ALDEIAS DE PORTUGAL que valem a pena ser conhecidas | Portugal

ALDEIAS DE PORTUGAL que valem a pena ser conhecidas | Portugal

Procura um recanto no espaço rural para passar alguns dias descansado e relaxar, deixando para trás o ritmo alucinante das cidades. Estas são algumas das mais belas aldeias de Portugal, e que valem a pena ser conhecidas.

Conheça algumas das mais belas Aldeias de Portugal

1. DRAVE

Drave faz jus à designação de “aldeia mágica”, pois há qualquer coisa de transcendente naquele pequeno núcleo de casas perdido no meio da serra, aninhado no fundo do vale percorrido pela Ribeira de Palhais. Chegar ali implica caminhar e fazer um trilho pedestre de 4 km para cada lado. Durante o percurso, pode-se observar as marcas deixadas nas pedras por carroças que ali passaram durante muitos anos. As casas, a maioria em ruínas, algumas (poucas) em recuperação, espraiam-se diante de nós, parecendo convidar-nos a visitá-las. Vale a pena dar uma volta pela aldeia, passando pela igreja, pelo “Solar dos Martins” e admirar os restos de uma adega na cave de uma das casas. Não perca as piscinas naturais na ribeira. Aventure-se e explore esta que é uma das mais magníficas aldeias de Portugal. Veja o nosso artigo sobre Drave.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

2. PICOTE

O Douro Internacional surpreende-o a cada canto. Um desses cantos pode ser encontrado na aldeia do Picote, no magnífico Miradouro da Fraga do Puio. Neste miradouro, para além das vistas, que são deslumbrantes e que o vão fazer suster a respiração, há uma figura desenhada nas rochas. É o Arqueiro, um testemunho de que há milénios que este local tem presença humana. Procure-o no chão das rochas do miradouro. Mas o Picote tem mais do que um miradouro. A magnífica aldeia granítica de Picote é um belo local para explorar a pé. As casas estão muito bem preservadas e há até lugares para pernoitar. Aventure-se e explore esta que é um fantástico exemplo das aldeias de Portugal. Veja o nosso artigo sobre o Douro Internacional.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

3. CELEIRÓS DO DOURO

Celeirós do Douro é a aldeia ideal para encontrar a alma duriense e as famosas lagaradas do Douro. Ali há ainda quintas tradicionais (e não programas turísticos) onde se pode apreciar a tradicional vindima e pisa da uva. São as chamadas lagaradas. Vá até lá e aceite os convites que receber para ver as vindimas e as lagaradas. Não se vai arrepender. Durante a pisa da uva canta-se e dança-se, terminando a jornada com um almoço ou jantar oferecido pelo dono da quinta. Apesar de a tradição estar a cair em desuso devido à modernização do processo vinícola, e à falta de meios dos proprietários que optam por entregar as uvas a adegas cooperativas ou a quintas privadas, as lagaradas em Celeirós do Douro têm conseguido sobreviver aos sinais dos tempos. Um das mais genuínas aldeias de Portugal. Pode ver mais sobre a nossa experiência aqui

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

4. CERDEIRA

As aldeias de Xisto da serra da Lousã são um óptimo destino para uma escapadinha em Portugal. Há aldeias de Portugal lindíssimas, que um dia destes merecerão um artigo aqui, mas a aldeia da Cerdeira é provavelmente a mais fotogénica. Um refúgio de artistas e criativos, tem vindo a encontrar no turismo rural uma nova vida. É uma das mais belas aldeias de Portugal.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

5. BARCA D’ALVA

A povoação de Barca d’Alva, um lugar que pertence ao concelho de Figueira de Castelo Rodrigo não tem mais de 100 habitantes, esquecidos pelo tempo e por um país que se recusa a visitá-lo. Provavelmente um dos lugares mais inacessíveis de Portugal Continental, Barca d’Alva já foi a porta de entrada e saída do país, quando a linha do Douro fervilhava de movimento.  Hoje, Barca d’Alva tem a sua estação ferroviária abandonada e vandalizada. A linha férrea também. A povoação parece parada no tempo. Só o movimento dos barcos de cruzeiro no Douro parece trazer algum dinamismo à povoação, mas, também esse é muito limitado já que os turistas chegam nos barcos e entram em autocarros, não tendo praticamente contacto nenhum com a população ou a povoação. Barca d’Alva é uma das mais míticas aldeias de Portugal e merece uma visita. Pode aproveitar a fazer a Rota dos Túneis, a linha férrea que liga Barca d’Alva a La Fregeneda.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

