Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

dormir no Douro

Há muito que não tínhamos o tempo que gostaríamos para desfrutar do nosso belíssimo país. Ao longo do ano, tentamos sempre arranjar um tempinho para sair, viajar para fora e, quando demos conta, já não dedicávamos a Portugal o tempo que ele merecia. Assim, decidimos que este ano, logo que começasse o bom tempo íamos explorar algumas das mais belas paisagens portuguesas. Foi neste contexto que decidimos ir até ao Douro. No início pensamos explorar o Pinhão num fim-de-semana. Gostámos tanto que repetimos, o segundo dedicado à Rota do Românico no Vale do Douro. Ficamos tão maravilhados com tudo o que havia para descobrir que decidimos voltar para um terceiro, de novo à zona do Pinhão, mas desta vez com companhia.

– E se fossemos passar umas mini férias em família?

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Foi isso que decidimos fazer. Convencemos o meu irmão e a minha cunhada a juntarem-se a nós. Éramos agora quatro adultos e uma criança, a pequena Leonor, uma menina de 4 anos, cheia de vida e vontade de conhecer o mundo. Procurámos um alojamento familiar, na zona vinhateira, mas que nos desse privacidade.  Na busca de alojamento tínhamos algumas preferências:

– lugar tranquilo

– bela vista sobre o Douro

– piscina (para aproveitar o sol e calor de Junho)

– lugar com carisma e acolhedor

– privacidade

– um lugar que nos permitisse conviver juntos fora do quarto do hotel

Em suma, os hotéis não nos ofereciam aquilo que procurávamos para uma escapadinha em família. Procurávamos algo mais “caseiro”. Depois de pesquisar na internet, seleccionamos a Casa de Gouvães (pode marcar no airbnb e aproveite o nosso convite para ter 15€ de desconto), uma unidade de Turismo Rural a quatro quilómetros do Pinhão. Parecia ser o local ideal para o que pretendíamos.  Marcamos, combinamos hora de chegada e preparamos as mini férias em família. Este era um desafio novo para o Viajar entre Viagens. Nunca tínhamos viajado com crianças e o Douro não parecia ser o local ideal para o fazer.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Começamos por preparar uma visita às Quintas do Douro, com as vinhas, as adegas e prova dos vinhos. Parecia-nos má ideia levar para lá a Leonor. Mas decidimos arriscar. Já tínhamos estado na Quinta do Seixo e lá servem sumo às crianças. Apesar das Quintas que visitamos com a Leonor não terem sumo para crianças, esta também pode ser uma actividade para levar crianças e fazer em família. Na sexta-feira, visitamos a Quinta do Portal, cujo vinho de mesa recebeu o título de melhor vinho de 2015. Os adultos adoraram a visita e a prova de vinhos e, embora a Leonor não tenha feito a prova, gostou muito da visita e tirou imensas fotografias às barricas nas adegas.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Quando saímos da quinta, fomos para Gouvães do Douro, onde ficamos alojados. Quando chegamos ao nosso alojamento ficamos logo rendidos à paisagem. O lugar onde estacionamos o carro tinha melhor vista que todas as janelas do meu apartamento! Foi aí que pensei “se calhar moro no local errado!”.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Na Casa de Gouvães, a Estrela, a nossa anfitriã, estava à nossa espera. Recebeu-nos com um bolinho de laranja acabadinho de sair do forno (ainda estava quentinho). Havia limonada fresquinha (uma maravilha porque estava um calorão lá fora), mas nós preferimos passar quase logo para um copinho de vinho do Porto caseiro. E, deixem-me que vos diga, era tão ou mais maravilhoso do que o bolo! Acho que a Estrela ficou logo impressionada com a nossa vontade de “saborear”o Douro. Até a Leonor, que é uma pisca para comer, comeu três fatias de bolo.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Já era final do dia por isso fomos colocar as coisas nos quartos (que são 3, dois com cama de casal e um twin). A Leonor pediu logo para dormir com os pais por isso a Estrela arranjou-lhe uma caminha extra. A Estrela tem imenso jeito para crianças. Começou logo a conversar com a Leonor e as duas foram montar a cama extra. A Leonor não é muito de dar confiança a pessoas estranhas mas a Estrela conquistou-a logo e, passado alguns minutos, já a convidava para brincar.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Resolvemos aproveitar o alojamento e, combinamos com a Casa de Gouvães que íamos experimentar o jantar de boas vindas ao Douro que eles proporcionam. Assim, enquanto brincávamos com a Leonor na sala, a Estrela preparou-nos um jantar magnífico: entradas de fumeiros e queijos, azeite orgânico e caseiro do Douro, acompanhado por vinho do Porto Branco. O prato principal foi empadão de alheira e grelos, que me fez “viajar” para as memórias de infância e para os dias em que a minha avó fazia empadão nos almoços de sábado. Para a Leonor, a Estrela foi super amorosa e preparou-lhe uma sopa muito saborosa, e mesmo quando a Leonor choramingou que a queria passada, a Estrela tratou do assunto. Foi aí que a Leonor se rendeu completamente aos encantos da nossa anfitriã e passou a ser sua ajudante oficial, levantando e pondo a mesa em todas as refeições.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

O cheiro a açúcar queimado denunciou a sobremesa: leite creme caseiro. A Leonor foi aprender a fazer (e os adultos também). Ninguém resistiu a esta magnífica refeição, servida com muito amor e carinho, e acompanhada por um belo vinho do Douro.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Despedimo-nos da Estrela (já que ela regressou a sua casa) e ficamos a desfrutar da nossa nova casa (por alguns dias) no Douro. Depois do jantar, fomos dar um passeio pela aldeia mas não havia ninguém, só nós e os cães (o que agradou à Leonor). Regressamos a casa, aproveitando a noite calma e tranquila para conversar na sala.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

