DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Para muitos, o sul de Bali resume tudo o que é preciso saber sobre Bali, com as suas praias, templos e centros comerciais, mas Bali tem muito mais a oferecer aos visitantes. No entanto, estes nossos primeiros dias na ilha estavam destinados a explorar esta região sul de Bali.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

No dia anterior, tínhamos dito adeus a Java, e tínhamos apanhado o ferry que faz a curta ligação entre Banyuwangi, em Java, com Gilimanuk, em Bali. Dali, a viagem de autocarro até Denpasar durou cerca de cinco horas. Ou melhor, até ao novo terminal de autocarros de Denpasar, que é em Mengwi, a cerca de 15 km do centro de Denpasar. Dali, apanhámos um táxi com um velhote muito simpático, que nos levou ao nosso destino, a península de Bukit, a sul de Denpasar, e mais especificamente à pequena península de Benoa, onde se encontrava o nosso hotel.

Veja aqui os relatos da nossa viagem da Volta ao Mundo

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Em busca das praias do sul de Bali

Alugámos um carro para o dia, e resolvemos explorar a costa oeste da península de Bukit, conhecendo as praias desde Jimbaran até Ulu Watu e culminando num pôr-do-sol no templo Pura Luhur Ulu Watu, com as danças kecak.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Praia de Jimbaran

Da ponta da península de Benoa, viramos para sul até Nusa Dua, e depois a oeste, em direcção a Jimbaran, a nossa primeira paragem do dia. A sul da zona de Kuta e do aeroporto, Jimbaran é conhecida pela sua praia de areal extenso, os resorts que ocupam o extremo sul da praia e os inúmeros pequenos restaurantes mesmo em cima da praia, onde se pode comer marisco e pescado, ou então beber um sumo natural de fruta. Esta praia, no entanto, não nos impressionou.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Praia de Balangan

Dali, seguimos para a praia de Balangan, e que seria a mais bonita que veríamos nesse dia. No extremo norte da praia há um pequeno templo, Pura Dalem Balangan, e um promontório de onde se tem uma vista global e privilegiada sobre a praia. No extremo sul, as barraquinhas de bambu alinham-se com o areal e servem refeições e bebidas.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

O mar não é muito indicado para nadar, tal como em todas as praias que vimos, mas o ambiente é relaxado, intimista e muito diferente (para melhor) das praias mais badaladas de Bali. A cor da água é também a mais bonita que vimos.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Praia de Bingin

A próxima paragem foi a praia de Bingin. Esta é uma praia mais escondida, cujo acesso é feito por um caminho pedonal. As altas e escarpadas falésias engrandecem a paisagem, e tornam Bigin numa das praias de Bali com um ar mais selvagem. Dá mais trabalho lá chegar, mas compensa.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Praia de Padang Padang

A seguir, foi a vez de pararmos na praia de Padang Padang, a praia mais surreal que vimos e a de que menos gostámos. A entrada é paga (!), e desce-se por umas escadas que passam por um templo e passam pelo meio das rochas que rodeiam a praia. A descida é engraçada, mas é preciso ter cuidado com os macacos. Em baixo, é a desilusão. Uma praia pequeníssima, mas cheia de gente, sem espaço para abrir uma toalha. A visão para o mar é muito restrita, pois a praia é rodeada de rochas e torna-se claustrofóbica com tanta gente naquele pequeno espaço.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Praia de Ulu Watu

Por último, paramos na praia de Ulu Watu (ou Suluban). É uma praia principalmente destinada à prática de surf, com poucas condições para nadar. No entanto, as vistas do topo das falésias é espectacular. Ali, sentámo-nos num pequeno café e tomámos uma bebida a olhar para o mar infinito e os muitos surfistas na água. Mais acima, há empreendimentos maiores que também permitem vistas fabulosas. Logo ao lado, um pequeno estabelecimento tem um bar e uma piscina infinita com vista sobre o mar. Teria sido óptimo acabar aí a tarde, mas queríamos assistir ás danças tradicionais no templo Ulu Watu, por isso tivemos de resistir à tentação.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Templo de Ulu Watu

A última paragem do dia foi o templo Pura Luhur Ulu Watu. A localização do templo é espectacular, mesmo no topo de uma falésia, na ponta sudoeste da península de Bukit. Pode visitar-se apenas o templo, tendo cuidado com os macacos, mas a verdadeira atracção são as danças que ocorrem todos os dias ao final do dia, num auditório a céu aberto.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

As danças kecak são originalmente danças feitas em transe com o objectivo de estabelecer contacto com o espírito dos antepassados. A partir do século XX, começaram a ser usadas para dar vida às histórias do Ramayana, tal como o teatro de marionetas. O recinto enche rapidamente, muito antes do começo do espectáculo, mas parece haver sempre espaço para mais umas pessoas, nem que seja sentadas no chão do palco.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI
DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

A dança é acompanhada pelo coro de dezenas de homens que cantam de uma forma hipnótica, dando ritmo às aventuras de Rama e de Hanuman, o rei-macaco. É um espectáculo a não perder. Dali seguimos para o nosso hotel, onde chegámos já de noite. O dia seguinte seria dedicado a conhecer outra parte da região sul de Bali, Kuta e arredores.

DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI
DIA 43 – Explorando a península de Bukit, no SUL DE BALI

Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

 Este blogue contém links de programas de afiliados.

4 Comentários

  1. Lusa B. Pinto diz: Responder

    Vi o vídeo e adorei esta dança. Obrigada pela partilha.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Lusa.

  2. Rui Feranandes diz: Responder

    Jimbaran- de dia nunca cheguei a ir mas à noite os restaurante colocam mesas no areal iluminadas com velas e servem peixe e marisco. É um jantar com um ambiente muito agradável

    1. Carla Mota diz: Responder

      Acredito que sim.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.