6. CASTELO MELHOR

Um dos castelos mais antigos em Portugal é o castelo de Castelo Melhor, em Foz Côa, com base num castro pré-romano. Pensa-se que o castelo medieval date do século XII ou XIII e a sua posição é verdadeiramente fabulosa. O castelo sita no topo de uma colina e domina a paisagem circundante, tendo desempenhado um papel determinante na defesa das terras de Ribacôa. Na base da colina está a aldeia de Castelo Melhor, linda, que é um local fantástico para explorar as gravuras do Côa. Um das aldeias de Portugal a não perder.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

7. SETE CIDADES

A Lagoa das Sete Cidades é a imagem de marca da ilha de São Miguel. Parte azul, parte verde, a lagoa preenche a imagem que todos têm dos Açores. As melhores vistas da lagoa e da aldeia são do miradouro Vista do Rei e da Lagoa do Canário, mas vale a pena conduzir até à aldeia das Sete Cidades e explorar as suas margens. A aldeia é bastante típica, com pequenos alojamentos rurais. As vacas circulam na aldeia, servindo o leite fresco aos seus residentes. É quase uma viagem no tempo. Uma das aldeias de Portugal que não deve perder.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

8. TREBILHADOURO

Entre Vale de Cambra e a Serra da Freita, a aldeia de Trebilhadouro é uma aldeia esquecida na região centro de Portugal. Construída toda em granito, quase passa despercebida na paisagem.  É um óptimo local para descansar, e participar na vida rural do país. É também um bom local para ficar alojado já que se encontra nas encostas da Serra da Freita. Há várias hipóteses fabulosas de alojamento rural com várias casas espalhadas pela aldeia, umas maiores do que outras, e é ideal para grupos grandes ou até para duas pessoas. Como éramos só dois, ficamos alojados na Casa Matilde, uma casa rural muito boa, com cozinha, sala com lareira, quarto e casa de banho. A cozinha está totalmente equipada e há uma esplanada para tomar o pequeno-almoço. Esta é uma bela opção para se alojar na Serra da Freita, já que permite a proximidade ideal à serra e a Vale de Cambra, além de que a sua localização numa aldeia granítica preservada é um “bónus”. Aproveite para passear por esta bela aldeia de Portugal.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

9. QUINTANDONA

Localizada na freguesia de Lagares e Figueira, concelho de Penafiel, é uma aldeia típica portuguesa cujo património arquitectónico foi preservado, e cujos espaços foram requalificados. As casas de xisto, granito amarelo e ardósia fundem-se com a envolvência rural. Para além das habitações de cerca de 70 habitantes, a aldeia exibe alguns empreendimentos turísticos e um Centro Cultural, para além de um Centro Interpretativo. É um excelente acréscimo à Rota do Românico.  Opte por dormir nesta aldeia “museu” no Vale do Sousa, com alojamentos rurais lindíssimos. Um dos mais magníficos é a Casa de Valxisto. É uma das mais bonitas aldeias de Portugal e apenas a 30 minutos do Porto.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

10. SABUGUEIRO

No coração da Serra da Estrela, a aldeia do Sabugueiro, no meio dos blocos graníticos, é uma das mais belas das montanhas portuguesas. Esta bela aldeia surgiu dum aglomerado de cabanas de pastores que existia na serra e aos poucos transformou-se num povoamento permanente. Hoje é um dos locais que permite aos turistas alojar-se na Serra da Estrela, e oferece bons restaurantes, excelente queijo da serra e belíssimos cães. Aventure-se nesta e noutras aldeias de Portugal.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

11. SOAJO

No coração do Parque Nacional do Gerês situa-se a aldeia de Soajo. Localizada no meio da imensidão da paisagem granítica, distingue-se pela singularidade da sua arquitectura rural. Um belíssimo exemplo das aldeias de Portugal, especialmente no norte do país.

