ILHA DA MADEIRA – Dicas e roteiro do que ver e fazer quando visitar

VISITAR A ILHA DA MADEIRA | Dicas e roteiro do que ver e fazer

Visitar a ilha da Madeira é um dos melhores programas para férias em Portugal. A Madeira é uma ilha grande e embora as estradas sejam boas, conhecer a ilha requer algum tempo e, quase obrigatoriamente, aluguer de carro. Se pretende visitar a ilha da Madeira relativamente bem, o ideal é ter uma semana. No entanto, em função do tempo que tem disponível pode montar um roteiro para visitar a ilha da Madeira, sabendo quais são os lugares obrigatórios a visitar a ilha da Madeira.

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

A ilha da Madeira é um excelente destino de férias, quer para portugueses, como para estrangeiros. A ilha parece ter um pouco de tudo, convencendo todo o tipo de visitantes que escolhem visitar a ilha da Madeira. Há lugares clássicos, festividades turísticas e até destinos inóspitos e de aventura. Foi esta parte que mais nos surpreendeu. A ilha parece ter tudo e por isso deve considerar mesmo visitar a ilha da Madeira!

Se vai viajar na ilha da Madeira estes artigos do blogue podem interessar-lhe:

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

DICAS PRÁTICAS PARA VISITAR A ILHA DA MADEIRA


Como chegar à ilha da Madeira

Chegar à ilha da Madeira e visitar a ilha da Madeira é cada vez mais económico. Para além dos voos regulares da TAP, há voos Low Cost e é possível arranjar bons negócios pesquisando na internet. É possível chegar à Madeira por cerca de 50€/ida e volta, a partir de Lisboa. Um vez no aeroporto do Funchal, pode marcar o seu transfer privado ou em autocarro para o hotel. Prepare-se para visitar a ilha da Madeira.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Visitar a ilha da Madeira – Covid 19 – Procedimentos (2021)

Para entrar na ilha da Madeira há novos procedimentos ligados à situação do Covid-19. Neste momento precisa de fazer um registo no site Madeira Safe. O preenchimento é obrigatório e após ter dado informação sobre a viagem e o resultado do teste (que tem que ser negativo) recebe um QR code. Quando chegar à ilha da Madeira, depois da zona das bagagens, terá que mostrar o QR code e será encaminhado para uma fila para mostrar o resultado do teste.

DICA – Se tiver de alugado carro, trate do carro primeiro e despacha-se logo. 

Quando a melhor altura para visitar a ilha da Madeira

Há muitas alturas boas para visitar a ilha da Madeira. A Madeira tem um clima temperado mediterrâneo, o que faz com que tenha um verão seco, correspondente a cerca de 5 meses (de Maio a Setembro), mas a sua posição no Atlântico faz com que a ilha tenha bastante humidade, especialmente no interior, mais montanhoso. A costa norte da ilha da Madeira é muito mais húmida do que a sul, onde a exposição solar torna as vertentes muito mais soalheiras. Dito isto, a melhor altura para visitar a ilha da Madeira são os meses de Abril a Outubro, no entanto, a influência do oceano faz com que a Madeira tenha temperaturas amenas todo o ano, o que faz dela um destino pouco sazonal e adequado a todo o ano. É ideal visitar a ilha da Madeira na Passagem de Ano e Carnaval, devido às temperaturas amenas e às festividades.

Seguro de viagem para visitar a ilha da Madeira

Não facilite quando visitar a ilha da Madeira. É importante viajar com seguro de viagem, ainda que para escapadinhas pequenas. Pode fazer um seguro de viagem simples para cobrir despesas médicas e hospitalares. Aconselhamos que faça também o seu seguro de viagem quando visitar a ilha da Madeira. Nós usamos a IATI Seguros. Se usar este link terá 5% de desconto. Não facilite.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Como se deslocar quando visitar a ilha da Madeira

A melhor forma de visitar a ilha da Madeira é alugando carro. Há várias agências de aluguer de viaturas no aeroporto e nas diferentes cidades da ilha da Madeira, contudo, se viajar na época alta deve reservar o seu carro com bastante antecedência já que os carros esgotam rápido.

