CIRCO DE CILAOS – O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

O Circo de Cilaos é uma das caldeiras vulcânicas da ilha da Reunião, que se formaram ao longo de milhões de anos de processos de acção tectónica e erosiva, em torno do grande vulcão de Piton des Neiges, e é o mais popular dos três circos (Salazie, Mafate e Cilaos) que dominam o interior montanhoso da ilha. Explorar o Circo de Cilaos é uma das actividades a não perder quando visitar a ilha da Reunião, um destino privilegiado para os amantes de Natureza, de montanha, e de vulcões. Visitar o Circo de Cilaos é uma das coisas obrigatórias a fazer na Ilha da Reunião.

Os chamados três “circos”, Mafate, Salazie e o Circo de Cilaos, anfiteatros naturais com uma altura e verticalidade imponentes, dominam o interior da ilha da Reunião, e fazem dela um verdadeiro tesouro da humanidade, algo reflectido na sua classificação como património mundial da UNESCO.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

O Circo de Cilaos fica localizado a sul do Piton des Neiges (sendo a principal via de acesso ao ponto mais alto da ilha da Reunião) e é o circo mais popular da ilha, sendo aquele que é mais visitado a partir da costa oeste. A principal localidade do Circo de Cilaos é a vila homónima, existindo outras aldeias que também merecem uma visita, como Bras Sec, Île-à-Cordes e (mais afastada de Cilaos) Palmiste Rouge. Cilaos é uma vila grande, com todas as infraestruturas para os seus habitantes e visitantes, enquanto que Bras Sec e Île-à-Cordes são pequeníssimas aldeias. Não tivemos tempo de visitar Palmiste Rouge, mas está separada da parte do Circo de Cilaos onde se encontram as outras localidades por uma cadeia montanhosa que a estrada atravessa num túnel.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

DICAS PRÁTICAS PARA EXPLORAR O CIRCO DE CILAOS


Para poder desfrutar da sua viagem à ilha da Reunião e ao Circo de Cilaos, deve ter em conta alguns pormenores antes de viajar e planear a sua visita antecipadamente ao Circo de Cilaos, nomeadamente como chegar à ilha da Reunião, como se deslocar para explorar o Circo de Cilaos e onde dormir. Deixamos então aqui algumas dicas práticas para visitar o Circo de Cilaos na ilha da Reunião.

Consulte também o nosso artigo com todas as informações sobre viajar na ilha da Reunião.

GUIA DE VIAGEM PARA A ILHA DA REUNIÃO

Guia de Viagem da Ilha da Reunião
Guia de Viagem da Ilha da Reunião

Se procura um guia em pdf, prático e sintético, sobre viajar na Ilha da Reunião e no Circo de Cilaos este é o melhor que vai encontrar em português para levar consigo na sua viagem à ilha da Reunião. A ilha Reunião é um território maravilhoso para viajantes que procuram trilhos e natureza e vai encontrar neste guia todas as dicas que necessita para aproveitar o melhor da ilha. Um guia de viagem com a qualidade do Viajar entre Viagens. Estas páginas vão dar-lhe condições para viajar na ilha da Reunião e no Circo de Cilaos de forma independente, em segurança.

PODE COMPRAR O NOSSO GUIA DE VIAGEM DA ILHA DA REUNIÃO AQUI

1. Como chegar à ilha da Reunião e ao Circo de Cilaos

A ilha da Reunião fica a cerca de 900 km a leste da ilha de Madagáscar e, para além de ligações de navios de mercadorias ou barcos privados, a única forma de chegar é voar. A capital da ilha da Reunião, Saint Denis, é servida pelo aeroporto internacional Roland Garros. É a porta de entrada para o Circo de Cilaos.

Reserve aqui o seu voo para a ilha da Reunião.

Reserve aqui o seu transfer privado do aeroporto da Reunião para o seu hotel.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

2. Como deslocar-se na ilha da Reunião e chegar ao Circo de Cilaos

A melhor forma de explorar a ilha da Reunião e aproveitar melhor o seu tempo de férias é alugar carro. O Circo de Cilaos é acedido a partir da cidade de Saint Louis, na costa, pela estrada RN5.

