Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

Um dos bazares mais genuínos da Rota da Seda continua a ser o de Kerman, no sudeste o Irão. É do conhecimento geral que a Rota da Seda não era um rota única mas um conjunto de caminhos que permitiam as trocas comerciais entre o ocidente e o oriente. Ora, era precisamente em Kerman, que os produtos que vinham da Índia e do Paquistão chegavam à Pérsia.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

Esta proximidade trás para o Irão uma minoria que alegra o bazar: são os baluchis, uma etnia de origem paquistanesa e afegã que sobressai nas ruas fervilhantes do bazar, quer pela sua indumentária, quer pelas longas barbas. Fazem lembrar os afegãos, também eles aqui tão perto.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

A proximidade do Paquistão faz hoje de Kerman uma das cidades com mais problemas de droga do Irão. As rotas comerciais continuam a existir mas, na actualidade, para além de especiarias e tecidos deste lado do mundo chegam também novos problemas e desafios.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

À parte destes novos problemas, o bazar de Kerman continua a ser um local excepcional para testemunhar a vida mercantil. Resolvemos explorar este belíssimo bazar em busca dos seus lugares escondidos, remotos e esquecidos. Entre ruas e ruelas encontramos madraças, mesquitas, hamans e caravançarais. A maioria está ao abandono, com sinais evidentes de degradação.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

No bazar encontramos produtos oriundos das imediações de Kerman mas muitos outros negociados ao longo da Rota da Seda. Chegam aqui os melões e melancias da Ásia Central, o arroz basmati da Índia, assim com as frutas do Turquemenistão e Uzbequistão. Dizem que as uvas vêm de Fergana, um vale no sul do Uzbequistão. Em troca, os iranianos de Kerman oferecem aos comerciantes os seus preciosos artigos em cobre e os seus belos tapetes tecidos artesanalmente e coloridos de forma natural. Os tapetes persas são um dos artigos mais cobiçados pelo oriente, a par das tâmaras que inundam o bazar nesta altura do ano.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

As tâmaras aqui produzidas comem-se frescas. As tâmaras secas são vendidas para os países árabes, especialmente para a Turquia, em que nesta altura do Ramadão são consideradas produtos básicos devido ao seu elevado valor calórico e rico em açúcar. Em Istambul, tínhamos encontrado imensas tâmaras a vender e só aqui descobrimos que a Turquia não tem palmeirais nem produção de tâmaras. Todas as tâmaras vendidas no país vêm do Irão, do Iraque ou da Síria.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão
Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

Também há chás de várias flores, alguns especialmente coloridos que comprei, mas que não consegui perceber do que são, nem de onde são provenientes.

Visitar KERMAN e perder-se no bazar da Rota da Seda | Irão

O nosso passeio por Kerman terminou com uma visita aos mausoléus e às mesquitas da cidade. Apesar da beleza destes últimos, foi o tempo em que nos decidimos perder no bazar que nos contagiou com a sua azáfama e que marcou esta nossa viagem ao longo da Rota da Seda.

Se vai viajar para o Irão, estes são alguns artigos no nosso blogue que lhe podem interessar

