REYKHOLT – ISLÂNDIA | Visitar os tubos de lava de Hallmundarhraun

REYKHOLT - ISLÂNDIA | Visitar os tubos de lava de Hallmundarhraun

No nosso último dia na Islândia decidimos explorar a região de Reykholt, a norte de Reykjavik e a oeste de Bogarnes. Estávamos tão perto da capital que resolvemos dormir fora da cidade e explorar melhor o coração da Islândia e só depois, regressar a Reykjavik, entregar o carro alugado e seguir para o aeroporto. Foi uma óptima decisão explorar Reykholt no último dia.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Se vai visitar a Islândia, estes são alguns artigos que lhe podem interessar

  • ROTEIRO NA ISLÂNDIA – Um artigo com o roteiro detalhado que fizemos durante 12 dias a viajar na Islândia incluindo Reykholt.
  • VIAJAR NA ISLÂNDIA – Um artigo cheio de dicas de viagem, alojamento, transporte, alugar de carro ou de alimentação para viajar na Islândia.
  • VISITAR MYVATN – Um roteiro com tudo o que precisa de saber para explorar a região de Myvatn e os seus vulcões activos. Ideal para combinar com Reykholt.
  • QUEDAS DE ÁGUA DO LESTE DA ISLÂNDIA – Um artigo com as melhores quedas de água para explorar no leste da Islândia.
  • VISITAR JAKULSARLÓN – Um artigo com tudo o que precisa de saber para visitar a lagoa gelada de Jakulsarlón e a praia cheia de icebergs. Ideal para combinar com Reykholt.
  • ESCALADA NO GELO NO VATNAJOKKUL – Um artigo cheio de dicas sobre a nossa experiência a fazer escalada no gelo no glaciar Vatnajokkul na Islândia. Ideal para combinar com Reykholt.
  • VISITAR VATNAJOKKUL – Um artigo com tudo o que precisa de saber para visitar o maior glaciar da Europa, e imperdível em qualquer viagem à Islândia. Ideal para combinar com Reykholt.
  • SUL DA ISLÂNDIA – O roteiro para explorar e visitar o sul da Islândia com dicas de tudo oque precisa de saber para ter uma boa viagem.
  • NADAR NAS PLACAS TECTÓNICAS – Neste artigo partilhamos a nossa experiência, cheia de dicas, a fazer snorkel entre as duas placas tectónicas na Islândia.
  • VISITAR REYKJAVIK – Tudo o que precisa de saber para visitar Reykjavik está neste artigo. Ideal para combinar com Reykholt.
  • VISITAR O GOLDEN CIRCLE – Um artigo com o roteiro de lugares a explorar numa viagem no Golden Circle na Islândia.
  • VISITAR OS FIORDES ORIENTAIS – Se está a pensar visitar os fiordes ocidentais da Islândia este artigo é para si, com um roteiro dos lugares mais maravilhosos a explorar na zona.
  • VER BALEIAS EM HUSAVIK – Um artigo cheio de dicas para visitar Husavik e fazer observação de baleias num dos melhores lugares do mundo. Ideal para combinar com Reykholt.
  • VISITAR KRAFLA – Um artigo sobre uma das zonas vulcânicas mais activas da Islândia e maravilhosa, cheia de dicas práticas. Ideal para combinar com Reykholt.
  • VISITAR TUBOS DE LAVA NA ISLÂNDIA – Um artigo cheio de dicas para visitar um dos maiores tubos de lava do mundo, na Islândia. Ideal para combinar com Reykholt.
  • VISITAR A PENINSULA DE SNAEFELLSNES – Um dos lugares mais belos da Islândia e um dos menos visitado. Se pretende conhecer esta área da Islândia não perca este nosso artigo cheio de maravilhas para descobrir.
  • VISITAR STYKKISHOLMUR – Um artigo sobre uma região maravilhosa da Islândia para descobrir as suas belezas naturais. Ideal para combinar com Reykholt.
  • OBSERVAR BALEIAS EM DALVIK – Um artigo sobre a nossa experiência na observação de baleias em Dalvik, no norte da Islândia. Ideal para combinar com Reykholt.
  • GRUTAS DE LAVA E GELO – Um artigo sobre a nossa experiência numa gruta de lava e gelo na Islândia.
  • VIAJAR NO ÁRCTICO – Um artigo motivacional e informativo sobre o Árctico e esta zona tão específica do mundo.

Porque visitar Reykholt

Reykholt é uma região dominada por relevos vulcânicos, mais ou menos recentes, com crateras, fumarolas, termas, quedas de água e tubos de lava. De Bogarnes, a viagem é extremamente rápida e Reykholt faz ainda parte da região de Bogarfjordur. Ali em Reykholt, é possível visitar um dos lugares de extracção de energia geotérmica que abastece Bogarnes, Reykholt e as vilas circundantes.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Visitar Deildartunguhver em Reykholt

A nossa primeira paragem em Reykholt foi em Deildartunguhver, uma área com actividade vulcânica muito intensa em Reykholt, com fumarolas e várias nascentes de água a ferver que salpicam os mais desatentos. Há inclusive a produção de tomates em estufas aquecidas com o calor do interior da Terra. E, à bom islandês, não há nenhum cobrador para receber o dinheiro. Ali em Reykholt só uma caixa com vários sacos de quilo estão pousados em frente à estufa, as pessoas recolhem os tomates e deixam o dinheiro na caixa de madeira para o pagamento. O preço está escrito a caneta sobre os tomates. Assim se vive na Islândia e em Reykholt.

