Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Quando chegamos à ilha de São Vicente, vindos de um voo da Praia com escala na ilha do Sal, sabíamos que tínhamos pouco tempo para explorar a ilha pois o nosso destino era Santo Antão. Assim pegámos rapidamente nas mochilas e arranjámos um taxista que nos levasse até Mindelo, onde comprámos os bilhetes para o barco que saía nessa tarde para Santo Antão. Com os bilhetes comprados e a viagem confirmada, estava na hora de explorar a ilha. Arranjámos outro táxi, conduzido pelo Edson, e pedimos-lhe que nos mostrasse o melhor da ilha de São Vicente em duas horas. Ele sorriu e disse “duas horas?!”. Depois de ter expressado um ar desesperado riu-se e disse: “Então, vamos lá!”.  Tínhamos mais tempo na ilha de São Vicente mas queríamos regressar a Mindelo e explorar a cidade ainda antes do barco partir para Santo Antão.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

São Vicente recebeu-nos com Cesária Évora, não a cantora que infelizmente já faleceu, mas no aeroporto com o seu nome. Esta é uma das ilhas mais pequenas do arquipélago mas culturalmente é uma das principais já que é considerada a alma das mornas e da coladera, dois géneros musicais e de dança cabo-verdianos. Para além disso, a maioria dos escritores cabo-verdianos de renome têm ligações a São Vicente e ao Movimento Claridade, um movimento literário. Esta é a melhor ilha para se apreciar a arte, pintura e artesanato cabo-verdianos.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Saímos do Mindelo e passamos por Monte Verde, o ponto mais alto da ilha com 774 m de altitude, onde pudemos apreciar uma vista panorâmica. As vistas sobre a baía de Mindelo são impressionantes, embora o tempo não ajudasse,  mas foram as perspectivas sobre a parte oriental da ilha que nos conquistaram. As perspectivas sobre a Baía das Gatas e Salamansa são avassaladoras e decidimos que não podíamos ir embora da ilha sem espreitar estes lugares.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Baía das Gatas é a praia mais famosa de São Vicente graças a uma piscina natural que aqui se formou. As areias brancas atraem vários turistas, nacionais e estrangeiros, assim como a uma praia um pouco mais à frente, a Praia Grande. Hoje o tempo estava encoberto e a praia completamente desértica. Apenas alguns barcos atracados faziam lembrar a vida do local.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Calhau é completamente diferente mas não tivemos tempo de lá ir. Edson disse-nos que era magnífico. Terá que ficar para a próxima. É uma pequena vila pesqueira com um porto de pesca e uma praia esquecida pelo turismo.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Ao longo do nosso percurso fomos vendo alguma antigas crateras e cones vulcânicos, a maioria já erodida mas ainda perceptíveis  na paisagem, lembrando que o vulcanismo está na origem deste arquipélago. A aridez da ilha chega a impressionar. Não parece haver vestígios de vegetação autóctone e a maioria das árvores (poucas) que se vêem são plantadas. O ar está muito quente e abafado mas o céu está completamente escuro. Parece que vai chover a qualquer momento, mas Edson diz-nos “não, não vai”. Nesta altura do ano, os ventos alísios que sopram dos trópicos atingem o território. Secos e quentes, estes ventos tornam o ar pesado só amenizado pela humidade do Atlântico.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Só cerca de metade das pessoas da ilha é que tem acesso a água potável e vêem-se vários autotanques a fazer a distribuição de água nos subúrbios de Mindelo. Fazem dessalinização da água no porto que é usada para consumo público e para os estaleiros.

Explorando o melhor da ilha de SÃO VICENTE | Cabo Verde

Neste nosso primeiro dia em São Vicente, exploramos um pouco a ilha e depois regressamos a Mindelo, onde descobrimos a mescla cultural da cidade e o legado colonial português. E, quando alguns dias mais tarde regressarmos de Santo Antão, voltaremos a explorar Mindelo. Mas essa será uma outra estória e terá que esperar.

PROCURE ALOJAMENTO EM MINDELO

Onde dormir 

  • Kiras Guest House: Localizada ao lado da Praça Amilcar Cabral, no centro de Mindelo, o Kiras Hotel é excelente, e provavelmente a melhor opção de alojamento em Mindelo. Os quartos duplos custam cerca de 65€. A sua localização permite aproveitar para explorar a vida nocturna mindelense. Cada quarto tem o nome de uma ilha cabo-verdiana. O ambiente é muito tranquilo e agradável e as funcionárias são incensáveis e super simpáticas. O hotel, para além da localização excelente, tem um quarto grande e espaçoso e uma casa de banho maravilhosa com água quentinha e cheia de pressão. O quarto tem frigorífico. O terraço do hotel é lindo e acolhedor. Como só ficamos aqui um dia e saímos muito cedo não sabemos como é o pequeno-almoço servido no hotel, mas sabemos algo muito importante. Quando saímos bem cedo pela manhã (05.30), a funcionária preparou-nos um pequeno almoço fantástico com uma tosta mista quentinha, um sumo e fruta para levarmos para o aeroporto. Um gesto de delicadeza que não podemos esquecer.