  • VISTO DO IRÃO – Um artigo com o passo a passo para tirar o seu visto para o Irão.
  • CÓDIGO DE VESTIMENTA NO IRÃO – Tudo o que precisa de saber para viajar no Irão em termos de roupa, quer para homem, quer para mulher.
  • VISITAR ISFAHAN – Tudo o que precisa de saber para visitar Isfahan no Irão e desfrutar da cidade da melhor maneira está neste artigo.
  • VISITAR KASHAN – Um artigo com todas as nossas dicas e experiência a visitar Kashan, no deserto do Irão.
  • VISITAR O DESERTO DO IRÃO EM KASHAN – Um artigo com a nossa experiência a visitar o deserto do Irão em Kashan.
  • VISITAR TEERÃO – Tudo o que precisa de saber para visitar Teerão, a capital do Irão.
  • VISITAR SHIRAZ – Um artigo cheio de dicas e experiências pessoais sobre a nossa passagem e visita a Shiraz, uma das cidades mais bonitas do Irão.
  • VISITAR NASQSH E ROSTAM – Tudo que precisa de saber para visitar os túmulos do império aqueménida desde Shiraz no Irão está neste artigo.
  • VISITAR PASARGADAE – Um artigo com tudo o que precisa de saber para visitar a antiga cidade de Ciro, o Grande, desde Shiraz, e onde terão nascido o que mais tarde chamamos “Direitos Humanos”.
  • VISITAR PERSÉPOLIS – Um artigo super completo sobre as maravilhosas ruínas da cidade de Persépolis, no Irão, a antiga capital Persa, desde Shiraz.
  • VISITAR YAZD – Um artigo com tudo o que precisa de saber para visitar a cidade de Yazd, maravilhosa e cheia de coisas para descobrir.
  • VISITAR OS ARREDORES DE YAZD – Tudo o que precisa de saber para visitar os locais mais importantes dos arredores de Yazd, nomeadamente Meybod, Chak Chak e Kharanaq.
  • VISITAR O DESERTO DE DASHT-E-KAVIR – Um artigo com tudo o que precisa de saber para visitar o deserto de Dasht-e-Kavir, nas imediações de Yazd, no Irão.
  • VISITAR MASHHAD – Tudo o que precisa de saber sobre visitar Mashhad, um dos lugares mais sagrados do Irão e do Islão.
  • VISITAR TABRIZ – Tudo o que precisa de saber para visitar Tabriz, uma das cidades mais importantes da Rota da Seda e por onde passou Marco Polo.
  • VISITAR KANDOVAN – Tudo o que precisa de saber para visitar a povoação de Kandovan, a Capadócia do Irão.
  • VISITAR ORMUZ – Um artigo com tudo o que precisa de saber para visitar a ilha de Ormuz, no Golfo Pérsico, está neste artigo sobre o Irão.
  • VISITAR MINAB – Tudo o que precisa de saber para visitar Minab, uma aldeia Bandari, no Golfo Pérsico, no Irão, está neste artigo.
  • VISITAR BANDAR ABBAS – Um artigo com o que precisa de saber para visitar a cidade de Bandar Abbas no Golfo Pérsico no sul do Irão.
  • VISITAR KERMAN – Tudo o que precisa de saber para visitar Kerman, no Irão, e desfrutar da cidade da Rota da Seda da melhor maneira está neste artigo.
  • VISITAR KALUTS – Um artigo com o que precisa de saber para visitar os Kaluts, os castelos de areia no deserto do Irão.
  • VISITAR RAYEN – Um artigo com o que precisa de saber para visitar Rayen, uma cidade de areia no deserto do Irão.
  • VISITAR MAHAN – Um artigo com o que precisa de saber para visitar Mahan, um mausoléu no leste do Irão.
  • VISITAR BAM – Um artigo com o que precisa de saber para visitar Bam, uma cidade de adobe no leste do Irão.
  • VISITAR ABYANEH – Tudo o que precisa de saber sobre a nossa passagem pela aldeia tradicional do Irão.
  • ROTEIRO PARA O IRÃO – Um artigo com o nosso roteiro a explorar o Irão durante cerca de duas semanas.
  • 12 IMAM XIITAS – Tudo o que precisa de saber sobre Mashhad e perceber a história dos 12 imams xiitas.
  • DORMIR NUM PALÁCIO EM ISFAHAN – A nossa experiência a dormir num palácio na cidade de Isfahan, no Irão.
  • VISTOS NA ROTA DA SEDA – Um artigo em forma de crónica e balanço da odisseia dos vistos para a nossa viagem na Rota da Seda.
  • VISITAR NO NOWRUZ – A nossa experiência em viajar no Irão durante o ano novo Persa, o Nowruz.
  • COMBOIO DE KERMAN A MASHHAD – A nossa crónica de viagem sobre a nossa experiência no comboio entre Kerman e Mashaad.
  • VIAJAR NA ROTA DA SEDA – Tudo o que precisa saber sobre a Rota da Seda, nomeadamente a sua história, países que atravessa e como fazer esta viagem.

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. É uma forma de valorizar o nosso trabalho.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide. Para tours use também o a Civitatis ou o Viator.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o AutoEurope  ou o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Se procura viagens de mergulho, encontre as melhores opções no LiveAboard.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão WISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartão Camera Icon - Free Icons  Veja todo o equipamento fotográfico e gadjets que usamos no nosso perfil no site da Amazon. A lista individual do equipamento que levamos em viagem pode consultar aqui. . Material de fotografia do Viajar entre Viagens.

Este blogue contém links de programas de afiliados.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.