Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Bhopal é o resultado urbano da Rota das Especiarias na Índia. Percorrer as ruas do bazar muçulmano é como viajar no tempo e ter sido tele-transportado para os tempos áureos da Rota das Especiarias e da Rota da Seda.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Quando se viaja para a Índia é fácil perceber que as especiarias fazem parte da vida das populações já que as utilizam (abundantemente) para cozinhar, para fazer medicamentos e até para aromatizar casas ou bebidas. Assim sendo, a Rota das Especiarias, que em tempos levaram as especiarias em direcção ao Médio Oriente ou à Europa, através da Rota da Seda, floresceu e deu origem ao crescimento de vários entrepostos comerciais, onde cresceram cidades com grandes mercados e baseadas na actividade comercial.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

A maioria das especiarias transaccionadas na Rota das Especiarias eram produzidas no sul da Índia, especialmente no estado de Querala, daí que Vasco da Gama tenha assentado na região, nomeadamente em Cochim, para fazer as transacções comerciais com Portugal.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Mas ainda antes de Vasco da Gama chegar à Índia, as especiarias já viajavam pelo interior do país, em direcção ao Paquistão e ao Afeganistão, e até em direcção à China, através da estrada magnífica de Caracórum.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Estas trocas comerciais fizeram aparecer várias cidades na Índia, uma delas Bhopal, normalmente com um bairro muçulmano, onde se desenvolveu um bazar. Muitas das cidades perderam o carácter mercantil depois das rotas terrestres definharem, mas Bhopal não.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

A cidade de Bhopal tem um bairro muçulmano incrivelmente preservado, com mesquitas, paredes meias com templos hindus, que parecem casar com as mil e uma lojas de especiarias e frutos exóticos.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Vende-se de tudo no bazar, tâmaras do Irão e Iraque, especiarias de Querala e até do Afeganistão e China, farinhas, bolachas e batatas da Ásia Central, chás e efusões da China e de toda a Índia. Caril, gengibre, açafrão, canela e cravinho são os réis do bazar.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Não é necessário passar muito tempo na cidade de Bhopal para se apaixonar por ela, até porque ela tem poucos locais verdadeiramente impressionantes para se conhecer. Mas vale, definitivamente, a pena parar ali e sentir o pulso da cidade e do seu bazar ao fim da tarde e à noite. Foi isso que nos fizemos durante a nossa viagem pela Índia e assim nos apaixonámos por Bhopal.

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Dica

  • Nós alojamo-nos no Hotel Ardash Palace, em Bhopal, bem no coração do bazar da cidade. Foi uma óptima escolha. Um hotel limpo e muito bem localizado no caos do bazar, mas ao mesmo tempo um hotel tranquilo e sossegado.

PROCURE AQUI ALOJAMENTO EM BHOPAL

Bhopal e as memórias da Rota das Especiarias | Índia

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida, culminando num doutoramento nos Andes, investigando ambientes glaciares. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

Deixe uma resposta