Há outros alojamentos recomendados no Mindelo. O ideal é procurar alojamento no centro, pelo que pode optar por alguns destes:

  • Prassa 3 Boutique Hotel – Local recatado e com glamour. É um local romântico e uma bela escolha no centro da cidade.
  • Casa Senador – Mais um belo lugar para se alojar na cidade, cheio de carisma, no interior de um dos edifícios históricos do Mindelo. Muito central.
  • Casa Café Mindelo – Um dos hotéis mais típicos do Mindelo. Está no centro da movida. Um excelente opção para combinar boa cama com boa mesa.
  • Casa Colonial – Bela casa senhorial, recuperada e agora transformada numa unidade de alojamento tradicional e muito bonito. Tem piscina.
  • Blue Marlin Hotel – Em frente à marina e com uma magnífica vista. Tem piscina.
  • Apart Hotel Avenida – Muito central, simples e limpo. Uma opção económica.

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

.

PROGRAME A SUA VIAGEM

  Faça as suas reservas através das parcerias do nosso blogue. Você NÃO PAGA MAIS, nós ganhamos uma pequena comissão. Assim conseguimos manter o blogue com opiniões isentas.

Resultado de imagem para hotel icon Reserve o hotel no Booking.com e encontre as melhores promoções. Reserve e cancele sempre que necessitar.

Resultado de imagem para tourism iconMarque os seus bilhetes nos monumentos e tours, evitando filas usando o Get Your Guide.

Imagem relacionada  Reserve os seus voos com a Skyscanner. Garanta os melhores preços.

Resultado de imagem para car icon  Alugue carro usando o RentalCars, comparando e escolhendo o melhor preço antes de viajar.

Resultado de imagem para saúde icon  Faça seguro de viagem na Iati Seguros ao menor preço do mercado e com seguros especializados para viajantes. Se usar este link gozará de 5% de desconto.

Resultado de imagem para livro icon  Usamos os guias de viagem da Lonely Planet para preparar as nossas viagens. Se faz o mesmo, pode comprá-los online. Sai mais barato e os portes são grátis a partir dos 35€.

Resultado de imagem para dinheiro icon Use o cartão REVOLUT para levantar dinheiro em viagem. Se usar este link, não terá custo com o envio do cartão, poupando assim 5,99€.   Este blogue contém links de programas de afiliados.

11 Comentários

  1. André Bagulho Silva diz: Responder

    Olá, tem alguma informação acerca das viagens entre ilhas? Marcações, preços, etc…

    1. Carla Mota diz: Responder

      Tem que ver o artigo das dicas de Cabo Verde.

  2. Noé Bispo diz: Responder

    Boa tarde, obrigado pela matéria , muito boa. Por acaso você teria o contato de Edson lá em Mindelo? Caso sim, mande para mim por favor. Obrigado

    1. Carla Mota diz: Responder

      Boa tarde, Noé, não temos não.

  3. Manuela Morais diz: Responder

    Olá Carla,
    Fomos colegas no curso de Geografia na Universidade de Coimbra.
    Sou cabo-verdiana e resido no Mindelo.
    Fico muito contente por teres visitado e gostado de Cabo Verde. Obrigada por ajudares a promover as ilhas como destino turístico.
    Se algum dia voltares à São Vicente, não hesites e contactar-me.
    Manuela Morais.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Olá Manuela. Não sabia que estavas aí. Da próxima vez que for aviso. Quero muito voltar para conhecer as ilhas que me faltam. Obrigada. Se puderes, ajuda a partilhar alguns artigos. bjinhos grandes e saudações coimbrãs. :*

  4. Freitas diz: Responder

    É sempre um prazer ver o vosso entusiasmo, pela consecução de novos de desafios e também pela partilha do mais belo conseguido, desfrutado, dissecado, registado e retratado! Parabéns, sempre…

  5. A vista panorâmica da cidade de Mindelo é espectacular. Sem palavras. A vossa viagem a Cabo Verde ajudou-me imenso na descrição da documentação fotográfica relativa aos CTT de Cabo Verde (Serviços de Valores Postais do Ultramar).

    Um Abraço de outro Blogger.

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada 😀

  6. Freitas diz: Responder

    Sou um incondicional fã das vossas aventuras. Tenho também algumas, mas numa escala menor, contudo partilho do vosso gosto aventureiro e cultural. Continuem com essa jovialidade e interesse pelas “conquistas”! Forte abraço. Freitas

    1. Carla Mota diz: Responder

      Obrigada.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.