Visitar GAOCHANG – Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Gaochang era uma cidade fortaleza nos tempos áureos da Rota da Seda, fundada no século I d.C., que chegou, inclusive a ser capital Uigur. Era, talvez, a maior cidade na orla do deserto de Taklamakan e situa-se a poucos quilómetros de Turpan. Mas, como tantas cidades, com o declínio desta rota comercial, Gaochang foi sendo abandonada, primeiro pelos comerciantes e, depois pelos moradores. A falta de prosperidade económica levou à ruína da cidade e o deserto rapidamente invadiu aquilo que as populações deixaram. Durante anos, Gaochang permaneceu esquecida e perdida no seio do deserto.

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Mas no século XVIII e XIX inúmeros arqueólogos e “caça tesouros” invadiram a província de Xinjiang em busca de ruínas das cidades lendárias do deserto de Taklamakan.  Consta que existem dezenas de cidades perdidas no deserto mas as duas maiores encontradas até hoje são Gaochang e Jiaohe (as duas que visitamos nesta viagem).

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Gaochang tem uma muralha que chega a atingir 12 metros de espessura e que continua visível. Apesar das ruínas da cidade estarem muito degradadas (o tempo não perdoa, é verdade), visitar este local é como viajar no tempo. O percurso no seu interior é de 3 km mas vale bem a pena ser percorrido (ou a pé ou de carroça), já que os turistas são escassos, o calor é abrasador e as areias do deserto estão logo ali ao lado. Um cenário digno da Rota da Seda.

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Gaochang tem alguns locais que merecem um olhar bastante atento. É nesta zona da Ásia que se começa a ver de forma mais evidente a mistura religiosa. Há ruínas de uma igreja cristã, mosteiros budistas e locais de culto islâmicos.

A Rota da Seda foi uma “estrada” privilegiada para a circulação das ideias religiosas e foi ela que levou o Budismo até à China. Gaochang teve aqui um papel determinante.

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Mas, as ruínas não terminam nas evidências religiosas e nas muralhas. Para quem tiver tempo e vontade (para superar o calor) há um palácio, um pagode, e várias estruturas comerciais construídos em adobe e prontos para serem explorados. E nós, decidimos enfrentar o calor.

Visitar GAOCHANG - Em busca das cidades perdidas do deserto na Rota da Seda | China

Rui Pinto

Físico de formação mas interessado em todos os aspectos da cultura e história da humanidade. As viagens são o meio privilegiado para um aprofundamento do conhecimento do mundo, das suas gentes e do nosso papel na vida.

More Posts - Facebook - Google Plus

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

 Este blogue contém links de programas de afiliados.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.