C U B A 🇨🇺 7º dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Noite cerrada. Está completamente escuro quando acordamos. São 4h30 da manhã em Havana. Ninguém gosta de se levantar a esta horas e ainda por cima em “férias”! Mas nós não estamos em férias, para nós isto são viagens. Viemos para conhecer Cuba e não para descansar. Vamos para Ciego de Ávila.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Saímos de Havana num táxi a caminho do terminal de transportes da Via Azul, a companhia de autocarros nacional cubana que faz viagens de longo curso e que nos levará até Ciego de Ávila, no centro do país.  O nosso destino: Cayo Coco.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

O terminal de autocarros de Havana é longe da parte velha da cidade e um táxi nocturno para lá chegar quase nos dá cabe do orçamento. O nosso autocarro parte às 6h da manhã mas há que chegar 30 minutos antes para fazer o check in das bagagens, tal como num aeroporto, receber o ticket de embarque e partir. Antes de sair de Havana troco rapidamente umas palavras com uma jovem portuguesa com um bebé ao colo. Casou com um cubano e veio visitar a família do marido, estão a chegar de Guantanamo. Infelizmente não houve tempo para mais do que meia dúzia de palavras. Entramos no autocarro. O nosso destino Ciego de Ávila, a 7 horas de viagem.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Vestimos os casacos de penas (o ar condicionado faz parecer que estamos na Patagónia), encostamo-nos aos bancos, fechámos os olhos e embalámos pelas estradas de Cuba dormindo profundamente. Um par de horas depois acordávamos com os raios de sol a entrarem pela janela. Tudo laranja lá fora, uma neblina sobre os campos agrícolas, as pessoas a percorrer a pé a estrada. Um país começava a desfilar pela janela do autocarro.

Faça aqui o seu seguro para Cuba com 5% de desconto

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Tínhamos lido que a maioria das pessoas que viaja nesta companhia, especialmente criada para estrangeiros, eram na maioria turistas, no entanto, ali a maioria eram cubanos, que faziam viagem para Santiago de Cuba, no sul do país. Antes de chegar a Ciego de Ávila parámos num paladar, um pequeno restaurante privado, onde comemos comida tradicional cubana. Como tínhamos moeda nacional, que trocamos em Havana, pagamos o almoço em CUP e não em CUC (moeda criada para os turistas). O almoço para os dois ficara em 4€.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Pouco passava do almoço quando chegamos a Ciego de Ávila, uma pequena povoação, onde ninguém pararia não fosse o facto de ser a paragem de autocarro mais próxima de Cayo Coco. Decidimos conhecê-la, ainda que rapidamente e de mochila às costas.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Ciego de Ávila tem fama de ter as fachadas mais belas dos edifícios coloniais de Cuba. E os mais belos estão na Parque Martí, para onde nos dirigimos. Passeamos um bocado, sem que o sol desse um ar da sua graça. Estávamos até a ficar desiludidos já que depois da nossa experiência relâmpago em Cayo Largo, só nos faltava apanhar mau tempo nos cayos a norte de Cuba.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Partimos em direcção a Cayo Coco, num táxi, cruzando as inúmeras plantações de cana de açúcar da região. O sol lá ia aparecendo, muito esporadicamente e envergonhado. Atravessamos o pedraplen, uma passagem que liga a ilha principal os cayos Coco, Guilherme e Romano. Modesto, o jovem motorista que conduzia o Lada de 1970, explica-nos que se tivessemos vindo antes do furacão que assolou os cayos no inverno passado veríamos a Baía dos Perros cheia de flamingos.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

– Agora os flamingos fugiram. – Conta-nos desolado. – Não sei para onde foram, mas sei que desde Novembro que já não estão cá. Nunca vi as águas da baía tão despidas.

Nós também estávamos desolados. Os flamingos eram uma das imagens de marca  destes cayos. Modesto não é muito conversador mas responde-nos com alguma inocência às perguntas que lhe fazemos. Somos ávidos de informação, especialmente política e social e aproveitámos todas as oportunidades para, de forma não invasiva, aprender e perceber melhor o que acontece em Cuba.

Uma hora depois de sairmos de Ciego de Ávila chegávamos ao Pullman Cayo Coco. Ali ficaríamos 3 dias. Não queríamos cometer o mesmo erro de cayo Largo. E assim foi. O resort recebeu-nos com um bar voltado para o mar azul turquesa, cheio de gente e muito animado.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Em Cayo Coco e Cayo Guilhermo não é possível usar casas particulares, ao contrário de Varadero, daí que quem visite os ilhéus terá que se alojar num resort. Foi isso que fizemos. Estes cayos, juntamente com Cayo Romano fazem parte de uma língua de areia com 22 km de praia de areia branca e terrenos parcialmente pantanosos. Infelizmente os cubanos não podem aceder a Cayo Coco e a Cayo Guilherme (algo que não percebemos exactamente porquê) e por isso as ilhas têm pouco carisma e poderiam ser em qualquer parte do mundo. No entanto, não era, estávamos em Cuba e a simpatia cubana e o ritmo da música e da dança estavam presentes em todos os pontos do nosso resort.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Aproveitámos a tarde para desfrutar da maravilhosa praia em frente ao resort, a praia da Punta de Cayo Coco. O sol apareceu e brindou-nos com uma bela tarde.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Mergulhámos muito, nadámos, rimos e descansámos. Assim é a vida nos cayos.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Depois da praia, há que aproveitar as bebidas do resort TI e das piscinas, pelo que desfrutámos, como se não houvesse amanhã (neste caso ia haver).

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

O nosso quarto é maravilhoso, um bungalow em frente à piscina e de onde se vê o mar. Mas o que mais me encantou foi a janela que dava da casa de banho para o quarto. Magnífico.

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciégo de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Ao jantar, uma deliciosa refeição no restaurante El Gourmet, a melhor que fizemos em Cuba. Terra e mar, lagosta e carne de vaca, um misto delicioso e incomparável. Ao nosso lado, um jovem cubano tocava piano. Podia ser em qualquer lugar do mundo, verdade. Mas ali soube mesmo muito bem.

 C U B A 🇨🇺 Sétimo dia – Ciego de Ávila e Cayo Coco | Crónicas de uma viagem a Cuba

Veja aqui o resto das crónicas da nossa viagem a Cuba

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

Resultado de imagem para dinheiro icon Use o cartão REVOLUT para levantar dinheiro em viagem. Se usar este link, não terá custo com o envio do cartão, poupando assim 5,99€.   Este blogue contém links de programas de afiliados.

6 Comentários

  1. Ana Cavadas diz: Responder

    Olá Carla :))estive a ver o vosso blogue e é espetacular, pena não vos ter encontrado antes, mas vou passar a consultar-vos, grandes viagens, excelente organização e dicas 👌, Continuação de boas viagens e sucesso!
    Ana Cavadas РA̤ores

    1. Carla Mota diz: Responder

      Muito obrigada, Ana. 😀

  2. Luiz diz: Responder

    Estou acompanhando seus relatos de viagem à Cuba, muito bons! Grande ajuda!
    Me tira uma dúvida. Estarei em Trinidad e irei para Ciego de Ávila de Viazul. Entretanto, estou preocupado com os preços de táxi/transfer para Cayo Guillermo.
    Quais são as opções? Quanto vocês pagaram?
    Está difícil encontrar esta informação, porque a maioria das pessoas que chegam a estes cayos vão de avião.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Temos essa informação no artigo com dicas sobre Cuba. Espreite, tem lá tudo.

  3. Muito interessante, obrigado!

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada 😀

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.