Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Ainda acordámos na nossa caminha no Villa Borobudur Resort , mas mais uma vez não podíamos desfrutar daquele alojamento como ele merecia. O nosso plano era regressar a Yogyakarta, ir deixar as mochilas ao nosso novo alojamento, e sair logo de seguida para visitar Prambanan, a cerca de 20 km de Yogyakarta, os templos que são o expoente máximo da herança da predominância hindu sobre Java. O resto do dia seria dedicado a conhecer melhor Yogyakarta.

Se pretender visitar Borobudur ao nascer do sol a partir de Yogyakarta pode marcar aqui o seu tour. Esgotam rápido porque são muito populares. Se quiser pode combinar esta visita com o templo de Prambanan. Marque esse tour aqui.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Adeus a Borobudur

Depois de tomado o pequeno-almoço junto à piscina, o carro que nos levaria ao terminal de autocarros de Borobudur estava pronto às 7.30h. Sabíamos que íamos ter saudades daquele ambiente e conforto, mas a viagem é mesmo assim. Tínhamos de andar para a frente, e o nosso orçamento não se coaduna com alojamento desta qualidade todos os dias. Sabíamos até que iríamos passar do oitenta para o oito; só não sabíamos que iria ser tão rapidamente…

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Fizemos o percurso inverso que nos tinha levado a Borobudur, isto é, um autocarro de Borobudur para o terminal Jambor de Yogyakarta, e de lá um autocarro urbano em direcção à avenida Malioboro. Aí, ainda tivemos de andar a pé cerca de dez minutos para chegar ao nosso alojamento, uma “homestay”, ou seja, uma casa particular que aluga quartos. A dona e o filho foram muito simpáticos, fizemos o check-in e deixámos as mochilas no quarto. Este é muito simples, sem janelas, apenas com uma cama e um cobertor. Choque de realidade! Mas não se pode esperar muito mais quando se paga cerca de 11 euros…

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Visitar Prambanan

Saímos logo de seguida e fomos apanhar o autocarro urbano 1ª que nos leva até Prambanan. A viagem dura quase uma hora e, com o pouco que temos dormido nos últimos dias, foi o suficiente para passarmos pelas brasas durante a viagem. Quando chegámos, andámos a pé cerca de 5 minutos até ao complexo. Nas redondezas de Prambanan existem outros templos, mas nós acabámos por decidir visitar apenas o complexo principal. Hora de mais uma entrada com um preço exagerado… Desta vez desembolsámos 350.000 rupias por pessoa (cerca de 22.5 €).

Compre aqui o bilhete de entrada em Prambanan. Custa 22.5€ e não precisa de esperar na fila. Custa tanto como no local.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Um pouco da história de Prambanan

Os templos de Prambanan foram construídos por volta do século IX, quando Java era governada por uma dinastia hindu a norte e uma budista a sul. Unidas pelos laços de matrimónio, estas famílias reais deram origem construções que conjugam representações de divindades hindus e budistas, como os templos de Prambanan (embora as divindades principais no interior dos templos sejam hindus). Sismos e instabilidade política levaram ao abandono de Prambanan por volta do século XVI, e os templos permaneceram em ruínas até serem redescobertos no final do século XIX. Podem ver-se algumas fotos do estado dos templos nessa altura no “Information Center” do complexo quando visitar Prambanan.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Foram feitas vários esforços de reconstrução do complexo, especialmente dos templos principais e hoje os templos de Prambanan são Património Mundial da UNESCO e a jóia da coroa do património arqueológico hindu da Indonésia. Em 2006, o complexo sofreu danos devido a um sismo, se bem que os templos principais se mantiveram incólumes, e ao visitar Prambanan hoje ainda se podem ver alguns sinais dessa última destruição.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Estrutura dos templos de Prambanan

Para se visitar Prambanan e não se perder com a complexidade do conjunto, convém ter uma noção da sua estrutura e organização.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

1. Pátio exterior

O complexo é formado por um pátio central elevado, rodeado por 224 templos mais pequenos. Estes últimos estavam completamente destruídos quando Prambanan foi redescoberto, e apenas quatro foram reconstruídos, uma vez que muita da pedra foi roubada do local. Sendo assim, a parte exterior do complexo é composta por uma visão surreal de pedras amontoadas em mais de duas centenas de montes.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

