ILHA DO MAIO, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

A Ilha do Maio é uma das ilhas mais periféricas e recônditas de Cabo Verde. Esquecida pelo tempo, pelos cabo-verdianos e também pelos turistas, a ilha do Maio ficou isolada no Atlântico, permanecendo um reduto de beleza, autenticidade e cultura cabo-verdiana. Tudo isso com algumas das praias mais belas de Cabo Verde como pano de fundo.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde


☀️ QUANDO IR 

Cabo Verde é o destino perfeito de viagem. Com uma variação média anual da temperatura muito baixa, a ilha do Maio é um excelente destino de viagem todos os meses do ano. Os europeus preferem visitá-la no Inverno, quando faz frio na Europa e em Cabo Verde estão mais de 25ºC. Mas se quiser fazer praia todo o ano, saiba que na ilha do Maio vai sempre encontrar bom tempo. Chuva? A probabilidade de apanhar chuva nesta ilha é muito reduzida. Este é um dos lugares mais áridos de Cabo Verde.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Veja aqui como tirar o visto para Cabo Verde


✈️ COMO IR PARA A ILHA DO MAIO 

Chegar à ilha do Maio pode não parecer fácil mas vale definitivamente a pena. Para chegar ali é preciso voar para a cidade da Praia, na ilha de Santiago, a capital de Cabo Verde. Há voos da TAP e da TACV desde Lisboa e de outros aeroportos europeus e africanos. Depois há que apanhar um outro voo, provavelmente o mais curto que já apanhou na vida. São só 8 minutos até à ilha do Maio! Não adormeça e perca a magnífica aterragem na ilha, com uma visão soberba das praias de um e do outro lado do avião. Infelizmente ainda não há voos diários para a ilha do Maio. Geralmente existem apenas três vezes por semana, mas consulte o site da Binter, a operadora aérea responsável pelos voos inter-ilhas em Cabo Verde, para saber os horários e os dias de voo. Um aluguer do aeroporto até Porto Inglês custa 250 escudos por pessoa.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Veja aqui o nosso artigo sobre a cidade da Praia, na ilha de Santiago.


🚢 BARCOS PARA A ILHA DO MAIO 

Também é possível chegar à ilha do Maio, desde a Praia, de barco. A agência Polar tem barcos, geralmente três vezes por semana. Descobrir o horário dos barcos é uma aventura, já que muda com alguma frequência, mas talvez por isso o paraíso se mantenha tão autêntico! Para saber a que dias saem os barcos da Praia para a Ilha do Maio e vice-versa, o melhor é contactar a agência por telefone ou email. O telefone 232 56 41 / 85 75 / 232 31 75 ou 9946246 (Maio) ou 2673107 (Praia). Não dá para comprar bilhetes online nem com muita antecedência. Geralmente só vendem no máximo uma semana antes. Os bilhetes podem ser comprados numa casinha na cidade da Praia, na ilha de Santiago, ou numa casa no centro de Porto Inglês, na ilha do Maio. Até encontrar o local de venda dos bilhetes é uma aventura. Pergunte à população local. Como estes locais também vão mudando, o melhor é apanhar um táxi e pedir ao motorista para o levar à bilheteira da Polar, a agência de barcos para o Maio. Pode também entrar em contacto com a agência através da sua página do facebook. Este é o link.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde


🏨 ALOJAR-SE NA ILHA DO MAIO

Felizmente não há muitas opções de alojamento na ilha do Maio. Pode parecer um contra-senso mas não é. O facto da ilha do Maio não ter muitos alojamentos tem preservado a ilha e as suas praias, assim como a sua cultura tradicional e mantendo a ilha um pedaço do paraíso. Não há resorts na ilha, mas há algumas guesthouses maravilhosas, acolhedoras e tradicionais. Por isso, marque com antecedência e desfrute do paraíso, isolado das multidões, deitado numa praia da areia cheia de búzios e contemplando o pôr-do-sol com os pescadores.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Nós ficamos alojados na bela guesthouse Big Game (pode marcar com este link no booking). É um excelente local, gerido por uma família italiana, mas que emprega muitos habitantes da ilha do Maio, contribuindo assim para a economia familiar da população local. Os quartos são arejados, com varanda e vista para o mar, ainda que a cerca de 200 metros da praia. A guesthouse situa-se na avenida principal da povoação mas não se precisa de preocupar com o trânsito… não há!