No dia seguinte, acordamos para um belo pequeno-almoço servido à hora combinada na noite anterior. A Estrela tinha-nos preparado um pequeno-almoço continental com sumo de laranja natural, pão e compotas caseirinhas (algo que adoramos) e queijos e fiambres.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Depois de nos despedirmos da Estrela, tomamos o pequeno-almoço bem relaxados (algo que o Rui não está habituado) e depois fomos até à piscina aproveitar para dar um mergulho e desfrutar do sol no Douro. Aqui o Rui já estava fã das férias em família (pela primeira vez podia desfrutar dos alojamentos já que normalmente só conhecemos os locais e utilizamos o alojamento apenas para dormir). Que banhoca maravilhosa! E a vista? Bem, essa dispensa comentários porque não há nada como uma bela imagem para nos deixar sem palavras. A água estava um pouco fria mas depois de entrar o organismo habitua-se e com o calor do Douro, é mesmo refrescante. Aproveitamos a manhã toda na piscina, já que a Estrela deixou lá ficar uma bóia e umas braçadeiras para a Leonor.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Aproveitamos para ir almoçar ao Pinhão e depois visitar a Quinta do Bonfim, bem próximo do centro da vila. A Leonor adorou as vinhas e a esplanada. A visita é muito informativa e cuidada, e a prova de vinhos também. Mas a cereja no topo do bolo foi mesmo a prova de vinhos na esplanada com vista sobre o rio e sobre a linha de comboio. Enquanto fazíamos a prova, passou o comboio histórico. Foi magnífico. A Leonor e todos os adultos vibraram com a locomotiva histórica a percorrer os carris.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Como tínhamos uma casa com cozinha, resolvemos ir ao talho do Pinhão, logo em frente à estação, comprar enchidos para fazer para o jantar. Este foi também um dos pontos altos da nossas mini férias em família. O rapaz resolveu impressionar-nos com os “sabores” durienses e ofereceu-nos a provar chouriços, mouras, alheiras, presunto e um vinho branco do Douro fresquinho. Assim vale mesmo a pena vir às compras! Compramos chouriço, alheiras, moura e pão regional. Dali fomos só comprar um vinho do Douro para acompanhar a nossa refeição que se previa ser um sucesso.

Não podíamos terminar a tarde sem experimentar a linha do Douro. O comboio histórico tinha-nos despertado a vontade de “embarcar” em mais uma aventura. Fomos até à estação e compramos bilhetes de ida e volta até ao Pocinho. Sobre carris, desfrutamos desta magnífica paisagem vinícola.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Quando chegamos ao Pinhão, regressamos à Casa de Gouvães, e em família, preparamos o jantar. Assamos chouriço no grelhador exterior, sempre tentando explicar todo o processo à curiosa Leonor. Depois assamos as alheiras e por fim, a moura. A noite foi passando e nós íamos saboreando os enchidos do Douro e o magnífico vinho eleito. A Leonor não achou grande piada aos enchidos mas ainda havia sopa por isso, ficou logo satisfeita. De sobremesa, a Estrela tinha-nos deixado um presente: um bolo de chocolate. Podíamos ter pedido mais? Acho que não.

Passamos o serão na sala de jogos, ensinando a Leonor a jogar snooker, e tentando lembrar-me de como se joga isto, algo que já não fazia há mais de 20 anos. Que noite genial, que paisagem fantástica, que casa maravilhosa, que dia fabuloso. Estes dias de férias em família estavam a superar claramente as nossas expectativas.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

No Domingo, depois do pequeno-almoço, ainda tivemos tempo para aproveitar a piscina na parte da manhã. O tempo não estava tão bom como no dia anterior mas foi óptimo poder desfrutar da vista, da piscina e do ar puro do Douro. Depois de nos despedirmos da Estrela, a quem não poderíamos estar mais agradecidos, fomos almoçar ao Pinhão. Estômagos aconchegados, era hora de fazer o Trilho de S. Cristovão do Douro, um trek entre Provesende e o Pinhão. Fomos de carro até Provesende, e depois descemos a pé, actividade que a Leonor adorou, até ao Pinhão. A Leonor conseguiu fazer o percurso todo a pé, indo entretida a aprender sobre a vinha e sobre as espécies do Douro.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

Terminamos as mini férias em família sentados numa esplanada a comer um gelado, aguardando pelo pôr-do-sol. O fim de semana deve ter sido tão bom que a Leonor adormeceu na esplanada e só acordou no dia seguinte, já em sua casa. Para os pais e tios (nós) babados, estas mini férias em família foram igualmente deslumbrantes. E, se à partida, o Douro era uma região que pouco inspiraria para passar férias em família isso mostrou-se errado. O Douro é um local magnífico para férias em família, para isso basta escolher um alojamento que permita liberdade de movimentos e facilidade para conviver. As actividades a fazer na região são muitas, com ou sem crianças, basta conhecer o que o Douro tem para oferecer, e escolher.

Fim de semana em família no Douro, na Casa de Gouvães | Portugal

PROCURE AQUI MAIS ALOJAMENTO NO DOURO

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

2 Comentários

  1. Luis Araújo diz: Responder

    Ola Carla
    Já te segui pela Namíbia e estou constantemente a ver os teus comentá
    rios e sugestões sobre viagens.
    Decidi agora ir mesmo ao Douro seguindo a risca a tua sugestão de 3 dias.
    Caso não fique satisfeito reclamarei o meu…
    Bjs
    Luís
    Conceição Guerra

    1. Carla Mota diz: Responder

      ehehehe. Fazes muito bem. Se não ficares satisfeito, envias-me as reclamações para eu apontar. 😉 Boa viagem aos dois. :)

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.