2. Pátio central

No pátio central, encontram-se três grandes templos, os chamados templos Trimurti (a Trindade hindu), com outros três templos (mais pequenos) em frente, os chamados templos Vahana, e outros dois muito pequenos junto das entradas norte e sul do pátio.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Os templos Trimurti são dedicados aos três deuses principais do hinduísmo, a saber, Brahma, Vishnu e Shiva, que simbolizam respectivamente a criação, a conservação e a destruição. Os templos Vahana estão localizados directamente em frente dos Trimurti, e são dedicados à Vahana, ou seja, ao veículo corpóreo de cada uma das divindades principais. Todos os templos são ricamente trabalhados, quer junto ao chão, quer no patamar que rodeia a base da torre, com representações hindus, na sua maioria, mas também budistas.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

3. Templo de Shiva

O templo de Shiva é o maior e principal do complexo, com 47 m de altura. O templo tem quatro câmaras a que se acede por escadarias, e cada uma com uma estátua de uma divindade. A câmara principal, no meio do templo, tem uma estátua de Shiva, o Destruidor (sobre uma flor de lótus, símbolo budista); a norte, uma estátua de Durga, a deusa-guerreira, representada a matar um demónio-búfalo; a oeste, uma estátua de Ganesha, o deus-elefante, filho de Shiva; e a sul, uma estátua de Agastya, o deus-sábio, encarnação de Shiva. À frente do templo de Shiva, encontra-se o templo dedicado ao seu veículo, o touro Nandi. No entanto, neste templo, não existe qualquer estátua.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

4. Templo de Vishnu

O templo de Vishnu encontra-se a norte do templo de Shiva (ou à direita, para quem olha de frente para o conjunto), com 33 m de altura. O templo tem uma câmara a que se acede por uma escadaria, com uma estátua de Vishnu, o Conservador (com quatro braços). À frente do templo de Vishnu, encontra-se o templo dedicado ao seu veículo, o deus-pássaro Garuda. No entanto, neste templo, não existe qualquer estátua.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia
Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

5. Templo de Brahma

O templo de Brahma encontra-se a sul do templo de Shiva (ou à esquerda, para quem olha de frente para o conjunto), com 20 m de altura. O templo tem uma câmara a que se acede por uma escadaria, com uma estátua de Brahma, o Criador (com quatro cabeças). À frente do templo de Brahma, encontra-se o templo dedicado ao seu veículo, o deus-cisne Hamsa. No entanto, neste templo, não existe qualquer estátua.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia
Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Teatro de sombras de marionetas

Estávamos já no início da trde e, depois de visitar Prambanan, era hora de regressar a Yogykarta, pois queríamos assistir a um espectáculo de wayang kulit, o teatro de sombras de marionetas. Fomos à procura de locais onde pudéssemos assistir e optámos pelo Museu Suno Budoyo, que tem espectáculos todos os dias às oito da noite.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

O repertório é sempre diferente pois todas as noites vão sendo contadas histórias do Ramayana, o épico indiano (escrito em sânscrito) que conta a história da viagem de Rama, um príncipe em busca da sua esposa raptada, ajudado pelo rei-macaco, Hanuman.

Pode fazer uma visita guiada à cidade de Yogyakarta. Marque aqui antecipadamente.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Apesar de não ser fácil acompanhar a acção (pois é falado em indonésio), é entregue um pequeno panfleto que conta a história do episódio do Ramayana recriado nessa noite.

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia
Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

É um belo espectáculo e muito curioso, pois na sala pode assistir-se ao espectáculo de dois lados (ou ambos, alternadamente!): de um lado, vêem-se apenas as sombras das marionetas projectadas numa tela, e do outro, em que se pode admirar o conjunto dos artistas, constituído pelo manejador das marionetas (e narrador), as senhoras que cantam, e os músicos, que tocam tambores e instrumentos parecidos com xilofones.

Veja aqui os relatos da nossa viagem da Volta ao Mundo

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Regresso à nossa casinha

No final do espectáculo, regressámos à nossa casinha por aquele dia, e fomo-nos deitar. No dia seguinte, tínhamos comboio às 6h45, logo tínhamos de nos levantar cedo novamente. Mas, antes da caminha, hora de lavar os dentes e fazer xixi, certo? A casa de banho era partilhada, sendo a casa de banho usada pelas pessoas da casa. Tudo normal até aqui. Excepto que quando se puxou o autoclismo, jorrou água pelo furo da canalização e molhou o chão todo da casa de banho. E na bacia, a torneira não deitava água… Conclusão: um bocadinho de pasta dos dentes na boca e está feito! Ai que saudades do nosso quartinho de há menos de 24 h…

Dia 27 – Visitar PRAMBANAN, os maiores templos hindus da Indonésia

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

 Este blogue contém links de programas de afiliados.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.