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Outra opção de alojamento maravilhosa, mas apenas com um quarto disponível, é o Centrum 7 Sois 7 Luas. Fica mesmo em frente ao mar e à praia e é difícil arranjar um lugar com melhor vista e mais bem localizado na ilha. Para reservar este quarto deve entrar em contacto com a Suzy (representante do Festival SSSL na ilha do Maio) através do número: 00238.995.0601. Pode usar o Viber, uma aplicação do tipo whatsApp muito utilizada em Cabo Verde.

Se não arranjar vagas nestas guesthouses pode tentar outros alojamentos:

Kaza Tropikal – Por trás do Big Game, no centro da vila, e com óptimas vistas sobre a costa da ilha e a praia.

Apart Hotel Halcyone – Localizado no centro da vila de Porto Inglês, é uma óptima opção para se alojar na ilha do Maio.

Casa Évora – Se procura uma casa para se alojar bem no centro, perto da igreja e na praça principal, não vá mais longe. Fique na Casa Évora.

AH Maio – Outra opção, simples mas limpa, é a AH Maio. Localizado em Porto Inglês.

Bichi Rocha – É uma casa para alugar, em Porto Inglês, a 200 metros da praia. É uma bela opção de alojamento quando viaja em família.

Residência Inês – Uma residência tradicional na ilha do Maio. É um dos alojamentos mais antigos da ilha.

Se procura um pouco mais de glamour, a cerca de 1 km de Porto Inglês está a praia de Ponta Preta. Aí os alojamentos são mais ao estilo “villas”, um pouco mais turísticos. As melhores opções de alojamento são:

Stella Maris Villa – Em frente ao mar, com uma bela piscina infinita, vai fazer as suas delícias. Uma óptima opção de alojamento.

Stella Maris Villa – Tem o mesmo nome da anterior mas é outra das casas. Mais colorida e arejada, é outra excelente opção a caminho da Ponta Preta.

Maio Vancaze – Mais uma casa particular, com piscina e óptima localização.

Se as casas anteriores estiverem ocupadas pode optar também pelas casas: Bungalow Marietta, Villa Hiziki ou Vila Sol, todas em Ponta Preta.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde


COMO SE DESLOCAR NA ILHA DO MAIO

A ilha do Maio é suficiente pequena para explorar de bicicleta mas para isso tem que ter tempo. Se este for o seu caso, esta é mesmo a melhor opção. Em Porto Inglês é possível alugar bicicletas. Caso contrário, se tiver o tempo mais contado, a melhor opção é alugar carro ou uma moto 4. Podem ser também alugados em Porto Inglês. Para alugar estes meios de transporte vá até ao Big Game e peça informações sobre os preços. O aluguer de uma moto 4 para um dia, em Setembro de 2018, custava 4500 escudos.

Outra opção para conhecer a ilha em pouco tempo é alugar um carro com motorista para dar a volta à ilha. O preço é mais caro, fica por 6000 escudos.