Reserve aqui o seu carro para explorar a ilha da Reunião e o Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

3. Onde dormir no Circo de Cilaos

Nós ficámos alojados em duas localidades no Circo de Cilaos, na localidade homónima e Bras Sec. Cilaos é a principal localidade do Circo de Cilaos, com uma localização central, e Bras Sec é uma pequena aldeia encostada ao lado leste do Circo de Cilaos.

3.1. Onde dormir em Cilaos

Em Cilaos, ficámos alojados no Gite Ti Case Lontan, uma opção de preço muito acessível, bem no centro de Cilaos, com quartos muito simples (e casa de banho partilhada), mas com um espaço comum muito agradável, aquecido por uma lareira.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Excelentes opções de alojamento em Cilaos são a Résidence Eglantine, os alojamentos clássicos Tsilaosa Hôtel, La Belle Créole e Les Jardins Créoles, ou ainda La Villa Kazuera & SPA.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

3.2. Onde dormir em Bras Sec no Circo de Cilaos

Em Bras Sec, ficámos alojados no Chambres d’hôtes DORIS, uma excelente opção, uma bela casa com uma vista fenomenal sobre o Circo de Cilaos, com espaço de estacionamento, quartos muito confortáveis (bom banho) e ainda pequeno-almoço incluído no preço.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Outras boas opções de alojamento em Bras Sec, no Circo de Cilaos, são a La caz’ à Chisy e o Les Lierrres.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Finalmente, se preferir uma sensação real de isolamento, experimente ficar em Ilet à Cordes, uma aldeia encostada ao lado oeste do Circo de Cilaos, no TAPACALA INSOLITE.

4. Seguro de viagem para visitar a ilha da Reunião

A IATI tem um seguro que é ideal para viajar para a ilha da Reunião e o Circo de Cilaos. Todos os seguros da IATI cobrem tratamento por contágio por coronavírus e essa informação consta no certificado da apólice, já que alguns países pedem um seguro obrigatório com esta cobertura. Porém, se fizer o seguro do pack de seguro de viagem + seguro de cancelamento opcional, este cobre o cancelamento da viagem caso o segurado, seus pais ou filhos testem positivo para COVID-19 antes de ir para a ilha da Reunião. E além disso, o seguro IATI Cancelamento também tem esta causa coberta. A IATI tem um seguro que é especial para viagens na Europa e ideal para visitar a ilha da Reunião. Este novo seguro cobre actividades como cicloturismo, trilhos, roadtrips, autocaravana, campers, etc. Sendo assim, o seguro IATI é, claramente, o melhor seguro do mercado neste momento para viajar para a ilha da Reunião e o Circo de Cilaos.

Faça aqui o seu seguro IATI aqui com 5% de desconto.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

O QUE VER E FAZER QUANDO VISITAR O CIRCO DE CILAOS


Embora haja pessoas que visitam o Circo de Cilaos num só dia vindos da costa da ilha da Reunião, isso é um grande erro, pois não permite ter tempo para apreciar o local. O Circo de Cilaos merece uma visita de pelo menos 3 dias, para poder explorar convenientemente as suas principais atracções. Deixamos aqui então as nossas sugestões sobre o que ver e fazer quando visitar o Circo de Cilaos.

Se tiver mesmo pouco tempo, pode optar por uma excursão organizada de um dia ao Circo de Cilaos a partir da costa oeste, em Saint Leu.

Reserve aqui a sua excursão organizada ao Circo de Cilaos a partir de Saint Leu.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

1. Percorrer a estrada RN5 até ao Circo de Cilaos

Percorrer a estrada RN5 é a primeira grande aventura que irá ter quando visitar o Circo de Cilaos. Uma estrada de trajecto espectacular, cheia de curvas (dizem que mais de 400, nós não contámos!), pontos de visibilidade nula, passagens de um só sentido e túneis escavados na rocha. A tudo isto acresce uma paisagem fabulosa, mas para a poder apreciar há que ir parando nos lugares apropriados, pois a condução exige toda a atenção!