Também é possível usar transportes públicos entre as cidades quando visitar a ilha da Madeira mas depois vai ser difícil arranjar transporte para as levadas ou para determinados lugares mais pequenos. Sem transporte próprio terá que fixar-se no Funchal e efectuar tours diários para conhecer as maiores atracções da ilha ou recorrer a táxis. A forma mais prática para visitar a Madeira é mesmo alugar carro.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

COMO SE DESLOCAR ENTRE AS ILHAS DO ARQUIPÉLAGO DA MADEIRA


É possível deslocar-se da ilha da Madeira para a ilha do Porto Santo usando o ferry “Lobo Marinho”, da Porto Santo Line (veja o site oficial), que circula diariamente entre as duas ilhas do arquipélago da Madeira. Geralmente, o barco viaja de manhã às 8h, do Funchal para o Porto Santo, e regressa do Porto Santo ao Funchal, às 19h. No entanto, às sextas feiras, o barco sai do Funchal às 19h e regressa às 22h30. Aos domingos, o barco também regressa ao Funchal às 21h. Às vezes, no Verão, há dois barcos por dia. Para ter a certeza do horário, pode consultar o site oficial (link acima) , onde encontrará horários detalhados e pode adquirir o seu bilhete (para as pessoas e até para a viatura). Nós viajámos para o Porto Santo de barco e levámos connosco o carro que alugámos no Funchal. É possível comprar bilhete de ida e volta, com data marcada, antecipadamente. Faça-o.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

ONDE DORMIR QUANDO VISITAR A ILHA DA MADEIRA


Se vai viajar para o Funchal saiba que os melhores hotéis para ficar alojado são:

  • Casa da Praça, uma casa artesanal no coração do Funchal ideal para quem procura um lugar completo para se alojar e famílias. Tudo com muita tradição e glamour.
  • Quinta B., uma quinta com piscina no coração do Funchal. Temos a certeza que vai adorar.
  • Belvedere Boutique, uma quinta com vistas fabulosas sobre o Funchal e que permite umas férias de descanso com glamour.
  • Casa Da Avo Clementina, um lugar maravilhoso para quem procura alojamento menos luxuoso mas no centro da cidade do Funchal.
  • Babosas Village, um hotel maravilhoso no Funchal com vistas magníficas sobre a cidade e com quartos maravilhosos.
  • Sé Boutique Hotel, um botique hotel maravilhoso, com piscina interior e mais em conta para quem pretende hospedar-se no centro do Funchal.
  • Belmond Reid’s Palace, um dos lugares mais maravilhosos para se alojar no Funchal, com vistas fantásticas do promontório, quartos principescos e uma piscina virada para o mar que vai fazer as suas delícias.
  • Quinta da Casa Branca, uma quinta no Funchal virada para um espaço tranquilo, ideal para famílias e casais em escapadinhas românticas.
  • Castanheiro Boutique Hotel, se procura quartos, studios ou apartamentos no coração do Funchal com uma piscina infinita maravilhosa no terraço, este lugar é para si. Não encontrará lugar muito mais maravilhoso do que este no Funchal.
  • Hotel Porto Santa Maria – PortoBay, um dos hotéis mais maravilhosos e populares no Funchal, no Porto de Santa Maria.
  • Hotel Baia Azul. Este é um dos hotéis de luxo do Funchal, especialmente popular entre estrangeiros, com um serviço e atendimento de excelência.
  • Pensão Residencial Vila Teresinha, para quem procura alojamento mais barato no centro da cidade do Funchal.

Todos estes são boas escolhas. Porém, as nossas foram outras. Na nossa visita à ilha da Madeira ficámos hospedados em dois lugares distintos. No primeiro local, para vários dias seguidos, optámos por nos alojar numa casa, condomínio fechado, no Funchal. Queríamos uma casa grande para ter as coisas todas espalhadas e poder preparar as refeições, estacionar o carro, preparar as caminhadas e fazer até algum trabalho que tínhamos pendente. Optámos por uma residência no Palheiro Village. Depois de ir ao Porto Santo, voltámos para visitar a ilha da Madeira mas só precisávamos de alojamento para uma noite. Assim, decidimos “oferecer” a nós próprios um miminho (a seguir íamos para a Índia por isso precisávamos!), uma noite na Casa Velha do Palheiro, um hotel clássico e deluxe no Funchal. A escolha do alojamento também foi uma bela forma de visitar a ilha da Madeira.

1. Dormir no Palheiro Village

O Palheiro Village  é um complexo de apartamentos e moradias (villas) de luxo, que podem ser arrendados na cidade do Funchal. As moradias, totalmente mobiladas, são espaçosas, com dois pisos, e permitem que uma família possa encontrar uma casa longe de casa, acolhedora e com todo o conforto que se merece numa viagem ao arquipélago. Quando preparamos a viagem à Madeira tínhamos pensado fazê-lo em família mas depois surgiu um imprevisto e ficamos só os dois para visitar a ilha da Madeira.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

As moradias mais luxuosas têm piscinas privadas, o que não foi o nosso caso, mas aqueles não tão afortunados podem desfrutar da piscina comunitária, assim como de todos os espaços comuns do complexo. Foi isso que fizemos quando fomos visitar a ilha da Madeira.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.

Os quartos são enormes e bem decorados, com casa de banho privada. A cozinha é excelente, grande, completamente equipada para cozinhar as refeições desde o pequeno-almoço, ao almoço e ao jantar. Ao lado tínhamos uma sala de comer. Para além disso há uma sala grande, com sofás e tv. Foi o lugar perfeito para nos alojarmos nos dias que passámos a visitar a ilha da Madeira. Sentimo-nos em casa, mesmo a visitar a ilha da Madeira.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.