Visitar as nascentes de água quente de Snorralaug em Reykholt

Seguimos para Reykholt, onde deambulamos pela localidade em busca das nascentes de água quente de Snorralaug, possivelmente a estrutura feita pelo homem mais antiga da Islândia. A muito custa lá a encontramos em Reykholt, uma pequena piscina circular mas cuja temperatura da água deixava muito a desejar. Sendo assim, abdicamos do banho em Reykholt.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Visitar as cascatas de Hraunfossa e as Barnafoss em Reykholt

Em direcção a Húsavelt, ainda paramos para ver duas quedas de água ali na região de Reykholt, as cascatas de Hraunfossa e as Barnafoss. Nenhuma tem a magnificência das quedas de Skogarfoss, Detifoss ou Gullfoss mas vale a pena espreitar se estiver em Reykholt.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia
TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Visitar os campos de lava de Hallmundarhraun em Reykholt

Uma estrada de terra batida (518) continua em direcção a Videlmir, e era para aí que nós nos dirigíamos ali em Reykholt. Os fluxos de lava de Hallmundarhraun são dos maiores da Islândia e nós não podíamos deixar de visitar esta paisagem em Reykholt. Tinha sido ela que nos tinha trazido ali a Reykholt. O nosso objectivo era ver estes longos tubos de lava e entrar dentro de um, percorrendo um pouco do seu interior só possível neste região de Reykholt.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Visitar os tubos de lava em Fljótstunga

Sabíamos que os tubos de Reykholt que estão preservados se encontravam dentro de uma propriedade privada, Fljótstunga. Contactamos os donos da quinta, uns jovens rapazes que agora gerem uma herdade nas mãos da sua família há 5 gerações, e marcamos uma visita aos tubos. Quando lá chegamos percebemos que também ali poderíamos ter dormido porque eles alugam quartos na quinta e também têm um espaço assombroso para acampar com vista sobre os fluxos de lava de Reykholt.  

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

A guia que nos levou era fantástica, muito informativa e dinâmica. No percurso sobre o fluxo de lava caminha-se sobre lavas encordoadas, paloé (típicas do Hawai), etc. É um autêntico manual de vulcanologia. A guia explica-nos constantemente aquilo que estamos a ver e como se formou aquela região de Reykholt.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Depois de caminhar cerca de 10 minutos alcança-se a entrada do tubo, uma cavidade vulcânica enorme para onde se desce a partir de uma ponte de rocha suspensa sobre o tubo. Tudo o que ruiu já o foi aconteceu há bastantes anos pelo que é bastante seguro circular no interior do tubo. Entrar no tubo de lava é mesmo como entrar no cenário do “Viagem ao centro da Terra”, do Júlio Verne, e para aqueles que leram o livro é impossível não recordar os momentos descritos pelo autor.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

E, nós lá entramos! Descemos para o interior da Terra e entramos no tubo. Estranhamente é muito fácil progredir no seu interior porque o tubo é largo e alto, e não há grandes blocos ou gelo no interior. Há sempre lava solidificada em forma de corda na parte lateral do tubo, junto ao chão, e também lava que parece quase fresca a pingar do tecto. Apesar desta lava estar solidificada há mais de 300 anos, a forma vítrea como está no tecto parece que solidificou há pouquíssimo tempo.

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

A visita dura cerca de 90 minutos e é um deleite para todos os amantes da natureza, mas uma volúpia para os geólogos e geógrafos. Apesar do percurso dentro do tubo não ser muito extenso, vê-se muita diversidade de formações lávicas ali em Reykholt. Que lugar extraordinário para terminar a nossa viagem!

TUBOS DE LAVA DE HALLMUNDARHRAUN- Uma viagem ao interior da Terra em Reykholt | Islândia

Mas, estava mesmo na hora de partir e deixar Reykholt para trás. Havia que regressar a Bogarnes e depois a Reykjavik para apanhar o avião rumo à Gronelândia. Para trás deixamos um país que embora nos tenha recebido de cara cinzenta e com chuva, nos deixou cheios de vontade de regressar. Já sentados no aeroporto de Reykjavik combinávamos o inevitável: temos que marcar o regresso! E esse regresso aconteceu em 2021!

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. É uma forma de valorizar o nosso trabalho.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

DSLR Camera free icon  Veja todo o equipamento fotográfico e gadjets que usamos no nosso perfil no site da Amazon. A lista individual do equipamento que levamos em viagem pode consultar aqui.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o AutoEurope  ou o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Se procura viagens de mergulho, encontre as melhores opções no LiveAboard.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão TRANSFERWISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartão. . Este blogue contém links de programas de afiliados.

7 Comentários

  1. Yolanda diz: Responder

    Olá. Quais as diferenças entre a Víðgelmir cave e a Loftehellir Cave? Tendo de optar por uma, qual delas? Obrigada.

    1. Yolanda diz: Responder

      Olá. Quais as diferenças entre a Víðgelmir cave e a Loftehellir Cave? Tendo de optar por uma, qual delas? Obrigada.

      1. Carla Mota diz: Responder

        Nó gostamos muito da Loftehellir Cave. Vale bem a pena.

        1. Yolanda diz: Responder

          Obrigada 🙂

  2. Josdé Mário Menres Pires diz: Responder

    Aguar do se possível informação

  3. Josdé Mário Menres Pires diz: Responder

    Na Europa é o único País que não visitei gostava de visitar.
    Qual a melhor época para fazer a visita .
    Cumprimentos José Pires

    1. Carla Mota diz: Responder

      Depende do que quiser ver. O melhor para explorar o país será de Junho a Setembro, quando os dias são grandes e as temperaturas permitem acampar e fazer diversas actividades. No entanto, o Inverno também pode ser bom porque podem-se observar auroras boreais. Em Abril e Maio também pode ser bom,mas é uma sorte, mas os preços são mais baratos. Espero ter ajudado.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.