VISITAR CUENCA com muita emoção e detidos pela policia equatoriana | Equador

VISITAR CUENCA com muita emoção e detidos pela policia equatoriana | Equador
Hoje chegamos a Cuenca por volta das três da tarde e dirigimo-nos ao nosso hostel – El Cafecito. Ficámos muito bem alojados mas resolvemos sair (às vezes dá-nos para estas coisas). Fomos dar uma volta para conhecer a cidade. Visitámos a parte central com os seus edifícios coloniais e depois resolvemos ir conhecer a beira rio. Nunca chegamos a este local!
VISITAR CUENCA com muita emoção e detidos pela policia equatoriana | Equador
Pelo caminho fomos interceptados pela polícia que nos pediu a documentação. Inicialmente resistimos, já que no guia da Lonely Planet faz referência a polícias falsos que abundam no Equador. A polícia exigiu-nos os passaportes. Como só tínhamos cópias, obrigou-nos a ir de carro de patrulha até ao posto de imigração. Eu recusei-me a entrar no carro (tipo pick-up), já o polícia não se identificou e estava vestido de negro e com luvas. Era uma carrinha civil. Disse-lhes que iria acompanhada por eles, a pé, até ao hotel e que lhes mostrava tudo. Não aceitaram e obrigaram-nos a entrar dentro do carro. O Rui lá me convenceu a fazê.lo. Fomos na parte traseira da pick up já que não queríamos ir dentro do veículo. Podíamos nunca mais ser vistos e, pelo sim pelo não, sempre poderíamos saltar e tentar fugir.
Era suposto irmos ao hotel mas o carro da polícia seguiu sem parar, mesmo tendo sido isso o acordado. Estava convencida que eram mesmo polícias falsos. O carro começou a sair do centro da cidade. Quando lhes perguntamos para onde íamos o polícia (à paisana e de luvas negras nas mãos) diz-nos que vamos ao controle de imigração. Se já estava preocupada fiquei em estado de choque! A situação agravou-se quando entramos numa favela nos arredores da cidade.
À medida que nos afastávamos do centro de Cuenca ia ficando cada vez mais nervosa e vi as coisas muito mal paradas. Quando chegamos ao posto de imigração, os agentes (que afinal eram verdadeiros) colocaram-nos numa sala semelhante a um cela e regressaram passado algum tempo. Confirmaram que tínhamos entrado hoje no Equador e que estávamos legais. Pediram-nos desculpa e justificaram a actuação com a “nossa resistência”. Não ganhei para o susto! A polícia levou-nos de volta ao centro e nós ainda tivemos algum sangue frio para visitar o Museu do Chapéu do Panamá. Depois lá voltamos para o hotel em Cuenca. Hoje já tívemos a nossa conta. Vamos ficar tranquilos no hotel e recuperar do susto!

Marque aqui as suas tours e passeios em Cuenca e no Equador

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

 Este blogue contém links de programas de afiliados.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.