2. Dormir na Casa Velha do Palheiro

A Casa Velha do Palheiro foi restaurada e inaugurada na década de 90  e inclui um reconhecido restaurante gourmet e uma ala de jardins magníficos, para além de campo de golf, piscina e spa. A nossa suite era bastante espaçosa e exalava uma aura do século XIX, com móveis magníficos e paredes finamente decoradas.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.

Pelas janelas, tínhamos vista para os jardins do Palheiro, e para uma capela manada construir pelo 1º Conde de Carvalhal. O pequeno-almoço foi magnífico e preparou-nos para o belíssimo passeio que demos pelos jardins e para o nosso último dia visitar a ilha da Madeira. Foi um excelente local para nos despedirmos da ilha da Madeira.

PROCURE AQUI MAIS ALOJAMENTOS NO FUNCHAL

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.


ONDE COMER QUANDO VISITAR A ILHA DA MADEIRA


Há imensos restaurantes fabulosos no Funchal a incluir quando visitar a ilha da Madeira. Decerto que haverão restaurantes melhores, mais tradicionais, mais baratos, mais caros, mais típicos, mais elegantes ou até mais populares quando visitar a ilha da Madeira, no entanto, estes foram os restaurantes que usámos e que recomendamos, pela sua singularidade, pela qualidade da comida e pelo ambiente.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Restaurante Chez Vicente no Funchal

O restaurante Chez Vicente fica no centro do Funchal e é excelente para quando visitar a ilha da Madeira. Foi o primeiro local onde provámos as lapas e o bolo do caco com manteiga de alho. Não desiludiu. Estava delicioso! Não podíamos ter começado melhor a visitar a ilha da Madeira, por isso acompanhámos logo com uma poncha da Madeira. De pratos principais deliciamo-nos com Gambas à Monumental e um Supremo de Pato Assado com Molho de Laranja. Optámos por experimentar os produtos locais madeirenses por isso bebemos vinho tinto Terras do Avô (D.O.P.). Para sobremesa, mousse de chocolate e creme brullé. Foi uma óptima introdução à gastronomia madeirense.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.

Restaurante Nini Design Center ( no Porto Marítimo do Funchal)

O restaurante Nini situa-se no Design Center do Porto Marítimo do Funchal. Marcámos o jantar antecipadamente porque era uma noite especial quando estivemos a visitar a ilha da Madeira. Decidimos seguir a sugestão do chefe e comemos um menu com vinho a copo adequado a cada um dos pratos.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Começámos com aperitivos que incluíam azeitonas recheadas, bolachas de sésamo com salmão, manteiga de alho caseira e azeite do Douro. O chefe recomendou-nos vinho Bis, um vinho alentejano. Começámos com o branco para as entradas e seguimos com tinto para o prato principal.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.

Restaurante Santa Maria, no Funchal

O restaurante Santa Maria fica na rua homónima, na cidade velha do Funchal e é obrigatório quando visitar a ilha da Madeira. Esta foi a nossa zona preferida para jantar. Há imensos restaurantes, uns melhores do que outros, claro. Nesta zona, comemos em três restaurantes diferentes, e este foi definitivamente o melhor de todos.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

De entradas experimentámos o bolo do caco, manteiga aromatizada artesanalmente, presunto e azeitonas aromatizadas. De pratos principais experimentámos a cataplana de peixe e uma espetada de peixe e marisco. Estava delicioso. De sobremesa, uma cassata de natas e amêndoa (sobremesa típica da Madeira) e crumble de maça com bola de gelado.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.


O QUE VER E FAZER QUANDO VISITAR A ILHA DA MADEIRA


Para saber o que fazer e o que visitar na Madeira, veja o nosso artigo sobre os melhores lugares para conhecer na Madeira. Está tudo lá.

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

1. Visitar o Funchal quando visitar a ilha da Madeira

Toda a viagem pela ilha da Madeira deve passar pela sua capital, o Funchal. Um dia chega para conhecer e experimentar o que de melhor tem o Funchal, nomeadamente o teleférico do Monte, os carros de cesto, o mercado de lavradores, a zona histórica em torno da rua Santa Maria ou os jardins magníficos, mas o ideal são dois dias. O Funchal é o lugar ideal para começar a visitar a ilha da Madeira. Se procura tours para conhecer o Funchal pode experimentar estas:

Se procura as melhores dicas para visitar o Funchal veja este artigo.

Se vai viajar para o Funchal saiba que os melhores hotéis para ficar alojado, segundo o Booking são: a Casa da Praça, a Quinta B., o Belvedere Boutique, a Babosas Village, o Belmond Reid’s Palace, a Quinta da Casa Branca, o Castanheiro Boutique Hotel, o Hotel Porto Santa Maria – PortoBay e o Hotel Baia Azul.

