto) de uma das mais belas cidades da Europa.
  • Visitar Évora – Um artigo cheio de dicas maravilhosas para visitar Évora durante alguns dias.
  • Visitar Chaves – Uma das cidades mais belas do norte de Portugal e que merece uma visita.
  • Visitar o Funchal – Um artigo cheio de dicas maravilhosas para visitar a capital da ilha da Madeira.
  • Visitar Fátima – Um artigo cheio de dicas para os amantes da fé e da tradição cristã em Portugal.
  • Visitar Lisboa – Um artigo criado com base nas inúmeras vezes que fomos a Lisboa e aproveitamos para explorar os diferentes lugares da cidade.
  • Visitar Guimarães – Um artigo cheio de dicas sobre a cidade que escolhemos para viver nos últimos 12 anos.
  • Visitar Viseu – Um artigo cheio de dicas para explorar a cidade de Viseu, no centro de Portugal.
  • Visitar Viana do Castelo – Um artigo com as melhores dicas para explorar a região de Viana do Castelo, no norte de Portugal.

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

QUE EQUIPAMENTO FOTOGRÁFICO USAMOS

Esta é provavelmente uma das perguntas que mais recebemos. A resposta é simples e está aqui. Desde drone, câmaras fotográficas, computadores, etc. Tudo o que vai na nossa bagagem está aqui.

  DSLR Camera free icon Máquinas fotográficas e drones sinal de símbolo de ícone de computador - Download Vetores Gratis ...Computador e gadgets

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o AutoEurope  ou o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão TRANSFERWISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartão. . Este blogue contém links de programas de afiliados.

5 Comentários

  1. Murilo Pagani diz: Responder

    Adorei as dicas para visitar Lamego. Pensava que em um passeio bate-volta daria para conhecer bastante coisa, mas com esse roteiro de quatro ou cinco dias que você sugeriu será muito melhor!

    Obrigado!

  2. Roberto Caravieri diz: Responder

    Que incrível saber tudo isso sobre Lamego! Quero muito conhecer em breve, estou ansioso pra viajar novamente!

  3. Muito obrigada pelo post tão completo sobre Lamego e região! Facilitará muito o planejamento da minha viagem!

  4. ANGELA MARTINS diz: Responder

    Que vontade de visitar Lamego depois de ler esse post. Amei as dicas do que fazer nessa região de Douro. Portugal me encanta.

  5. Já fui a região do Douro, mas não conheci lamego. Adorei conhecer mais e ver estas imagens lindas. Parabéns.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.