Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

Sevilha é uma cidade apaixonante e há muito que fazia parte dos nossos projectos de viagem. Como não tínhamos muito tempo disponível (para escapadinhas curtas) íamos adiando a visita mas este ano, resolvemos juntar tudo: o Caminito del Rey e a Feria de Sevilha. Foi um óptimo “casamento”. Exploramos o melhor da Andaluzia em apenas cinco dias.

Sevilha é uma das cidades com mais história do mundo. Dali saíram grande parte dos maiores navegadores espanhóis (e outros portugueses mas ao serviço dos réis de Espanha), tais como Cristóvão Colombo ou Fernão Magalhães para descobrir o Novo Mundo.

O legado histórico destes navegadores ainda se respira na cidade, nomeadamente na Catedral e áreas circundantes, onde há vários lugares para conhecer. Como fã assumida de Fernão Magalhães não perdi oportunidade de percorrer os lugares onde este pisou, mas há muito mais coisas interessantes para fazer em Sevilha. Assim, reserve dois ou três dias para explorar a cidade e, se conseguir, faça-o durante a Feria de Sevilha. Não se vai arrepender.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

1. CATEDRAL DE SEVILHA

A Catedral de Sevilha é o epicentro da cidade. Tudo à volta é magnífico e esta é a zona mais viva da cidade, pelo que alojar-se nas imediações pode não ser barato, mas é definitivamente a melhor escolha. A Catedral de Sevilha é um dos maiores legados da arquitectura gótica oa mundo. A Catedral começou a ser construída no início do século XV e as suas obras prolongaram-se por mais um século. No seu interior estão várias obras de arte, esculturas e pinturas, assim como o túmulo de Cristovão Colombo. No final, o resultado foi a maior catedral do mundo. É possível subir à Giralda e contemplar de vistas fantásticas sobre Sevilha. Prepare-se para as filas!

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

PROCURE AQUI ALOJAMENTO NO CENTRO DE SEVILHA

2. LA GIRALDA

A Catedral de Sevilha foi construída sobre uma antiga mesquita islâmica do século XII, mas ainda conserva alguns elementos originais da mesquita, é o caso da torre sineira, a La Giralda, e o pátio dos Narajos. A torre de origem moura era o antigo minarete da mesquita que foi sofrendo alterações pontuais ao longo de quase 10 séculos. Na actualidade tem no topo uma réplica de um Giraldo, uma estátua de bronze que representa a fé. O pátio dos Naranjos, outro elemento de origem árabe, constitui o antigo pátio de ablução da mesquita, o local onde os fiéis se levavam antes de entrarem na mesquita para fazer as orações.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

3. ARQUIVO DAS ÍNDIAS

O Arquivo  das Índias reúne alguns dos maiores testemunhos da importância de Sevilha na descoberta do Novo Mundo. Estão ali reunidos 86 milhões de páginas manuscritos sobre as expedições espanholas, mais de 800 mapas e esboços. Há verdadeiros tesouros, como cartas de Cristóvão Colombo ou Cervantes. Não perca os andares superiores onde há exposições de mapas e manuscritos.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

4. AL ALCÁZAR

O Alcásar é um dos edíficios mais emblemáticos da Andaluzia e imagem de marca de Sevilha. Mandado construir pelo Almoádas, Pedro I criou no seu interior um palácio com salas, jardins e recantos exuberantes, pelas mãos dos melhores artífices de Granada e Toledo. Passear nos jardins do Alcásar é um dos melhores programas para se fazer em Sevilha, com fontes, pavilhões e terraços cheios de flores coloridas. O interior do palácio guarda algumas das mais belas decorações de azulejo da Península Ibéria, embelezando pátios, salas e arcadas verdadeiramente apaixonantes.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

5. PRAÇA DO CABILDO

Escondida nos edifícios que ladeiam a Avenida da Constituição, a praça do Cabildo é um pequeno recanto verdadeiramente artístico na cidade de Sevilha. A praça fica numa entrada em frente à porta da capela da Catedral de Sevilha, na Avenida da Constituição.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

6. PRAÇA DE ESPANHA

 A belíssima praça de Espanha merece uma visita com um dia solarengo. Infelizmente não tivemos essa sorte. Chovia torrencialmente quando a visitámos e as cores vivas dos azulejos que embelezam praça e os palácios que a ladeiam não mostravam o seu esplendor. A praça localiza-se no parque Maria Luísa, um belíssimo programa para um passeio de Verão, Primavera ou Outono.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

7. BAIRRO DE SANTA CRUZ

O bairro de Santa Cruz é o velho bairro judeu da cidade de Sevilha. Uma profusão de cores, reunida numa urbe de ruas estreitas e sinuosas, cheia de becos. As ruelas do bairro são um óptimo local para encontrar a alma andaluz, com pequenos cafés, bares de tapas, restaurantes e alojamento local. Perca-se nestas ruas e desfrute do melhor da cidade de Sevilha.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

8. PRAÇA VIRGEM DOS RÉIS

A praça Virgem dos Réis é uma praça em frente à Catedral de Sevilha. No centro, uma fonte do século XX, serve de centro nevrálgico da cidade. A praça enche-se de carruagens, que ganham uma alegria própria em tempo de Feria, quando os habitantes da cidade se vestem a preceito para passear por Sevilha. É o local ideal para começar a sua visita pela cidade de Sevilha.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

9. TAPAS NA CALLE MATEOS GAGO

Não faltam lugares em Sevilha para comer tapas, alguns dos quais dos melhores de Espanha. No entanto, na Calle Mateus Gago, tem outro encanto. Há varios locais de renome, tal como o bar “Giralda”, no entanto, temos outros favoritos. Gostamos muito mais das tapas que comemos no “Catedral” e no “Bodega Santa Cruz”.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

10. TORRE DO OURO

A Torre do Ouro, nas margens do rio Guadalquivir, no coração da cidade de Sevilha. A torre fazia parte da muralha moura da cidade e estava ligada ao Alcásar. Esta e outra torre de vigia, do lado oposto do rio, serviam a defesa da cidade, uma vez que eram unidas cor cabos de ferro que visavam impedir os navios inimigos de subir o rio. Ali terão sido descarregadas centenas de milhares de quilos de ouro trazidos da América Central e do Sul, daí o seu nome.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

11. GUADALQUIVIR

O rio Guadaquivir, na cidade de Sevilha, dota a cidade de um espelho de água permanente que embeleza ainda mais a cidade. Passear na marginal do rio é um dos passeios preferidos dos locais e dos turistas, quer de dia, quer de noite. Assistir ao pôr-do-sol na marginal é um belo programa para terminar o dia na cidade.

Sevilha, a cidade que deu novos mundos ao mundo | Espanha

PROCURE AQUI ALOJAMENTO EM SEVILHA

Carla Mota

Geógrafa com uma enorme paixão pelas viagens e pelo mundo. Desde muito cedo que as viagens de exploração fazem parte da sua vida, culminando num doutoramento nos Andes, investigando ambientes glaciares. A busca do conhecimento do mundo leva-a em direcção a culturas perdidas e ameaçadas, tentando percebe-las. Hoje é também líder de viagens de aventura na Nomad.

More Posts - Facebook - Google Plus - Flickr - YouTube

Deixar uma resposta