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

2. Visitar o Cabo Girão

O magnífico Cabo Girão é o maior promontório natural em Portugal, com uma verticalidade de 589 m e imperdível quando visitar a ilha da Madeira. Um miradouro recente, de fundo de vidro, permite contemplar agora ainda melhor as fajãs cultivadas na base do promontório. As vistas do miradouro estendem-se desde Câmara de Lobos até ao Funchal, com estas cidades voltadas para o Atlântico. Se não alugar carro, pode chegar aqui com um tour desde o Funchal, nomeadamente este. 

Procure alojamento no Cabo Girão

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

3. Visitar o Curral das Freiras

Com pouco mais de dois mil habitantes, Curral das Freiras é uma pequena povoação no coração das montanhas da Madeira e obrigatória para conhecer quando visitar a ilha da Madeira.. Outrora praticamente isolada num vale fechado, apenas acessível por uma estrada vertiginosa, hoje é possível transpor um túnel e alcançar a povoação facilmente. Vale a pena sentir a claustrofobia do local, mas também contemplar a povoação de alguns dos mais belos miradouros da Madeira, como é o caso do Miradouro do Paredão e do Miradouro da Eira do Serrado. Este é um dos lugares obrigatórios a conhecer quando visitar a ilha da Madeira. Se não alugar carro, pode chegar aqui com um tour desde o Funchal, nomeadamente este.

Procure alojamento no Curral das Freiras

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

4. Visitar o Pico Areeiro

O Pico Areeiro, em dias de céu limpo, é um dos lugares mais bonitos a visitar a ilha da Madeira. As rochas coloridas dos picos da ilha da Madeira estendem-se no horizonte e perdem-se de vista. Este é um dos lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira. Para os mais aventureiros, há que fazer o trilho PR1 – Pico Areeiro – Pico Ruivo, mas para quem não tem tempo, ou não quer, aconselha-se que faça o início do percurso, até ao miradouro em balcão, a cerca de 1 km. Pelo caminho já irá desfrutar das vistas mais soberbas da ilha da Madeira. Se não alugar carro, pode chegar ali com um tour desde o Funchal, nomeadamente este. Se pretender fazer o trilho a pé pode também fazê-lo em tour. Marque outro tour até ao Pico Areeiro aqui. 

Procure alojamento próximo do Pico Areeiro

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

5. Visitar o Pico Ruivo

O Pico Ruivo é o ponto mais alto da ilha da Madeira, com 1861 m de altitude e que deve conhecer quando visitar a ilha da Madeira. Para ali chegar é necessário caminhar. Pode ir até à Achada do Teixeira, em Santana, e daí caminhar cerca de 1h30 (ida e volta) para chegar ao pico Ruivo. Em dias de céu limpo as vistas são magníficas.

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

6. Visitar as casas de Santana

As casas tradicionais de Santana são o bilhete postal da ilha e do arquipélago da Madeira e um lugar a não perder quando visitar a ilha da Madeira. Mas desengane-se se pensa que vai encontrar uma aldeia de casinhas coloridas em Santana. Outrora as casas cobertas de colmo eram mais comuns, mas com a crescente melhoria do nível de vida, a maioria da população abandonou as casas tradicionais e vive em habitações comuns. Apesar de haver algumas casas espalhadas pela zona, especialmente nas povoações pequenas, para ver as casas tradicionais terá que se dirigir à praça municipal da cidade, onde existem seis casas, quatro das quais convertidas em lojas turísticas. As casas estão todas recuperadas e pode visitá-las por dentro. Há ainda duas que funcionam como habitação particular. Essas não são visitáveis. Se quiser ver uma destas casas tradicionais por dentro, tal como eram utilizadas, terá de ir ao Parque Temático da Madeira, em Santana, e pagar 1€/entrada. Aí uma menina explicar-lhe-á como funcionavam estas casas. Se não alugar carro, pode chegar aqui com um tour desde o Funchal, nomeadamente este.

Procure alojamento em Santana

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

7. Visitar as Grutas e Centro de Vulcanismo de São Vicente

São Vicente, na parte norte da ilha da Madeira, foi construída num corredor de lava, por onde o material incandescente e fluido escorria dos vulcões em erupção, em direcção ao mar. Para perceber isto e muito mais, especialmente como se formou a ilha da Madeira, vale a pena visitar o Centro de Vulcanismo de São Vicente. A visita ao centro inclui uma visita a uma exposição sobre vulcanismo no mundo, onde se contextualiza a origem vulcânica dos relevos mundiais e dos arquipélagos. Segue-se a visualização de um vídeo sobre a formação da Madeira e um outro em 3D. Depois da contextualização geológica e geomorfológica, segue-se uma visita às grutas, os túneis de lava por onde escorreu o material fluido expelido pelo vulcão e que se deslocou para o oceano. Este é um dos lugares mais fascinantes para visitar a ilha da Madeira.