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

2. Visitar a vila de Cilaos

Cilaos é a principal localidade e “capital” do Circo de Cilaos, e é a maior povoação dos três circos da ilha da Reunião. Apesar de ser acedida por uma estrada de montanha que não é fácil, Cilaos é uma localidade bastante turística, sendo que muitos dos visitantes só o são por um dia (principalmente aos fins de semana). No entanto, Cilaos mantém um ambiente rural e descontraído, sem grandes estabelecimentos comerciais ou hotéis, e com alguns pontos de interesse. Quer esteja no Circo de Cilaos por um dia ou mais, passear na vila de Cilaos é uma actividade a não perder.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Não deixe de dar um passeio à volta da Lagoa de Mar de Juncos, um belo lago no centro da cidade, experimentar as Termas de Cilaos (Cilaos foi fundada no século XIX como estância termal) e saborear a comida crioula num restaurante local, nomeadamente as lentilhas, um produto tradicional no Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

3. Percorrer a estrada D242 no Circo de Cilaos

A estrada D242 liga a vila de Cilaos à aldeia de Île-à-Cordes e, por incrível que pareça, é ainda mais radical do que a RN5! Logo à saída da vila de Cilaos tem um troço a descer com curvas e contracurvas onde não passam dois carros, sendo necessário parar para deixar passar. Muita atenção mas também muita adrenalina!

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

4. Ver a cascata Fleur Jeune no Circo de Cilaos

Na estrada D242, uma das atracções é a imponente cascata Fleur Jeune, com uma queda de altura impressionante no Circo de Cilaos. Arranje um lugar adequado para parar o carro e deslumbre-se com esta cascata do Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

5. Ver a cascata Bras Rouge no Circo de Cilaos

Outra das atracções na estrada D242 é a cascata Bras Rouge, mas esta só tem água em quantidades apreciáveis na época das chuvas. No entanto, vale a pena uma paragem na viagem para Île-à-Cordes.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

6. Visitar a aldeia de Îlet-à-Cordes no Circo de Cilaos

Île-à-Cordes fica no extremo oeste do Circo de Cilaos, meia pendurada na vertente. Vale a pena fazer uma visita a esta zona do Circo de Cilaos, nem que curta, para ter uma ideia do isolamento daquela população e sentir um pouco do ambiente ainda rural dos lugares mais recônditos da ilha da Reunião.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

7. Admirar as vistas de La Roche Merveilleuse no Circo de Cilaos

Muito perto da vila de Cilaos, acessível de carro (mas também a pé), fica a Roche Merveilleuse, uma rocha que a tradição local atribui poderes miraculosos no que toca à fertilidade feminina, mas que também constitui um miradouro com vistas privilegiadas do Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

8. Fazer o trilho do Piton des Neiges a partir do Circo de Cilaos

Para aqueles mais orientados para as actividades de montanha, fazer o trilho de subida ao Piton des Neiges é uma actividade obrigatória no Circo de Cilaos. Para os verdadeiros adeptos do fitness ou da caminhada forte em montanha (ou loucos!), a subida e descida ao Piton des Neiges pode ser feita num só dia (10 horas de caminhada no mínimo!) a partir do Circo de Cilaos, mas os comuns mortais fazem em dois dias, com pernoita no Gite de la Caverne Dufour.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

8.1. Subir até ao Gite de la Caverne Dufour

A subida ao Piton des Neiges a partir do Circo de Cilaos pode começar na vila de Cilaos ou então num local um pouco mais acima na estrada que liga a Bras Sec, chamado Le Bloc. Pode ir até lá no autocarro 63. O trilho começa então uma longa subida de 1200 m de desnível vertical pelas vertentes acima. O trilho começa numa zona bastante florestada e demora cerca de uma hora até se chegar a um miradouro de onde se têm vistas privilegiadas sobre o Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

A subida continua, sempre sem descanso, de forma que a vegetação começa a mudar com o aumento da altitude. Chega-se então a um abrigo de montanha com um ponto de água, onde se pode refrescar e comer alguma coisa. Nós iniciámos o trilho em Le Bloc, no Circo de Cilaos, às 9.30h, com céu limpo, mas gradualmente o céu foi ficando nublado e por volta do meio dia entrámos na zona que estava envolta por nuvens. Durante cerca de 1 hora de subida não conseguimos ver nada da paisagem no Circo de Cilaos, nem para cima nem para baixo.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Finalmente, e após quase 4 horas de subida, chegámos à borda da falésia que delimitava o Circo de Cilaos e saímos da zona encoberta pelas nuvens, ficando acima destas e temos um panorama de vista de avião perante nós!