Aldeias de Portugal que valem a pena ser conhecidas | Portugal

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

34 Comentários

  1. Joana Vaz Magalhães diz: Responder

    Adoro o seu blog, gosto especialmente dos blogs relacionados com Portugal dá vontade de sair pelo país fora e visitar tudo.
    Com os seus textos e fotografias continua a cativar-me como nas aulas de geografia. Obrigada pela partilha do seu conhecimento e todo o sucesso do mundo.
    Beijinhos.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Muito obrigada, Joana. Fico super contente e feliz com este elogio. Ganhei o dia. 😀

  2. Bruno Cerqueira diz: Responder

    Bom dia. Só um detalhe: Soajo é vila e não aldeia!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Bruno. Não sabíamos. Boa informação.

  3. Esta lista poderia ter 50 ou 100 aldeias, tal a riqueza do nosso país. Tal como outros fizeram, também eu vou sugerir uma aldeia que me diz muito (passei muitas vezes férias lá com os meus pais) e que merece uma visita no norte do país: Castro Laboreiro. E, já agora, uma outra que conheci recentemente e foi uma bela surpresa: Minas de São Domingos. Abraço.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Podia sim. É um work in progress. 😉 Excelente sugestão.

  4. Que pais lindo com terras tão lindas!

    Muitos beijinhos
    MUAH*

    1. Carla Mota diz: Responder

      😀

  5. Artigo a guardar!!! Eu tenho família na zona da Serra da Estrela e sempre fui lá. Conheço razoavalemente essa região e um pouco do norte também. Mas a minha predileção é o Alentejo por isso nos últimos anos não tenho ido ao Douro. Tenho de ir.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Catarina, tens mesmo. 😀

  6. Fora as Sete Cidades e Quintandona, não conheço nenhuma das aldeias, o que quase me envergonha! E eu passeio bastante pelo nosso país! Já anotei, sem dúvida que tenho de conhecer estes extraordinários lugares!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Força, Ana. 😀

  7. Patricia Vieira de Brito Câmara diz: Responder

    Bem, só nos faltam duas dessa lista! Vamos tratar disso em breve 🙂 Obrigado pela partilha

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Patrícia. 😀

  8. Tenho vontade de voltar a Portugal só para visitar essas pequenas aldeias. A única coisa que me corta o coração é pensar em casas em ruínas e estações de trem abandonadas. Aliás, o trem deveria voltar nessas bandas, até para tornar essas aldeias acessíveis a quem não viaja de carro

    1. Carla Mota diz: Responder

      completamente de acordo, Renata.

  9. Não sei ainda como não conheço essa maravilha de país que é Portugal, são tantos lugares incríveis, as aldeias são particularmente encantadoras, vale a pena explorar.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Vem mesmo, Flávia. 😀

  10. Excelente seleção. Felizmente, temos TANTOS destinos tão fabulosos que se torna complicado ter de escolher 🙂

    1. Carla Mota diz: Responder

      Verdade, Rui.

  11. Ual, quanta coisa linda que tem Portugal. Adoro ver seus posts para me dar mais saudades desse país maravilhoso. Fiquei impressionada com o número 7 (7 cidades) que parece demais 🙂 Já está na minha wish list 🙂 Obrigada!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada. 😀

  12. Adoro…nosso Portugal rural. Só conheço o Soajo, a Cerdeira, e oSabugueiro. J+a tinha visto o vosso post sobre a serra da Freita e tinha ficado na retina. Temos de visitar!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Vai mesmo, Francisco. 😀

  13. Adoro viajar por Portugal através de suas postagens, estas aldeias são todas lindas, mas tenho mais curiosidade por conhecer Celeirós do Douro, deve ser um lugar lindo demais! Parabéns pela linda matéria!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada. Portugal é maravilhoso. 😀

  14. WOW. Aldeias magníficas !!! Belo post. Obrigada por compartilhar.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada. 😀

  15. Camila Neves diz: Responder

    Que amor essas aldeias! A que eu mais fiquei com vontade de conhecer foi Picote 🙂

    1. Carla Mota diz: Responder

      É lindo.

  16. Vítor diz: Responder

    Dez das centenas magníficas aldeias que temos em Portugal!!Ja agora fica uma sugestão para visitarem a magnífica aldeia de Zagalho, no concelho de Penacova que foi onde vivi parte da minha infância, tem a serra da Atalhada e o Rio Alva como “vizinhos”…vale mesmo muito a pena
    Parabéns visitem Portugal!!!!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Boa sugestão. Obrigada.

  17. Rui diz: Responder

    Bom Dia nesta publicação também poderá ser incluída a Vila de Loriga bem como algumas aldeias que compõem a rede de aldeias de Montanha do Conselho.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Boa sugestão.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.