Procure alojamento em São Vicente

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

8. Visitar as piscinas naturais de Porto Moniz

A Povoação de Porto Moniz cresceu à volta da ponta da ilha onde piscinas naturais, encurraladas nas rochas vulcânicas atraíam os veraneantes. Outrora completamente naturais, hoje há cada vez mais estruturas, como escadas, passadiços e várias infraestruturas de apoio aos turistas. Pode tomar banho nas piscinas naturais ou nas modernas, já arranjadas, mas a essência ainda está lá, nadar no meio das lavas solidificadas das erupções vulcânicas que formaram a ilha. Tudo com uma vista magnífica sobre o ilhéu Mole. Apesar de ser um lugar turístico, é um local essencial para visitar a ilha da Madeira. Se não alugar carro, pode chegar aqui com um tour desde o Funchal, nomeadamente este.

Procure alojamento em Porto Moniz

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

9. Visitar a Costa de São Jorge

Entre Santana e São Vicente há uma estrada fenomenal, que serpenteia a parte norte da ilha e percorre algumas das povoações mais características da Madeira, tais como São Jorge, Ribeira Funda, Arco de São Jorge, Boaventura e Ponta Delgada, e algumas das paisagens mais maravilhosas da ilha da Madeira. A estrada ER101 passa por vários miradouros deslumbrantes e permite contemplar ainda o modo de vida tradicional destas populações e visitar a ilha da Madeira. Aproveite para comprar aos agricultores locais os frutos tradicionais (muito mais baratos do que nos mercados do Funchal), tais como a banana-maracujá, banana-ananás, maracujá-laranja ou maracujá-limão. Para além disso, não perca a tradicional banana da Madeira que ali é tão saborosa. Um passeio extraordinário para visitar a ilha da Madeira.

Procure alojamento em São Jorge

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

10. Visitar a Serra do Rabaçal e Paul da Serra

Depois de subir a Serra de Água, com paisagens vertiginosas, chega-se a um planalto de montanha que se estende por vários quilómetros e que constitui o Paul da Serra e, um pouco mais à frente, a Serra do Rabaçal.  Um vasto campo eólico foi construído ali. Na Serra do Rabaçal há lugares magníficos para fazer caminhadas, nomeadamente na área das 25 Fontes e do Risco e que deve incluir no seu roteiro para visitar a ilha da Madeira..  Se não alugar carro, pode chegar aqui com um tour desde o Funchal, nomeadamente este.

Procure alojamento próximo da Serra do Rabaçal

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

11. Visitar a Ponta de São Lourenço

A Ponta de São Lourenço, no extremo nordeste da Madeira, é um lugar magnífico para uma caminhada quando visitar a ilha da Madeira. Pode optar pelo trilho PR8 – Vereda de São Lourenço, com 4 km de extensão (tem que fazer ida e volta o que dá 8 km de percurso de Baía d’Abra até ao Cais da Sardinha). O percurso completo demora cerca de 5 horas e tem vistas magníficas sobre a ponta onde terá atracado o barco de Gonçalves Zarco quando descobriu a Madeira. Se o seu tempo é mais limitado, há um trilho à direita do placard que contorna as vertentes e tem vistas magníficas sobre a própria ponta. Outra opção para contemplar este local é subir ao miradouro da Ponta do Rosto. Este é um dos lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira. Pode fazer esta zona em tour também desde o Funchal, inclusive com caminhada. Marque aqui. 

Procure alojamento na Ponta de São Lourenço

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

12. Visitar Câmara de Lobos

Câmara de Lobos era (e ainda é) uma povoação piscatória às portas do Funchal. Hoje tem dos melhores restaurantes da Madeira e é ali que rumam todos aqueles que querem experimentar bom peixe e marisco. Apesar do desenvolvimento dos últimos anos, Câmara de Lobos ainda conserva alma e é uma das povoações mais tradicionais para visitar a ilha da Madeira. Na altura das festividades de São Pedro veste-se a preceito e fica ainda mais animada.  Se não alugar carro, pode chegar aqui com um tour desde o Funchal, nomeadamente este.