Se tiver tempo na ilha, o mais económico é apanhar um aluguer (pequenas carrinhas que fazem o transporte dentro da ilha) que se deslocam para as diferentes povoações. Depois para as praias há que caminhar um bocadinho, geralmente cerca de 30 minutos. O preço do aluguer depende do destino mas ronda os 100 – 200 escudos por trajecto.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Veja aqui as dicas para viajar nas ilhas de Cabo Verde


🍴 ONDE COMER NA ILHA 

O melhor local para comer na ilha do Maio é no Centrum 7 Sois 7 Luas, mesmo em frente ao mar. A maioria dos dias está aberto, ao almoço e ao jantar, mas se não estiver pode contactar a cozinheira Su do Restaurante Sete Sóis através do tlm 00238.959.4542. Se quiser pode usar o viber para o contacto. A Su pode preparar-lhe pratos tipicamente cabo-verdianos e típicos da ilha do Maio. Para além da excelente comida da Su, pode ainda combinar com ela fazer um pequeno workshop de comida criola. Experimentei e gostei. É uma excelente actividade para um final de tarde.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Outro dos locais onde comemos na ilha foi no restaurante do Big Game. A comida era óptima. O carpacio de atum e peixe do dia era delicioso! O bife de atum grelhado também estava divinal. Não perca uma refeição ali. Os jantares e fins de tarde são muito concorridos e a esplanada está frequentemente cheia. Tem bom ambiente.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde


💃 O QUE FAZER NA ILHA DO MAIO

1. Ver um concerto da Banda 7 Sois 7 Luas

O ponto alto dos seus jantares no Centrum 7 Sois 7 Luas é se conseguir acompanhar a refeição por um concerto da banda 7 Sois 7 Luas. Geralmente há concertos de música da banda às sextas-feiras (de 15 em 15 dias), mas a melhor parte é que, se quiser, pode reservar uma actuação musical. Para tal, basta entrar em contacto com a Suzy (representante do Festival SSSL na ilha do Maio) através do número 00238.995.0601 e ela tratará de falar com os músicos para reservar a actuação musical.  O custo é de acerca 100 euros pelo espectáculo que conta com uma actuação de seis músicos (Tó, Nuno, Toti, Litus, Salif e Mauro) e promete mornas, funaná e coladeira.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

2. Ver os barcos de pesca saírem do mar carregados de peixe

A praia principal de Porto Inglês está, frequentemente, cheia de barcos de pescadores. Os pescadores vão ao mar em botes de madeira pequenos e, quando chegam à praia, os populares ajudam a puxar o barco e a descarregar o peixe. As mulheres, peixeiras, aproximam-se e negoceiam o preço das capturas do dia.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

É uma excelente forma de conviver com a população local e de aproveitar para testemunhar o modo de vida tradicional da ilha do Maio.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

3. Ver as tartarugas a desovar nas praias da ilha

Entre Junho e Setembro é possível ver as tartarugas a desovar nas praias da ilha do Maio. Os meses melhores para o fazer é Julho e Agosto, quando a maioria das tartarugas saem do mar para encontrar um local para colocar os seus ovos. Estima-se que existam 3000 fêmeas que desovam ali. A melhor forma de ver as tartarugas é dirigir-se à Fundação Maio Diversidade e marcar com um guia para que este vá consigo tentar ver as tartarugas. É importante ir com um guia ou um biólogo porque as praias da ilha do Maio são reservas da biosfera e habitats protegidos para as tartarugas. A sua presença em locais de desova das tartarugas pode pôr em causa a preservação da espécie e do seu habitat. Faça turismo responsável. A fundação fica na praça principal de Porto Inglês, junto à igreja de Nossa Senhora da Luz. No dia em que fomos, infelizmente, não conseguimos ver nenhuma tartaruga mas é mesmo assim. São animais selvagens e o sucesso ou insucesso dos avistamentos faz parte da experiência. No entanto, foi uma noite bem passada, com céu estrelado e maravilhoso, onde aprendi imenso sobre as tartarugas. Vi, no entanto, o rasto de várias que deviam ter saído antes de lá chegarmos.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