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Além disso, do outro lado tivemos uma visão que, apesar de não tão espectacular, encheu-nos de alegria. O Gite de la Caverne Dufour estava mesmo ali, a poucos minutos de distância! Chegados ao refúgio, descansámos um pouco ao sol, e esperámos que o refúgio abrisse, às 15.00h, para podermos pôr as nossas mochilas no interior. Depois de aproveitarmos os últimos raios de sol no exterior, recolhemos ao interior para preparamos o nosso jantar (o refúgio serve jantar mas nós levámos massas instantâneas).

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Pouco depois das oito da noite estava na altura de recolher à cama do dormitório pois o dia seguinte iria começar muito cedo e ser um dia em cheio no Circo de Cilaos!

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

8.2. Subir ao cume do Piton des Neiges, ponto mais alto da ilha da Reunião

O dia começou bem cedo, pois levantámo-nos ainda não eram 4 da manhã. Depois de feitas as mochilas e comido um breve pequeno-almoço, estava na hora de partir ao ataque ao cume do Piton des neiges. Saímos do refúgio eram 4.45h da manhã e ainda era noite cerrada. A subida está bem sinalizada e de declive mais ou menos constante, mas o piso é muito incerto com muitas pedras que rolam.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

O céu começou a clarear e a iluminar o nosso caminho com tons alaranjados. O nascer do sol apanhou-nos na parte final da subida e parámos para o apreciar devidamente. O manto de nuvens tapava a zona mais baixa de Plaine des Cafres, mas esperávamos que os circos estivessem sem nuvens. E assim foi! Quando chegámos ao topo do Piton des Neiges, por volta das 6.45h, a vista era espectacular, embora o sol ainda não iluminasse o Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Estávamos a 3070 m de altitude, no ponto mais alto da ilha da Reunião. Aproveitámos para tomar um segundo pequeno-almoço ali mesmo com vista sobre o Circo de Cilaos. Eu até carreguei leite e bolo de banana para poder desfrutar ali mesmo!

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Depois de retemperadas forças, iniciámos a descida mas passámos pela Antena SN 3052, um ponto alto perto do cume de onde se tem (e só daí) vistas sobre o Circo de Salazie e parte do Circo de Mafate, sendo que a vista é parcialmente encoberta pelo Gros Morne, muito perto do Piton des Neiges. Não se deve perder este local, pois o cume do Piton des Neiges não permite estas vistas.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

8.3. Descer para o refúgio e para o Circo de Cilaos

Iniciámos então a descida cuidadosa para o refúgio, aproveitando a primeira luz da manhã para apreciar também a paisagem. Chegámos ao refúgio às 9.15h, trocámos de roupa (no topo estava bastante frio), descansámos um pouco e saímos eram 9.45h, iniciando a longa descida para Le Bloc. No colo do Circo de Cilaos, desta vez, o céu estava limpo e tínhamos uma visão vertiginosa do Circo de Cilaos e do que tínhamos que descer nessa manhã. Impressionante!

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

A descida foi constante, com algum cuidado pois o terreno estava escorregadio em partes e incerto noutras. Almoçámos no abrigo de montanha, e chegámos a Le Bloc às 12.15h, falhando o horário do autocarro 63 por pouco. Como o autocarro para Cilaos só passaria passada quase hora e meia, decidimos fazer o trajecvto por estrada até à vila de Cilaos, acrescentando quase uma hora de caminhada e mais 200 m de desnível vertical, se bem que quase tudo em descida.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Chegámos a Cilaos por volta das 13.00h, e nessa manhã já tínhamos feito 580 m de desnível de subida e 1900 m de desnível de descida! Foi uma actividade super exigente, mas imensamente recompensadora e foi um privilégio poder desfrutar daquela imponente paisagem do Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

9. Visitar a aldeia de Bras Sec no Circo de Cilaos

A aldeia de Bras Sec fica a poucos quilómetros da vila de Cilaos, para o lado leste do Circo de Cilaos, acessível pela estrada D241. Tem um mini-mercado, um café e alguns alojamentos. Nós ficámos lá alojados numa noite para poder experimentar um ambiente ainda mais sossegado no Circo de Cilaos, e de onde se têm vistas fabulosas para o Piton des Neiges, o Col du Taibit e a vila de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