Procure alojamento em Câmara de Lobos

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

13. Experimentar uma caminhada pelas levadas da Madeira

Nenhuma visita à ilha da Madeira fica completa sem percorrer algumas das suas levadas. As levadas constituem canais criados pelo homem para transportar a água da parte norte da ilha, onde a precipitação é maior, para a parte sul. Hoje muitas destas levadas, que aproveitam as curvas de nível, foram transformadas em percursos pedestres e estão sinalizadas. Há levadas difíceis e exigentes, mas há também levadas para os menos bem preparados. Uma das levadas mais fáceis de fazer, mais bonitas e mais curtas é a Levada dos Balcões (com apenas 1,5 km para cada lado). Para os mais bem preparados, a Levada das 25 Fontes ou a Levada do Caldeirão Verde são das mais belas. Os mais exigentes, podem seguir ainda a Levada do Caldeirão Verde para o Caldeirão do Inferno. Mas há muitas outras levadas para experimentar na Madeira. Basta espreitar o site do Turismo da Madeira e escolher as levadas que mais lhe agradam quando visitar a ilha da Madeira. Pode fazer um destes tours para fazer as levadas se não tiver carro:

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

14. Percorrer a antiga estrada ER101 e o Véu da Noiva

A Antiga estrada ER101 termina agora oficialmente em São Vicente mas há ainda pequenos troços até Porto Moniz onde a pode percorrer, umas partes de carro, outras a pé quando visitar a ilha da Madeira. E há algumas secções que valem mesmo a pena, nomeadamente nas proximidades do Seixal e da Ribeira da Janela. Neste percurso, não perca ainda uma paragem no miradouro do Véu da Noiva, uma queda de água que caía sobre a antiga estrada regional. Na actualidade esta secção já não pode ser feita devido a um desabamento de terras mas continua a ser um local a apreciar quando visitar a ilha da Madeira.

Procure alojamento na costa norte

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

Não perca tempo e vá visitar na ilha da Madeira!

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

Dicas de viagem para visitar a Madeira | Portugal

.

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

Lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira | Portugal

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

QUE EQUIPAMENTO FOTOGRÁFICO USAMOS

Esta é provavelmente uma das perguntas que mais recebemos. A resposta é simples e está aqui. Desde drone, câmaras fotográficas, computadores, etc. Tudo o que vai na nossa bagagem está aqui.

  DSLR Camera free icon Máquinas fotográficas e drones sinal de símbolo de ícone de computador - Download Vetores Gratis ...Computador e gadgets

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o AutoEurope  ou o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão TRANSFERWISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartão. . Este blogue contém links de programas de afiliados.

52 Comentários

  1. por favor, desejo viajar até 30/07/2021, está sendo permitido a entrada de brasileiro com dupla cidadania, brasileiro e portugues…Vale ficar lá e completar os 14 dias de quarentena…pois preciso ir para a Inglaterrra.
    agradeço, muito , obrigado.
    Nilton Cinti

    1. Carla Mota diz: Responder

      Olá Nilton, não lhe sei responder, lamento.

  2. Jorge diz: Responder

    Bom dia, Muito obrigado pelo vosso relato de experiências na ilha da madeira. Nos vamos la na próxima semana, e como adoramos caminhar o principal objectivo é esse.
    Ha limitantes nesta altura para as levadas e outras caminhadas na ilha? Penso que li que não esta acessível o pico ruivo pelo pico do areeiro, isso seria uma desilusão para nos. Tem mais informações a este nível?

    Os meus parabéns pelo vosso blog. Boa continuação.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Olá Jorge, não sei ainda vai a tempo, mas não ouvimos dizer nada.

  3. Poli diz: Responder

    Carla, sou brasileira e estou indo em Janeiro para a ilha da madeira! Tenho pesquisado em vários blogs e o seu foi o que eu mais gostei, esse comentário é só para te agradecer mesmo.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Muito obrigada, Poli. De coração. Aproveita muito. É lindo demais.

  4. A Madeira tem muito mais coisas, muitas ainda estão a ser descobertas ou são menos desconhecidas.

    1. Carla Mota diz: Responder

      O Jackson é um bom amigo, conheci-o na India, onde viajamos juntos durante duas semanas. Estou muito contente que ele esteja na Madeira porque ele é um verdadeiro explorador. Vai ser bom para a Madeira, acredito.

  5. Parabéns pelo vosso blog e pelo fantástico artigo sobre a minha terra! Quando decidirem voltar disponham, as lapas, a coral e a poncha são por minha conta!

    Melhores Cumprimentos

    Marco Vieira

    1. Carla Mota diz: Responder

      Muito obrigada, Marco. Visitar a Madeira é sempre um prazer.

  6. Rebeca González diz: Responder

    Carla Mota, o que acha de uma viagem à Madeira com uma bebé de 3 meses?

    1. Carla Mota diz: Responder

      Acho tranquilo. Sem stress. Destino seguro e tem tudo o que precisa.