4. Visitar as povoações da ilha

As pequenas povoações da ilha de Maio são magníficas. Coloridas, cheias de carisma e de vida, alojam poucos habitantes mas parecem saídas de um cenário de filme. As pessoas são muito simpáticas e, embora a maioria só fale crioulo, têm uma palavra amiga sempre a dizer e convidam-nos para entrar. A povoação de Porto Inglês pode ser um bom local para começar, especialmente na avenida principal, junto ao mar, mas depois perca-se também nas ruas e ruelas estreitas em torno da praça da Igreja de Nossa Senhora da Luz.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

De seguida não perca a magnífica povoação do Barreiro, colorida e tranquila, ou da Calheta, onde pode comer comida crioula típica bem de frente ao mar. A povoação de Morrinho é também uma excelente paragem para depois se dirigir para as dunas. Se procura povoações coloridas não perca Pedro Vaz. Uma das aldeias mais bonitas da ilha do Maio é a aldeia da Ribeira de São João, onde poderá provar o delicioso queijo da ilha na queijaria da D. Rosalina.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

5. Visitar as Salinas de Porto Inglês

Na parte norte da povoação de Porto Inglês estão localizadas as salinas da ilha. Importantes na ilha mas também nas ilhas mais próximas é dali que sai parte do sal vendido na Praia e na ilha de Santiago. As salinas são geridas por uma cooperativa de mulheres, um projecto de financiado pela União Europeia, e que tem empoderado as mulheres da ilha do Maio. Os montes de sal sucedem-se no exterior do recinto, mas no interior dos pavilhões as mulheres peneiram o sal, limpam-no e trituram-no, preparando-o para embalar e, depois de carregado em camiões, fazê-lo chegar à cidade da Praia.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Fazer sair o sal da ilha do Maio não é fácil. Esse é o principal problema da ilha. O barco é errático e pouco fiável e isso torna a vida destas mulheres muito difícil. No entanto, contra tudo e contra todos, estas mulheres travam uma luta gigante pela preservação do seu modo de vida e do seu ganha pão. Hoje recebem turistas, tentando criar ali um projecto de desenvolvimento turístico semelhante ao que foi feito na ilha do Sal. Vale a pena visitar e testemunhar esta luta.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

6. Apoiar uma escola da ilha

Na ilha do Maio há muito pouco material escolar. Ainda que as famílias tivessem algum poder de compra, que na generalidade não têm, não há muitos sítios para comprar material escolar para as crianças. Sendo assim, se for à ilha do Maio pode tentar ajudar uma das escolas da ilha. As que precisam mais são as das povoações mais pequenas, onde os recursos são mais escassos e as populações mais pobres.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Tive a felicidade de me juntar à equipa dos 7 Sois 7 Luas para distribuir material escolar que tinha sido enviado desde Portugal pela Universidade Sénior de Castro Verde. Visitei várias escolas da ilha e ajudei a distribuir material e roupa, mas também sorrisos e alegria. Foi um momento maravilhoso que me permitiu aproximar das crianças pequenas.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

As visitas foram muito rápidas mas, se tiver tempo, aproveite para desfrutar da companhia de professores e alunos e enriquecer os seus dias. Se não quiser entregar o material mas quiser ajudar, pode levar material e entregar no Centrum 7 Sois 7 Luas que este depois tratará de fazer chegar a uma escola. Agora lembre-se, não leve para os outros aquilo que também não quer para si. Ajudar é isso. Contribua para o turismo sustentável.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde


🏖️ AS MELHORES PRAIAS DA ILHA DO MAIO 

Há muita coisa para fazer na ilha do Maio mas se vai para lá deve gostar de praia. Dito isto, é importante também saber que as praias que ali vai encontrar são desertas, sem infraestruturas, cafés, esplanadas, restaurantes ou hotéis. Sendo assim, se quiser aproveitar um bocadinho deste paraíso marque já a sua viagem!