10. Contemplar a aldeia de Palmiste Rouge no Circo de Cilaos

Quando subir ou descer por estrada de, ou para, o Circo de Cilaos, se tiver tempo, aproveite para fazer uma visita à aldeia de Palmiste Rouge ou, se não tiver tempo, admire a aldeia e o seu isolamento a partir de um miradouro da estrada.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

11. Subir ao Col du Taibit e contemplar o Circo de Cilaos e de Mafate

Nós não tivemos tempo de o fazer, mas um dos principais pontos de acesso ao Circo de Mafate é através do Col du Taibit, acedido a pé pelo Circo de Cilaos. É uma caminhada dura, por isso é pouco tentadora se for o caso de ser só para subir e descer, embora as vistas do Circo de Cilaos e de Mafate devam valer o esforço. É também uma alternativa para um trilho diferente para entrar no Circo de Mafate a partir do Circo de Cilaos.

CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Se for viajar para a ilha da Reunião estes são os nossos artigos que não pode perder

  • VIAJAR NA ILHA REUNIÃO – Tudo o que precisa de saber para viajar na ilha Reunião está neste artigo. Um artigo em forma de Guia de Viagem, cheio de dicas extraordinárias. Como chegar, como se deslocar, como criar um roteiro, o que ver e fazer em cada um dos locais da ilha, onde dormir, a melhor altura do ano para viajar, etc. Ideal para preparar a visita ao Circo de Cilaos.
  • GUIA DE VIAGEM DA ILHA REUNIÃO – Um guia de viagem super completo, em português, sobre a Ilha da Reunião, com informação prática e específica para quem pretende visitar a ilha e aproveitar tudo o que de melhor ela tem para oferecer. Ideal para preparar a visita ao Circo de Cilaos.
  • VISITAR O CIRCO DE SALAZIE – Um artigo com todas as dicas e tudo o que precisa de saber para visitar o Circo de Salazie na ilha da Reunião. Excelente para combinar com o Circo de Cilaos.
  • VISITAR O CIRCO DE MAFATE – Um artigo com todas as dicas e tudo o que precisa de saber para visitar o Circo de Mafate na ilha da Reunião. Excelente para combinar com o Circo de Cilaos.
  • VISITAR O CIRCO DE CILAOS – Um artigo com todas as dicas e tudo o que precisa de saber para visitar o Circo de Cilaos e o Piton des Nieges, na ilha da Reunião.
  • VISITAR O PITON DE LA FOURNAISE – Um artigo com todas as dicas e tudo o que precisa de saber para visitar o Piton de la Fournaise, na ilha da Reunião. Excelente para combinar com o Circo de Cilaos.
  • SAINT GILLES LES BAINS E AS PRAIAS DA REUNIÃO – Um artigo com todas as dicas e tudo o que precisa de saber para visitar o Saint Gilles des Bains e as melhores praias na ilha da Reunião. Excelente para combinar com o Circo de Cilaos.
CIRCO DE CILAOS - O que visitar, ver e fazer na ilha da Reunião

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus


SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Bem-vindos ao Viajar entre Viagens! Junte-se a esta comunidade e subscreva a nossa newsletter mensal. Uma vez por mês irá receber um email com todas as novidades do blogue e das redes sociais, tais como novos artigos, viagens, projectos e vídeos no youtube.

Irá receber um email com um link para confirmar a sua subscrição.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. É uma forma de valorizar o nosso trabalho.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Local Tourism Svg Png Icon Free Download (#343998 ...  Marque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide. Para tours use também o a Civitatis ou o Viator.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o AutoEurope  ou o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Se procura viagens de mergulho, encontre as melhores opções no LiveAboard.

Resultado de imagem para dinheiro icon Usamos o cartão WISE para levantar dinheiro em viagem sem taxas. Se usar este link, poderá pedir o seu cartãoCamera Icon - Free Icons  Veja todo o equipamento fotográfico e gadjets que usamos no nosso perfil no site da Amazon. A lista individual do equipamento que levamos em viagem pode consultar aqui..Material de fotografia do Viajar entre Viagens.

Este blogue contém links de programas de afiliados.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.