  7. Paulo Barão diz: Responder

    Olá , chegamos no dia 5 e partimos no dia 8 de manhã, ficamos alojados no centro do Funchal e alugamos uma carro qual é o roteiro mais logico para conhecer a vossa ilha e almoçar bem todos os dias.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Temos aqui muitas sugestões, mas terão que ser vocês a escolher o que querem fazer. Veja este artigo https://www.viajarentreviagens.pt/portugal/visitar-o-funchal/ e este https://www.viajarentreviagens.pt/portugal/dicas-viagem-visitar-a-madeira/

  8. Marisa Jesus Rodrigues diz: Responder

    Boa tarde, tenho andado a recolher informações acerca de viagens, não só porque sou curiosa mas porque em fevereiro do proximo ano, vou à madeira com os meus filhos (4 e 9 anos) e marido. Vai ser uma mega aventura para todos.. estou a tratar de tudo particularmente, já comprei os bilhetes através da easyjet e fiz a reserva de um apartamento no centro do Funchal.. É tudo uma novidade mas.. espero que corra bem. Estamos a ponderar alugar viatura porque achamos que andar em tours com crianças é menos cômodo.. recomenda alguma empresa de aluguer de viaturas?

    1. Carla Mota diz: Responder

      Nós usamos o link do site que está aqui no blogue para pesquisar e depois compramos sempre no mais barato. Este site permite comparar todas as companhias e ordenar por preço. Nunca tivemos problemas.

  9. Tatiana diz: Responder

    Vou em Setembro para Madeira,vou experimentar a vossas dicas,obigada

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada. Visitar a Madeira é maravilhoso.

  10. jose diz: Responder

    Falta aqui mencionar a cascata do risco no rabaçal,sem duvida o lugar mais interessante da Madeira.Normalmente so os aventureiros e que conseguem visitar esse lugar

    1. Carla Mota diz: Responder

      Falta tanta coisa… Um dia voltaremos.

  11. Jean diz: Responder

    Carla, vou viajar para a Ilha da Madeira e estou com uma grande dúvida: se alugo carro ou se faço as excursões com as empresas privadas, pois não tenho grande experiência na direção. O que você me diz sobre as estradas da Madeira, são muito complicadas de se dirigir? Consegue me dizer se tem alguma região que seja mais difícil ou mais fácil para se dirigir, para eu ter uma ideia?
    Obrigado!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Jean, as estradas são sempre a subir e descer, especialmente no interior da ilha. Há boas auto-estradas em toda a ilha a ligar as cidades. Na parte nordeste e na parte do Pico Areeiro e Pico Ruivo é mais complicado. Curvas, estradas sinuosas e subidas estreitas. Se estiveres sozinho, em termos económicos, se calhar compensa os tours.

  12. Laine Pizzi diz: Responder

    Vou só para a Ilha, estava em dúvida e vocês conseguiram me dar um norte. Obrigada, conto depois, bjs

    1. Carla Mota diz: Responder

      Laine, aloje-se no Funchal e explore a ilha da Madeira em tours de um dia. Vai adorar.

  13. Susana Augusto diz: Responder

    Olá, estou a planear uma ida à Madeira no final de Fevereiro. Adorei as vossas dicas no blog, bastante directas e práticas. No que diz respeito à alimentação, isto é, restaurantes têm alguma sugestão? Obrigada 😉

    1. Carla Mota diz: Responder

      Susana, veja o artigo com “dicas para viajar na Madeira”. Tem lá os restaurantes que experimentamos com fotografias e tudo.

      1. Vilma diz: Responder

        Olá Carla, que dicas voce daria para quem levará um idosa de 80 anos que não pode ficar muito tempo de pé? Ela está louca para conhecer a ilha da Madeira, mas estou preocupada se todas as atrações são localizadas em lugares de difícil acesso ou se necessita de longas caminhadas. Outra pergunta, é mais em conta voar desde Lisboa ou Porto?

        1. Carla Mota diz: Responder

          Tem que ir de carro aos lugares. Isso é tranquilo. Depois não pode é fazer os trilhos. São perigosos para essas idades. Agora há bons preços para o Funchal quer do Porto, quer de Lisboa. Os voos rondam os 30€ – 50€.

  14. Henrique da Costa Jorge diz: Responder

    Carla, apesar de não ser madeirense – tenho antepassados naturais da Madeira mas nasci na Lousã – tenho uma ligação muito emocional com o arquipélago da Madeira.
    Este blog dá informações válidas e precisas, sem querer impingir opiniões fixas. Os madeirenses são um povo excepcionalmente hospitaleiro e cortês, geralmente sempre prontos para uma piada, uma ajuda, um sorriso.
    Seguir as vossas dicas, as vossas indicações e conselhos, do melhor que já li sobre está maravilhosa ilha, só leva a enriquecer a experiência de nos visitar.
    Parabéns e obrigado.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Muito obrigada pelas suas palavras, Henrique. São mensagens destas que nos dão força para continuar. Gostamos mesmo muito da ilha da Madeira. Foi uma surpresa muito muito boa. bjinhos

  15. Guilherme diz: Responder

    Boa noite

    Recomendaria uma ou algumas agências de turismo em Funchal para visitar os locais citados?
    Muito obrigado

    1. Carla Mota diz: Responder

      Nós visitamos tudo de forma independente. Não conheço nenhuma.