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

1. Praiona

Esta foi a minha praia preferida na ilha do Maio. Limpa, cheia de búzios na areia, com águas azuis transparentes e areia branca de coral. É o local ideal para passar um dia de praia, alternando os mergulhos no mar com a leitura de um bom livro, longe de tudo e de todos. Com sorte não verá ninguém nas horas que vai passar ali.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

2. Praia de Porto Inglês

A praia de Porto Inglês, cheia de barcos de pesca e jovens pescadores e peixeiras, foi onde dei o meu primeiro e último mergulho na ilha do Maio. Talvez por isso tenha ficado com um lugar especial no meu coração. Lembro-me do momento em que entrei na água. Pensei “isto sim, é água de praia, nem quente, nem fria, perfeita”. Boiei, olhei para o céu e agradeci estar ali, naquele momento, naquele contexto e sozinha. Foi fabuloso. No entanto, estar sozinho ali é por poucos minutos. Os olhares curiosos dos jovens rapazes e raparigas dão lugar a pequenas conversas que depois se transformam em pequenas amizades, já que dos 8000 habitantes da ilha do Maio a maioria vive ali. A praia e a água é tão fabulosa que antes do voo corri para um mergulho e fiz o check in no aeroporto toda molhada e cheia de areia. 😀

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

3. Praia de Ponta Preta

A praia de Ponta Preta fica a pouco mais de um quilómetro de Porto Inglês e por isso é uma bela praia para se ir a pé. A praia tem belas piscinas naturais, maravilhosas para relaxar, especialmente quando está maré baixa.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

No entanto, tem também uma magnífica praia de areia branca, com um areal bastante extenso, o que faz desta praia uma das mais procuradas na ilha. Porém desengane-se, mesmo que encontre companhia na praia, nunca encontrá multidões.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

4. Praia da Ribeira de São João

Depois de passar a povoação da Ribeira de São João há uma estrada de terra batida que leva até a um promontório rochoso de onde se pode descer para a praia da Ribeira de São João. Desse promontório pode-se optar por duas praias distintas.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Do lado direito, está a verdadeira praia da Ribeira de São João, onde desagua a ribeira. Há alguns barcos de pesca e areia mista, branca e negra. Do lado esquerdo, está uma praia mais pequena mas igualmente maravilhosa, com águas azuis cristalinas e que convidam a um mergulho.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

5. Praia da Calheta

Logo em frente à povoação da Calheta está uma bela praia, que se enche de miúdos pequenos, ao final do dia, que correm de suas casas para dar um mergulho no mar. A praia não é grande, nem tem areias brancas, mas tem vida e alma e é um excelente local para aproveitar uma tarde na ilha do Maio. Não perca a comida da D. Elda, em frente ao mar. Fale com ela quando chegar à praia (procure os guarda-sóis vermelhos) e depois vá almoçar um bom peixinho.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

6. Praia do Barreiro

Só fui à praia do Barreiro à noite para ver as tartarugas no último dia, mas se tivesse tido tempo, tinha voltado durante o dia. A praia pareceu-me linda e deve valer bem a pena.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

7. Praia das Dunas

Bem perto de Morrinho fica a praia das Dunas. Para lá chegar há que caminhar cerca de meia hora depois da povoação mas vale a pena. É como atravessar uma parte de dunas do deserto para chegar à praia. E mais uma vez, ela estará deserta apenas para receber quem ousa visitá-la. Mais um recanto de sonho na ilha do Maio.

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde


DICAS IMPORTANTES PARA A ILHA DO MAIO

  • Marque o seu alojamento atempadamente
  • Marque o voo interno o mais cedo possível
  • Se desejar ir de barco, trate dos bilhetes logo que chegue à Praia

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Sendo assim, na ilha do Maio, não pode perder mesmo:

  • ver um concerto da banda 7 Sois 7 Luas em frente ao mar
  • ver o pôr do sol em Porto Inglês
  • mergulhar na praiona, a praia cheia de búzios
  • ver a desova das tartarugas
  • experimentar a comida crioula da Su, no restaurante 7 Sois 7 luas
  • conviver com os pescadores em Porto Inglês
  • mergulhar na praia da Ribeira de São João
  • comer queijo na queijaria da D. Rosalina
  • comer carpaccio de atum no Big Game
  • dar um mergulho nas águas da praia de Ponta Preta
  • conhecer as aldeias pitorescas da ilha
  • distribuir sorrisos e material escolar às crianças da escola
  • deitar-se nas areias desertas das praias da ilha e não fazer nada
  • caminhar nas dunas da parte norte da ilha

Ilha do Maio, o paraíso incrível numa ilha cheia de praias desertas | Cabo Verde

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

      Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

 Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Alugue carro usando o Rent a Car, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar. Tudo na comodidade de sua casa.

      Faça seguro de viagem na World Nomads ao menor preço do mercado.

     Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

10 Comentários

  1. Fernanda Matos diz: Responder

    Adorei o artigo! Nasci em S. Vicente (mas vivo em Portugal há mais de 50 anos) e em 2016 embarquei num navio de cruzeiros (só com alemães – Hamburgo – porque me oferecia a possibilidade de “pôr o pé” (o tempo era sempre muito limitado)em várias ilhas que não conhecia.
    Maio tinha uma importância especial para mim, (há uma história interessante relacionada com o meu pai que eu queria confirmar) mas, infelizmente, nem o barco podia atracar nem as lanchas do barco foram autorizadas. Foi uma grande desilusão. Ver a ilha, as praias, as casas, e ficar presa num navio cheio de alemães, foi um balde de água fria.
    Mas vou voltar, tenho a certeza. Essa “terra sabe”, que é Cabo Verde, tem três ilhas que me faltam conhecer. Boavista (aconteceu o mesmo) e Brava que não estava no programa.
    Obrigada pela descrição e pelo carinho que as suas palavras revelam. Fernanda ❤

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Fernanda. Cabo Verde “sabe” e é tão bom! Bela pátria. <3

  2. Olá!
    Sabem quanto tempo dura a viagem de barco entre Santiago e a ilha de Maio? Obrigada :)

    1. Carla Mota diz: Responder

      Demora cerca de 3 horas.

  3. Vânia Neves diz: Responder

    Olá Carla, devo dizer que adoro o vosso blog/página de Fb :) Obrigada por partilharem connosco! Já tinha lido o vosso post acerca de Cabo Verde (CV) em que a Ilha do Maio estava “omissa”. Estamos a planear uma viagem para o ano e confesso que o meu primeiro plano era Cuba, conhecer Havana e ficar depois de papo para o ar. Mas.. CV parece ser tão culturalmente interessante! Se só pudéssemos ver duas ilhas tinha pensado no Sal e Maio pelas descrições no blog, o Sal por voarmos para lá e ter a capital e o Maio por me parecer ser calma e segura. Tens outra sugestão de combinação de duas ilhas? Obrigada :)

    1. Carla Mota diz: Responder

      Vânia, Cuba é uma excelente opção. Faz parte do nosso top 5 de países preferidos no mundo! Cabo Verde também é genial e culturalmente muito distinto. O Sal foi das ilhas que gostei menos em Cabo Verde. Se puder, fuja e vá logo para o Maio. Outra opção excelente para combinar é a Ilha do Fogo, já que pode voar para a Praia. Imagino que assim à primeira vista pode parecer estranho mas se confiar, acredite que vai mesmo ADORAR!

  4. Excelente. Adorava ter estado aí convosco mas infelizmente não deu para ficar. Pelo que aqui vejo a ilha promete! Beijinhos.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Fizeste falta, Filipe. Fartamo-nos de falar de ti. Tinhas adorado ter nadado connosco. No último dia no Maio eu e a Paulina até fugimos para dar um último mergulho antes de apanhar o avião. Foi mágico!

  5. Fernanda Calçada diz: Responder

    Excelente artigo, não falta informação… tudo bem explicado e cheio de dicas. Gostei de ler. Obrigada

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada, Fernanda. 😀

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.