Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Bikaner, já no extremo norte do Rajastão, recebe poucos turistas. Visitar Bikaner pode ser portanto um excelente opção.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

A vida na cidade tem um ritmo lento, dentro daquilo que se pode considerar lento na Índia, e uma mística muito própria. Os autoriquexós dividem as estradas, asfaltadas e de terra batida, com as carroças puxadas por camelos. Os pneus de avião servem para para fazer os pneus das carroças, já que os camelos têm pernas bastante altas. É assim a vida numa cidade do deserto do Thar, no Rajastão, bem longe das multidões de turistas, nacionais e estrangeiros, que viajam na Índia.

Veja aqui os lugares obrigatórios para visitar no Rajastão

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia


Bikaner, a cidade velha

A cidade de Bikaner é um belo local para se passar algum tempo, especialmente a parte dentro das muralhas. Há vários templos que merecem uma visita atenta, com os templos hindus (onde não pode usar a máquina fotográfica) ou os templos jainistas (cujo dono é de uma simpatia contagiante e com quem se pode ter uma bela conversa). Mas há muito mais.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Há ruas estreitas na cidade velha, onde as casas ainda são belas havelis tradicionais. Bikaner merece que se perca nas suas ruas e bazares e que conheça a sua população.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Se tiver muito tempo para visitar Bikaner, vá até ao rio, onde ainda existem ghats crematórios tradicionais.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Dicas para visitar

  • Explore a cidade a pé. Vai-se surpreender. Bikaner é uma cidade fabulosa.
  • Não perca a parte das muralhas, muito bem preservadas.
  • Chegar a Bikaner é simples porque há vários autocarros e comboios.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia


Forte de Junagarh

O forte de Junagarh, em Bikaner, é um dos melhores e mais bem preservados na Índia e no Rajastão. O forte é verdadeiramente impressionante, quer em tamanho (é enorme), quer em glamour. O forte data do século XVI quando a cidade era um dos reinos principais da Índia. Dentro do forte, que mais parece um palácio, há vários pavilhões e templos.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

O Anup Mahal, a sala de audiências do marajá, o Karan Mahal, a sala de audiências públicas, o Chandra Mahal, o palácio da Lua, o Phool Mahal, o palácio das Flores, o Badal Mahal, o Palácio das Nuvens, o Hawa Mahal, o Palácio dos Ventos, o Lal Niwas, ala decorada e mais antiga do forte, e o Durbar Niwas, o Palácio da Coroação, são imperdíveis. Este é o local mais importante a explorar quando visitar Bikaner.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Dicas para visitar

  • O forte está aberto todos os dias, excepto à sexta-feira.
  • O bilhete de entrada custa 200 rupias/pessoa.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia


Centro de Investigação de Camelos

Um dos lugares mais distintos de Bikaner é o Centro de Investigação de Camelos. Não é uma reserva ou um local para turistas mas pode ser visitado. Ali um grupo de investigadores leva a cabo várias experiências com camelos, testando a sua capacidade de carga, resistência física e consumo de água no deserto.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

O centro tem um ritmo muito próprio com vários locais onde estão os camelos machos, outro para as fêmeas, outro para as camelas grávidas, outro para as crias, etc. À hora das refeições e de amamentação, o centro ganha outro dinamismo. Há um museu e uma pequena loja. Pode deambular pelo recinto à descoberta e por isso é um lugar muito interessante quando visitar Bikaner. Existem cerca de 400 camelos no centro.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Dicas para visitar

  • A melhor altura para visitar o Centro de Investigação de Camelos é à hora da refeição dos camelos, quando eles se passeiam pelo recinto (às 15h e às 18h).
  • É possível dar passeios de camelo no centro. Nós não o fizemos, mas pode fazê-lo. Os camelos transportam coisas bem piores. São animais de carga e não são utilizados apenas para fins turísticos.
  • O centro fica a 8km de Bikaner e só está aberto da parte da tarde, das 14h às 18h.
  • O bilhete de entrada custa 200 rupias/pessoa.
  • Um riquexó de Bikaner, ida e volta, para o centro custou-nos 200 rupias.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia


Templo dos Ratos

Se visitar Bikaner, não perca o Templo dos Ratos, a cerca de 35 km da cidade. Pode ver como lá chegar e aprender mais sobre este templo neste artigo.

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia


Onde se alojar quando visitar Bikaner?

Em Bikaner ficámos alojados duas noites num hotel tradicional e muito porreiro – Hotel Jaswant Bhawan (basta abrir o link para marcar no booking). É, muito provavelmente, o melhor local para viajantes independentes ficarem na cidade. O dono organiza viagens ao deserto, de um ou vários dias. Para além disso, é um alojamento local e a família prepara-lhe refeições caseiras para o jantar (basta avisar com antecedência). Os quartos são básicos mas limpos e confortáveis. A localização é excelente, fica bem próximo da Estação de Comboio (200 metros) e a cerca de 10 minutos a pé do forte da cidade. Se procura alojamento de luxo, o The Lallgarh Palace – A Heritage Hotel,  o Vesta Bikaner Palace, o The Laxmi Niwas Palace são excelentes opções e não são assim tão caros. Vantagens de visitar Bikaner!

Visitar Bikaner, terra de camelos, templos e deserto | Índia

Conheça aqui os melhores hotéis para dormir no Rajastão

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

      Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

 Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Alugue carro usando o Rent a Car, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar. Tudo na comodidade de sua casa.

      Faça seguro de viagem na World Nomads ao menor preço do mercado.

     Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

3 Comentários

  1. Teresa Rebelo diz: Responder

    A India é dos países que mais gostei de conhecer (3x), a India do belo e a India do menos belo . Ali tudo cresce e morre como nasceu. No meio de tanta multidão ainda é silencioso o mundo da mulher . Boa viagem !!

  2. Teresa Rebelo diz: Responder

    A India é dos países que mais gostei de conhecer (3x), a India do belo e a India do menos belo . Ali tudo cresce e morre como como nasceu. No meu de tanta multidão ainda é silencioso o mundo da mulher . Boa viagem !!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Que belas palavras, Teresa.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.