  16. Paula Silva diz: Responder

    Gostei muito! Segui à risca as vossas dicas e me surpreendi. Obrigada pelo excelente trabalho.

    1. Carla Mota diz: Responder

      😀 Que bom, Paula! Fico super, hiper, mega feliz. São comentários destes que fazem o meu dia. Muito obrigada. 😀

  17. Olá!
    Obrigada pelo artigo!
    Alguma zona mais recomendável para visitar com crianças?

    Obrigada!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Todas as zonas são boas. A Madeira é linda.

  18. Gustavo Agostinho diz: Responder

    Quantos dias ficaram na ilha?

    1. Carla Mota diz: Responder

      Nós ficamos 5 dias. Gostaríamos de mais tempo mas não tínhamos.

  19. Carla diz: Responder

    Consideram necessário fazer seguro, uma vez que é Portugal?
    Continuem com este “serviço público” que já tantas vezes me serviu de inspiração.
    Obrigada.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Nós não fizemos.

  20. Oi Carla, amei suas dicas. Estou indo dia 24 de maio para a Ilha da Madeira, e o voo chega em Funchal. Quero seguir suas dicas, mas me ajude ! Se eu ficar em Porto Muniz consigo fazer esse lugar e base e rodar os meus 6 dias de carro pelos lugares que você indicou? me dá uma luz de onde me hospedar, não gosto de lugar tumultuado, por isso queria fugir de ficar em Fuchal. Obrigada! Denise

    1. Carla Mota diz: Responder

      Sim, Denise. Consegue mesmo. As estradas são muito boas. Pode ficar mais longe para visitar o Funchal mas faz-se bem. Outra opção pode ser a zona de Santana. Como tem carro, qualquer lugar é bom.

    2. Maria Santos diz: Responder

      Bom dia,

      Gostou da visita a ilha?
      A onde fez as refeições? Pode indicar alguns dos sítios? O aluguer do carro foi feito antes de ir, ou foi feiro na sua chegada?
      Obrigada

      1. Carla Mota diz: Responder

        Maria, alugar carro é melhor antes. Consegue melhores preços.

  21. Kátia diz: Responder

    Gostaria de saber se a Ilha da Madeira é um lugar acessível a deficientes, pois sou deficiente e meus ancestrais vieram de lá, por isso tenho muita curiosidade em conhecer, mas ouvi que é um lugar de difícil acesso para deficientes.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Olá Kátia, acessível é. Só as veredas ou as levadas é que não poderá visitar. O resto tem acessos bons e adequados.

  22. Silvio Freitas diz: Responder

    Sou madeirense e muito exigente sobre o que se diz sobre o arquipélago. Tenho lido muita informação errada sobre nós o que leva a que muitos visitantes venham com ideias adulteradas sobre a nossa vivência.
    Acho o vosso site muito acertado sobre as informações e experiências que deram a conhecer.Do melhor que já vi.
    Vir à Madeira, assim como em qualquer parte do mundo, é ter uma atitude despretensiosa sobre o que vão encontrar porque cada lugar é único. Quem vai fazer férias e leva uma atitude igual à que usa no seu dia a dia em casa, vai ficar desiludido e zangado. E gente chateada e empertigada nós madeirenses não toleramos.
    Parabéns ao vosso site.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Sílvio, o seu comentário foi dos mais elogiosos que já tivemos no nosso blogue, não apenas porque gostou do nosso trabalho (já agora o nosso muit obrigada), mas porque valoriza aquilo que nós mais gostamos de mostrar às pessoas: que a beleza do mundo depende da forma como o vemos. A Madeira é linda, mas como todos os destinos, têm lugares que agradam mais a uns do que a outros. Devemos tentar encontrar o nosso lugar, aquele que nos preenche e aprender com ele. Respeitá-lo, conhecê-lo e valorizá-lo. O mundo é lindo, todo ele, mas temos que usar as lentes certas. Olhar o mundo com preconceito, torna-o belo na mesma, as pessoas é que não o conseguem ver. Obrigada. 😀

  23. Gustavo Agostinho diz: Responder

    Carla, Para alguém que quer visitar o Funchal que locais de interesse, nos podes dizer.
    Obrigado

    1. Rui Pinto diz: Responder

      Obrigatório é fazer o passeio dos cestos e o bairro de Santa Maria. Nós vamos fazer um artigo sobre o Funchal. Espero que ainda vá a tempo.

  24. Eimy Minowa diz: Responder

    Para quem vai dar a volta a ilha, voce recomenda ficar em quais lugares alem de funchal!! obrigada! 🙂

    1. Carla Mota diz: Responder

      Para quem vai dar a volta á ilha recomendo ficar um dia na parte norte, por exemplo Porto Moniz ou São Vicente. Uma alternativa é a zona de Santana. Acho que vale a pena fugir um bocadinho do Funchal.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.